Matérias Mais Lidas

imagemComo Max Cavalera aprendeu inglês tendo abandonado a escola aos 12 anos de idade

imagemVangelis, compositor de cinema e lenda do prog rock grego, morre aos 79 anos

imagemDez músicas muito legais do Iron Maiden que não são cantadas por Bruce Dickinson

imagemVocalista do Gwar diz que integrantes do Maiden são "um bando de velhas britânicas"

imagemKiko Loureiro explica por que acha uma merda seu solo de guitarra em "Rebirth"

imagemAdrian Smith e a volta ao Maiden: "queriam o Bruce e já tinham dois guitarristas"

imagemJames LaBrie fala sobre a possibilidade de trabalhar novamente com Mike Portnoy

imagemJonathan Davis, do Korn, explica qual seu problema com o Cristianismo

imagemQuando Angus Young, do AC/DC, detonou o Led Zeppelin e os Rolling Stones

imagemTico Santta Cruz sai em defesa de Juliette na polêmica com Samantha Schmutz

imagemMetallica divulga vídeo oficial de "Sad But True" ao vivo em Curitiba

imagemO segredo da longevidade do baixista do Guns N' Roses tem inspiração nos Stones

imagemMetallica divulga vídeo de "Whiskey In The Jar" ao vivo em Curitiba

imagemLes Claypool, do Primus, explica por que não se tornou baixista do Metallica

imagemQuando Pete Townshend faltou a um show do The Who pra ir assistir o Pink Floyd


Stamp

Resenha - Alkymenia - Libertad

Por Pedro Hewitt
Fonte: FullRock
Em 04/10/19

A Alkymenia é mais uma banda do grandioso Nordeste, precisamente de Caruaru, que nos brinda com o terceiro disco completo, LIBERTAD, que apresenta um Thrash Metal moderno, com uma pegada bem interessante de Death Metal, extremamente ligado uma com as outras, com passagens extraídas de bandas internacionais como o Amon Amarth até o Thrash Metal Tradicional. Uma verdadeira cozinha de requinte musical, fazendo muito sentido nas críticas ácidas nas letras e reflexões que cada uma transmite ao passar dos minutos.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

O material conta com dez faixas, sendo "Dancing in Hell" uma introdução é nitidamente semelhante a partes do Amon Amarth, mas sem perder a alma que o Alkymenia possui. Claro que não há faixas tão complexas, até porque as letras são completamente audíveis, um prato cheio para quem gosta de ''entender'' e não sentir o que a música está falando.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Os riffs marcantes saltam imediatamente paras as pesadas ''Another World is Possible'' e ''Sus'', que fazem qualquer banger descer o pescoço sem parar. As ótimas "Dead Birds" (Que me lembrou bastante o Krisiun) ''We Are Not Made By Emotions'', ''Being Who I Am" foram sem dúvidas produzidas com todo o toque cadenciada, sem perder o peso e o feeling sonoro, mas o ponto alto é a atuação do vocalista, isso não podemos negar. ''Mediocre Games'', ''Day By Day'' são mais duas que não ficam atrás de nenhuma faixa, impressionam completamente com suas letras simples, mas com suas devidas particularidades.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Não podemos deixar de lado de conhecer bandas do nosso Nordeste, ainda mais quando possuem faixas como ''Wild and Cold'' e a final ''Arguments of Shit'' (Bem sugestiva, não!?), que soam com extrema clareza e maestria.

A arte gráfica denota o tom mais essencial de jus a esse período obscuro de 2019, mostrando que a terra, a vida e até a própria liberdade está em meio ao fogo, sob o domínio da opressão.

O trio aqui, posso destacar que, simplesmente, com toda turnê executada, materiais lançados, com certeza não irá desapontar ninguém no cenário nacional e internacional, mesmo que por mais que alguns tenham um ouvido mais ''seleto'', pode ser que se agradem em partes deste material. Recomendaria sem pensar duas vezes!

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Tracklist:
1. Dancing in Hell
2. Another World is Possible
3. SUS
4. Dead Birds
5. We Are Not Made By Emotions
6. Being Who I Am
7. Mediocre Games
8. Day By Day
9 Wild And Cold
10. Arguments of Shit

Formação:
Paulo Lalo - Guitarra/Vocal
Sandro Silva - Bass
Dennis Kreimer - Bateria

Para mais informações, shows e merchandise:
https://www.facebook.com/alkymeniaofficial/

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

PRB
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Pedro Hewitt

Estudante, Headbanger, amante de relações públicas, responsável pelo Infektor Self Festival & Toque Rápido ou Peça Perdão, trabalha desde 2015 com produção de shows em Teresina. Teve a oportunidade de trabalhar com grandes nomes do Metal como Onslaught, Air Raid, Enforcer, Fist Banger, Escarnium, entre outros.

Mais matérias de Pedro Hewitt.