Arch Enemy: "o Kiss era uma coisa meio divina"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Felipe Ferraz, Fonte: Venia, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

A revista croata Venia publicou uma nova entrevista com o baixista do ARCH ENEMY, Sharlee D'Angelo, que falou, dentre outras coisas, sobre suas influências musicais.

Em 22/09/1998: Kiss lançava o álbum "Psycho Circus"Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em BH

Venia: Como você gostaria de apresentar o ARCH ENEMY para o público croata?

Sharlee D'Angelo: "A banda mais durona e mais covarde do mundo ao mesmo tempo!"

Venia: Qual é a história por trás do nome da banda?

Sharlee D'Angelo: Todos os nomes bons já haviam sido tomados. Essa é uma antiga expressão clássica que funciona bem e soa metal. Não existe um pensamento mais profundo por trás dele, mas você poderia dizer que nós somos os arquiinimigos de tudo o que é chato, pensamento midiático ruim e simplesmente chato.

Venia: Quais bandas tiveram a maior influencia no trabalho criativo e estilo do grupo no início da carreira e atualmente?

Sharlee D'Angelo: "São incrivelmente muitas, como no início em que queríamos fazer metal clássico. Coisas que nos influenciaram foi tudo do início dos anos 80 e até o Thrash. Também há influências de coisas antigas dos anos 70 em tudo, desde PURPLE, RAINBOW até THIN LIZZY e JUDAS PRIEST. Você poderia dizer que nós juntamos tudo isso e assamos em um mesmo biscoito. Atualmente o tipo de coisa que você ouve depende um pouco do momento e nós ouvimos músicas muito, muito diferentes. Como a Angela, por exemplo, ela é pessoa na banda que ouve as músicas mais extremas, ela ainda se mantém fortemente ligada na onda sonora da Flórida, enquanto o resto de nós ouve coisas mais melódicas".

Venia: O que te guia e te faz continuar a trabalhar com música?

Sharlee D'Angelo: "Simples, é porque eu sou tão incrivelmente estúpido para fazer qualquer outra coisa. Bom, o lance é que nós estamos fazendo isso por tanto tempo, que você sabe, é difícil de imaginar qualquer outra coisa. Eu quero dizer, isso é o que eu sempre quis fazer, mas às vezes a sensação é muito difícil".

Venia: O que você me diz sobre o mais recente álbum, "Rise Of The Tyrant"?

Sharlee D'Angelo: "É apenas excelentemente bom! (risos) Bom, eu estou muito contente com ele, pelo menos do ponto de vista puramente musical, a produção não acabou do modo que eu tinha imaginado, mas as pessoas parecem gostar dele de toda forma, então essa é uma daquelas pequenas coisas sobre as quais só você reflete. Mas musicalmente e pelas letras eu estou realmente contente com ele! Para mim é um pouco como se tudo fosse em ondas. Nós estivemos fazendo muitas turnês após o lançamento do 'Wages Of Sin' e logo antes do 'Anthemes Of Rebellion'. Tínhamos começado a fazer uma turnê muito, muito pesada e então nós meio que começamos a gostar de tocar as músicas mais simples, e sendo assim todas as músicas naquele álbum se tornaram muito simples. Algumas coisas que nós fizemos com isso tornaram o 'Doomsday Machine', não de um modo negativo, mas de certo modo monótono e então nós ficamos enjoados após fazer turnê dele por dois anos. Então agora nós queríamos fazer as coisas difíceis de novo e começamos a encaixar mais solos de guitarra, mudanças de ritmo e detalhes que nós não fazíamos por quase 10 anos. Daí o álbum soar renovado novamente, e para próximo trabalho eu não tenho idéia".

Vania: Quão cedo você percebeu que você queria trabalhar com música? Era óbvio que você tocaria guitarra, oh perdão, quero dizer, baixo?

Sharlee D'Angelo: Na verdade eu comecei tocando guitarra. Acho que eu tinha isso na minha cabeça de certa forma. Eu simplesmente pensei que esse era o caminho que aconteceria e não havia nada de realista nele, era simplesmente algo que eu queria fazer. Isso começou quando eu tinha tipo 7-8 anos de idade, quando eu ouvi KISS pela primeira vez, porque eles eram algo a mais do que simplesmente uma banda que tocava boa música, eles era tão irreais, eles eram uma coisa meio que divina e então eu pensei que isso era algo que eu gostaria de fazer. Eu ainda tenho essa mentalidade porque mesmo se você faz a menor apresentação em um clube para 150 pessoas, então você a trata como se fosse na maior arena do mundo. Eu quero dizer, esse é o modo que eu fui criado, você pensa ou não pensa em nada, simplesmente vem naturalmente durante aquelas uma hora e meia, então você é uma super estrela, mas então, assim que você sai do palco, você é uma pessoa normal novamente e agradece a Deus por aquilo!"




