Sammy Hagar: "os caras do Van Halen não pensam nos fãs"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Marco Néo, Fonte: Classic Rock Revisited, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Jeb Wright, do site “Classic Rock Revisited”, conduziu em novembro de 2008 uma entrevista com Sammy Hagar, ex-vocalista do VAN HALEN, que falou sobre sua carreira incluindo, obviamente, os grupos pelos quais passou e o seu envolvimento com o CHICKENFOOT.

1244 acessosVan Halen: Simplesmente "FUCK"5000 acessosFotos de Infância: Robert Plant, do Led Zeppelin

CRR: "Como você é uma pessoa honesta, eu gostaria de saber a sua opinião sobre uma coisa. Eu não pude ver o VAN HALEN nessa última turnê. Mas eu não consigo parar de pensar que foderam o Michael Anthony. Eu gostaria de saber se você acha que foderam o Michael.

Sammy: "Totalmente. Eu estou arrastando o Mikey pelo país – eu tenho um baixista que toca e canta. Ainda assim, eu ainda prefiro trazer o Mikey pelo país comigo. Eu amo o cara. Ele é mais engraçado que todo o resto do VAN HALEN junto. Em razão dele ter sido zoado, eu não consigo ir tocar em qualquer lugar no mundo sem perguntar ao Mike, 'você quer vir?' Em noventa por cento das vezes ele diz 'sim'. Foderam com ele e foi horrível. Eu não vou aqui querer dizer 'porquê e o que', eu não faço idéia do motivo. Mais uma vez, eles não conseguem fazem um álbum há quinze anos e então eles chutam o Michael Anthony da banda no momento em que vão fazer uma reunião que todos os fãs do VAN HALEN estavam esperando desde os anos 80. Os fãs aguardaram essa reunião e eles (VAN HALEN) fizeram do jeito errado. É mais um ponto contra esses caras. Eles não são saudáveis, mentalmente falando, e tomam decisões erradas. Eles não pensam nos fãs nem por um segundo, o que não é bom".

CRR: uma vez eu ouvi dizer que você e Eddie brigaram dentro de um avião, no meio do vôo, e que o Eddie tentou quebrar uma janela do avião. Isso é verdade?

Sammy: "É, é verdade. Ele tentou quebrar a janela com a mão até que se machucou. Daí ele tentou quebrar a janela com uma garrafa de vinho até que o Alex pulou em cima dele, tomou a garrafa de sua mão e o acalmou. Eu ia sair da banda no dia seguinte, mas já tínhamos quarenta shows marcados e eu não poderia fazer isso com os fãs. Eu achei que não seria legal queimar os fãs desse jeito. Eu sabia que eles (VAN HALEN) iriam fazer de mim o vilão. Mas eu me neguei a viajar no mesmo avião com esse cara de novo. Ele estava completamente fora de si de tão bêbado. Ele estava totalmente zoado. Ele estava tão zoado que foi estúpido o suficiente pra derrubar doze pessoas. Gente assim não deveria ter permissão pra viajar em aviões, e provavelmente não têm, mas nós estávamos voando em um avião exclusivo. Eu disse: 'o único jeito de eu continuar a turnê vai ser se eu tiver o meu próprio avião'. Eles pagaram pelo meu avião".

Classic Rock Revisited: você sempre priorizou a música, seja nos WABOS, no VAN HALEN, na sua carreira solo ou no MONTROSE. Eu acho que os fãs reconhecem isso e é por isso que eles o amam.

Sammy: "O motivo pelo qual eu tenho seguidores fanáticos é porque eu sempre estou detonando. Goste ou não da minha música, da minha banda ou das minhas músicas, eu estou por aí tocando, vou continuar tocando e gostando de fazer isso. Tomara que a minha nova banda, CHICKENFOOT, preencha aquele espaço que antes era do VAN HALEN, para mim e para meus fãs. Tem um super-guitarrista, Joe Satriani, e também tem Chad Smith na bateria e o Michael Anthony no baixo e cantando. Nós temos aquela química que havia no VAN HALEN. Quando nos juntamos, começamos a rir e a nos divertir, e a música jorra de nós. Eu estou muito contente de estar num ambiente criativo como esse com outras pessoas de novo".

