Grammy: indicação do Sum 41 e outras bizarrices

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Samuel Coutinho, Fonte: loudwire.com, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

"E o vencedor é ... Jethro Tull." Essas foram as palavras lidas por Alice Cooper após a abertura do envelope branco no Grammy de 1989. Depois de Jethro Tull bater o METALLICA com a premiação da Melhor Performance de Rock/Metal, o Grammy manteve um estigma fora de contato com o rock pesado. Na noite passada, os nomeados foram lidos para a categoria Melhor Performance de Rock/Metal, com as seguintes bandas: DREAM THEATER, MEGADETH, MASTODON, FOO FIGHTERS e... Sum 41?

5000 acessosWest Ham: o time do coração de Steve Harris5000 acessosCinema: 60 filmes pra quem ama Rock e Metal

Muitos ficaram chocados ao encontrar Sum 41 com a música "Blood in My Eyes", como um dos nomeados. A nomeação foi considerada, sem sombra de dúvidas, bem bizarra, cercado por bandas que moldaram o rock e o metal em 2011, com tantos detalhes.

Junto com a vitória infame do Jethro Tull, o Grammy fez várias cagadas, permitindo que o público questionassem a validade da maior noite da música. Em 1993, o "monster single" do NIRVANA, "Smells Like Teen Spirit" estava concorrendo como Melhor Canção de Rock. Não havia nenhuma maneira de vencê-los, certo? A canção que legitimamente mudou o mundo? E o vencedor é... "Layla" de Eric Clapton! Sim, "Layla" lançada pela primeira vez em 1970. O Nirvana não só perdeu o prêmio, como perdeu para uma versão acústica de uma música de 23 anos de idade.

Para o prêmio de "Melhor Gravação de Rock Contemporâneo", categoria de 1967, foi preenchida com alguns pesos pesados ​​com "Good Vibrations" dos BEACH BOYS, "Monday Monday" do MAMAS AND THE PAPAS e "Eleanor Rigby" dos BEATLES, para citar alguns. Em uma das maiores eras da música, uma dessas bandas deveria ter levado para casa o Grammy. E o vencedor é... "Winchester Cathedral" da banda New Vaudeville! É brincadeira?

Agora de volta a 2011, o Sum 41 realmente merece esta nomeação? Não que o Sum 41 seja uma banda ruim, eles foram uma das maiores bandas de pop-punk dos anos 2000 e eles certamente contribuíram para alguma coisa... mas 2001 se foi. E o ANTHRAX ou MACHINE HEAD? Ambos lançaram álbuns incríveis em 2011.

O vencedor do Grammy de Melhor Performance de Rock/Metal será anunciado no dia 12 de fevereiro de 2012, durante a 54ª edição do Grammy Awards.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Curiosidades

Iron MaidenIron Maiden
Conheça o West Ham, time do coração de Steve Harris

CinemaCinema
60 filmes pra quem ama Rock e Metal

MTV UnpluggedMTV Unplugged
As 25 melhores apresentações da história

5000 acessosRockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e Deus5000 acessosThrash Metal: 20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável5000 acessosMetallica: Hammett e Ulrich escolhem álbuns e músicas da década passada5000 acessosTarja Turunen: entrevista da cantora na revista Playboy5000 acessosJoão Gordo: "Quem come carne diz que vegetarianismo é coisa de viado"5000 acessosGary Moore: excesso de álcool no sangue matou músico

Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online