Annihilator: de volta à velha forma com Ballistic, Sadistic

Resenha - Ballistic, Sadistic - Annihilator

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Alexandre Veronesi
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9

Instabilidade é a palavra que define a carreira do genial (mas nem sempre compreendido) guitarrista Jeff Waters e seu Annihilator. Desde sua origem, em 1984, o grupo canadense de Thrash Metal sofreu incontáveis mudanças de line-up, o que explica, em partes, o porquê da recorrente inconstância nos lançamentos que vieram após os inquestionáveis clássicos "Alice In Hell" (1989) e "Never, Neverland" (1990), onde a banda alternou entre bons e péssimos discos por décadas a fio.

Annihilator: em seu aniversário, Jeff Waters se mostra uma eterna criançaSlash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelido

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O primeiro mês de 2020 marcou o lançamento de "Ballistic, Sadistic", novíssimo trabalho dos caras. O líder Jeff Waters reassumiu os vocais após a saída de Dave Padden, em 2015, e como é de praxe, gravou também todas as linhas de guitarra e baixo do álbum. Na bateria, temos o italiano Fabio Alessandrini, integrante desde 2017.

Logo de cara, chama atenção a arte da capa e seu forte conceito, especialmente (e infelizmente) considerando os dias atuais, que apresenta uma mulher sequestrada contra-atacando seu agressor. Adentrando o principal, ou seja, a parte sonora, temos uma produção/gravação de alta qualidade, fazendo desta audição uma experiência extremamente agradável, com todos os instrumentos e a voz evidenciados na medida certa.

Mas e quanto às músicas? Com grande satisfação afirmo que são excelentes! Este é, provavelmente, o melhor álbum de estúdio do Annihilator desde "King Of The Kill" (1994), e mesmo que não seja perfeito, traz petardos memoráveis que remetem diretamente à sua época de ouro, como a faixa de abertura "Armed To The Teeth", detentora de um grudento refrão e riffs matadores; "The Attitude", veloz e brutal; a poderosa cadência de "Psycho Ward"; "Out Of The Garbage", thrashão com uma pujante veia oitentista; a animada "Riot"; "One Wrong Move" com seus riffs e solos de guitarra excepcionais, além da bela passagem instrumental lenta ao meio; e a 'megadethiana' "Lip Service", que embora beba bastante da fonte construída por Dave Mustaine e companhia, se mostra uma das mais marcantes do registro, com linhas de baixo pulsantes e vocais versáteis, isso sem contar seus ótimos (e vários) solos de guitarra.

Em suma, "Ballistic, Sadistic" é um trabalho fabuloso, onde este icônico nome do Thrash Metal retoma, enfim, sua melhor forma. Altamente recomendado!

Tracklist:
1 - Armed to the Teeth
2 - The Attitude
3 - Psycho Ward
4 - I Am Warfare
5 - Out with the Garbage
6 - Dressed up for Evil
7 - Riot
8 - One Wrong Move
9 - Lip Service
10 - The End of the Lie

Formação atual:
Jeff Waters (vocal e guitarra)
Aaron Keay Homma (guitarra)
Rich Hinks (baixo)
Fabio Alessandrini (bateria)

Formação que gravou o CD:
Jeff Waters (vocal, guitarra e baixo)
Fabio Alessandrini (bateria)




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Annihilator"


Annihilator: em seu aniversário, Jeff Waters se mostra uma eterna criançaAnnihilator
Em seu aniversário, Jeff Waters se mostra uma eterna criança

Annihilator: veteranos do thrash lançam o novo álbum "Ballistic, Sadistic"; ouçaAnnihilator: banda lança vídeo de "Armed To The Teeth"Annihilator: banda lança vídeo de "Psycho Ward", música do próximo álbumAnnihilator: veja vídeos da banda se apresentando na SérviaAnnihilator: banda lança sua nova música "I Am Warfare"; confira

Annihilator: morre aos 58 anos o ex-vocalista Randy RampageAnnihilator
Morre aos 58 anos o ex-vocalista Randy Rampage

Destruction: anunciada a entrada de Randy Black na bateriaDestruction
Anunciada a entrada de Randy Black na bateria

Hammerhedd: Assista prodígios tocando Sepultura e AnnihilatorEm 18/04/1963: Nasce Mike Mangini (Dream Theater, Extreme, Annihilator)

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1989Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1989

Annihilator: A cena está crescendo, mas precisa de um novo MetallicaAnnihilator
"A cena está crescendo, mas precisa de um novo Metallica"


Slash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelidoSlash
Saul Hudson explica qual a origem de seu apelido

Guns N' Roses: o Chinese Democracy que você nunca viuGuns N' Roses
O "Chinese Democracy" que você nunca viu


Sobre Alexandre Veronesi

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adClio336 adClioIL