"Minha banda é criativa, não me entenda mal. Eles são minha banda solo e sempre serão minbha banda. É como o Bruce Springsteen e a E STREET BAND, eles fazem o pano de fundo para o Bruce. Quando você junta outro tipo de banda, onde um inspira o outro e tenta tocar melhor que o outro e o empurra até o limite, e não sou eu que estou no comando do show – é isso o que era o VAN HALEN. Eu amo esse sentimento. Era assim também no MONTROSE e no HSAS. Todos traziam idéias e não era um lance solo. Eu estou apreciando muito esse momento com o CHICKENFOOT".

CRR: O nome da banda vai ser CHICKENFOOT mesmo?

Sammy: "Digamos que amanhã a gente mude o nome para THE BROWN BOYS. Vamos lançar um disco e as pessoas vão dizer, 'você já ouviu o THE BROWN BOYS?' Daí o outro pergunta 'quem são esses caras?', e a resposta vai ser 'é o antigo CHICKENFOOT'. Não importa pra qual nome nós mudemos, todo mundo vai se referir a nós como CHICKENFOOT. Pra mim é mais do que apenas um nome besta. A banda é 'funky' e é como um pé de galinha andando pelo galinheiro. Por baixo e sujo".

CRR: Vocês já tem algum cronograma?

Sammy: "Espero que tudo esteja pronto no verão (no hemisfério norte) do ano que vem. Nós queremos lançar um CD e sair em turnê. Nós queremos levar nosso trabalho para o mundo, esta banda é muito boa. Só de olhar para os quatro integrantes já dá pra dizer que é boa. Agora, imagine quando os quatro integrantes têm uma ótima química, daí já dá pra saber o quanto isto será bom. Todo mundo leva os outros para um nível diferente. Você pode pegar os melhores músicos do mundo e colocá-los numa banda, se não houver química a banda vai ser uma bosta. Você pode colocar bons músicos numa banda e ter uma boa química, como os BEATLES tiveram, e você tem a melhor banda do mundo. Não dá pra comparar George Harrison a Eddie Van Halen na guitarra, mas o processo criativo que aqueles caras alcançaram, isso não dá pra comparar ao Eddie Van Halen, a mim ou a qualquer pessoa".

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 23 de outubro de 2012
Post de 28 de fevereiro de 2014
Post de 01 de março de 2014
Post de 02 de março de 2014

Van HalenVan Halen
Em "5150", uma banda mais compacta e divertida

1244 acessosVan Halen: Simplesmente "FUCK"474 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Van Halen"

Pra discutirPra discutir
Os 100 melhores discos de hard rock de todos os tempos

Van HalenVan Halen
Sammy Hagar comenta vinte anos de bizarrices

Van HalenVan Halen
Sammy Hagar só topa voltar se David Lee Roth ficar

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Van Halen"0 acessosTodas as matérias sobre "Chickenfoot"

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Robert Plant, do Led Zeppelin, muito antes da fama

Nomes de BatismoNomes de Batismo
Os nomes verdadeiros dos artistas do Rock e Metal

TatuagensTatuagens
Homenagens ao Guns N' Roses na pele dos fãs

5000 acessosMotörhead: em 1995, Lemmy comenta versão do Sepultura5000 acessosMetallica: NME elege as 10 melhores músicas do grupo5000 acessosFotos de Infância: Cradle Of Filth5000 acessosArctic Monkeys: o significado de 5055000 acessosMetallica: conheça a Miss gaúcha que ganhou um M&G com a banda5000 acessosSteven Tyler: "Cheirar ou não cheirar nem era uma questão!"

Sobre Marco Néo

Nascido na primeira metade dos anos 70, teve seu primeiro contato com sons pesados quando o Kiss veio para o Brasil, em 83, mas não compreendeu bem o que era aquilo. A contaminação efetiva ocorreu um ano depois, quando conheceu Motörhead, Judas Priest, AC/DC, Iron Maiden. Desde então, tornou-se um apaixonado colecionador de tudo o que se refere a Metal e Rock'n'Roll, independentemente de subestilos.

Mais matérias de Marco Néo no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online