Syren: o romantismo no nosso estilo fica um pouco de lado

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Renato Sanson, Fonte: Heavy And Hell, Press-Release
Enviar correções  |  Ver Acessos

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.


Em entrevista exclusiva ao blog Heavy And Hell, o vocalista Luiz Syren (SYREN), bateu um papo conosco falando de sua carreira, seus projetos, seu momento atual com a banda SYREN, além de outras curiosidades relacionada a sua carreira.

Fotos de Infância: Max e Igor Cavalera, do SepulturaJohnny Depp: a banda que poderia ter desbancado o Guns

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Confira alguns trechos da entrevista realizada por Luiz Harley:

HAH: Sendo um cara tão ativo na cena, como você vê a cena do Metal nacional, acha que estamos em retrocessos ou avanços?

LS: Estamos sempre em evolução, pode ser mais lenta, mas sempre em evolução, hoje tem muito mais qualidade as bandas e equipamentos, temos infinidades de eventos voltados para o Metal, somos caminhos prioritários as grandes bandas de Metal, mas por outro lado a coisa fica um pouco fria demais, o romantismo tão evidente no nosso estilo fica um pouco de lado, é tanta info que fica difícil de acompanhar ou assimilar tudo, tantos eventos que divide o público, tantos lançamentos que não se tem grana para ter tudo e por ai vai...

HAH: O nome Syren pode soar como um projeto solo, mas é bem evidente que vocês são uma banda. Como rola essa relação entre os músicos e qual a formação atual da Syren?

LS: A Syren sempre foi uma banda nunca um projeto, o nome foi por um lance de se a banda tiver o sobrenome parecido com o meu, não teria como eu sair, poderia terminar, mas nunca sair, acredito que isso deu confiança aos músicos que tocaram comigo em todas as formações, sempre tentei mudar o nome, mas ninguém principalmente o Bruno Coe que esta comigo desde o início nunca aceitaram, e agora com tantos anos já pegou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

HAH: Falando um pouco do álbum de estreia do Syren o "Heavy Metal", existem passagens mais guturais e rasgadas nas músicas, e você canta muitas vezes em tons mais agressivos, seria isso uma resposta aos críticos que insistem a te comparar com Bruce Dickinson? E até que ponto esse comparativo te incomoda?

LS: Todas as linhas de voz foram gravadas por mim, apenas o começo com efeito da "Keep Walking" é a voz do Alex Macedo (Guitar). Eu vou ter que conviver com essa comparação para sempre, a menos que vá cantar Death Metal... Hahaha. O modo agressivo foi herdado das fantásticas bandas de Thrash dos anos 80, algo que muitos não acreditam, mas minhas primeiras influências foram Tom Araya (Slayer) e Blackie Lawless (WASP). Essa comparação não me incomoda mais, o importante é o que eu leio nas publicações e escuto nas conversas com os amigos/fãs, que não sou um clone forçado ou algo parecido, isso realmente iria me deixar muito mal, pois como podem ver sempre tento impor algo diferente nas interpretações.

Para conferir a entrevista na íntegra acesse o link abaixo:
http://heavyandhellsc.blogspot.com.br/2012/11/entrevista-luiz-syren-locomotiva-do.html




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Syren"


Fotos de Infância: Max e Igor Cavalera, do SepulturaFotos de Infância
Max e Igor Cavalera, do Sepultura

Johnny Depp: a banda que poderia ter desbancado o GunsJohnny Depp
A banda que poderia ter desbancado o Guns


Sobre Renato Sanson

Renato Sanson é gaúcho, dono do blog Heavy And Hell, redator e editor do site Road to Metal, fãnatico por Iron Maiden e também fãnatico por Thrash Metal, dentre suas atividades já foi colaborador do site Arena Heavy e vem somando em seu currículo diversas entrevistas internacionais e nacionais e com um objetivo trassado, unir o Metal nacional e mostrar a todos que temos a melhor cena do mundo. Siga Renato Sanson no Twitter: @RenatoSanson e conheça seus dois veículos de comunicação: Heavy And Hell / Road to Metal.

Mais matérias de Renato Sanson no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280