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Arch Enemy"Todas as matérias sobre "Kiss"


Em 22/09/1998: Kiss lançava o álbum "Psycho Circus"Kiss: Alive!, o primeiro álbum ao vivo da banda norte-americana (vídeo)

Download 2020: festival terá Iron Maiden, Kiss, System of a Down e maisDownload 2020
Festival terá Iron Maiden, Kiss, System of a Down e mais

Kiss: show em São Paulo é confirmado oficialmente para maio de 2020Kiss
Show em São Paulo é confirmado oficialmente para maio de 2020

Hair metal: os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling StoneHair metal
Os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling Stone

Kiss: as camisetas feitas a mão pelo jovem Gene SimmonsKiss
As camisetas feitas a mão pelo jovem Gene Simmons

Kiss: Alive II é um clássico de uma banda em seu auge

Kiss: Orações e empatia não são suficientes, diz Paul Stanley sobre tiroteiosKiss
"Orações e empatia não são suficientes", diz Paul Stanley sobre tiroteios

Kiss: camisetas vendidas em show estavam com o nome da cidade escrito erradoKiss
Camisetas vendidas em show estavam com o nome da cidade escrito errado

Rodz Online: 25 Anos de Philips Monsters of Rock 1994 (vídeo)

Kiss: Paul Stanley diz que Gene Simmons é seu irmão para sempreKiss
Paul Stanley diz que Gene Simmons é seu irmão para sempre

Kiss: esposa de Gene Simmons faz imitação hilária do músico em seu dia a diaKiss
Esposa de Gene Simmons faz imitação hilária do músico em seu dia a dia

Kiss: Gene Simmons é parabenizado no palco pelos seus 70 anos; veja vídeoKiss
Gene Simmons é parabenizado no palco pelos seus 70 anos; veja vídeo

Kiss: confira a capa do tributo brasileiro Brazil Rock CityKiss: assista show da banda realizado em Charlotte, nos EUA

MTV: experts indicam as maiores bandas de Heavy MetalMTV
Experts indicam as maiores bandas de Heavy Metal

Kiss: 15 bandas que abriram shows deles e se tornaram famososKiss
15 bandas que abriram shows deles e se tornaram famosos

Kiss: Slash, do GN'R, tentou entrar na banda em 1982, diz PaulKiss
Slash, do GN'R, tentou entrar na banda em 1982, diz Paul


Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em BHIron Maiden
Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em BH

Tom Araya: Não sou ateu; acredito em Deus!Tom Araya
"Não sou ateu; acredito em Deus!"

E-Farsas: Papa Francisco era fã do Black Sabbath?E-Farsas
Papa Francisco era fã do Black Sabbath?

Iron Maiden: Bruce Dickinson e sua preferência pelo BrasilIron Maiden
Bruce Dickinson e sua preferência pelo Brasil

Cachês: nova lista revela quanto embolsam astros do Rock e MetalCachês
Nova lista revela quanto embolsam astros do Rock e Metal

Faith No More: Curiosidades sobre o álbum Angel DustFaith No More
Curiosidades sobre o álbum Angel Dust

Vozes: As 50 maiores da história do RockVozes
As 50 maiores da história do Rock


Sobre Felipe Ferraz

Estudante de computação conformado com o futuro dos dedos em um teclado e longe dos fretes de uma guitarra, pois após muito tentar teve que admitir que, com sua sofrível técnica, nem se quisesse tocar no Calypso teria chance. Amante de Rock e Heavy Metal desde ouvir os primeiro acordes de "Iron Man" do Black Sabbath, não se prende a rótulos musicais, ouvindo tudo que lhe agrada. No geral sons pesados, melódicos e com muita guitarra, apesar de detestar exibições de virtuosismo desnecessárias nas músicas. Acompanha o Whiplash! desde os tempos de internet discada, tomando a feliz iniciativa de contribuir após desistir de virar notícia no site e encontrar o link de colaboração.

Mais matérias de Felipe Ferraz no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336