publicidade

Appalooza: Um cavalo selvagem correndo sem fronteiras

Resenha - Appalooza - Appalooza

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo Cunha
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

A banda Appalooza, oencontra sua essência na poeira de um deserto pedregoso, seguindo os caminhos de bandas como as Queens Of The Stone Age, Kyuss, Alice in Chains, Soundgarden, Red Fang e outras. O passeio pela história da banda, fundada em 2012, começa numa cidade francesa do extremo oeste chamada Brest, quando os três amigos se juntaram para formar o trio. A voz vibrante do vocalista e guitarrista Sylvain Morel encontra na pegada poderosa do baterista Vincent Kermagoret e no baixo pulsante de Gaëtan Lemaire as âncoras perfeitas para desenvolver sua identidade como grupo. A banda inesperadamente vence um concurso de música acústica no verão de 2012 e lança um álbum de quatro faixas intitulado 'Squamata' em março de 2013. Várias sessões de ensaios e algumas centenas de shows depois, a banda lança seu primeiro clipe oficial: 'Darkening', que funciona como uma mostra de seu desempenho de palco. No final de 2014, lançam um EP de 4 faixas, intitulado 'Chameleon', que seguiu-se de um clipe com o mesmo nome.

Lemmy: "as pessoas se tornam melhores quando morrem"Dimebag Darrell: namorada fala sobre a vida e a morte do músico

Appalooza (2018) nada mais é do que a regravação das músicas dos dois EPs com a substiuição de algumas faixas. No entanto, a banda conseguiu dar uma cara própria ao apanhado de canções aqui presentes e por esse motivo, é difícil notar que as mesmas 'não' sejam produtos da mesma série de seções de criação. No geral, todas as composições são boas e, - um lance interessante para este que vos escreve é que - todas as canções, apesar de parecerem bem influenciadas pelo Grunge (Pearl Jean, Alice in Chains e SoundGarden e Nirvana), mantém certo alinhamento com o metal. Primeiro, porquê têm personalidade; segundo pelo peso que é um elemento mais característico das bandas de Metal. Nessa linha de pensamento, os destaques são as músicas 'Obsolescence', 'Chameleon', ' Animalia' e 'Trick Up Your Sleeve'. Um belo disco que recomendo para todos os que mantém os ouvidos e os olhos abertos para o presente!

Tracklist:
01-Obsolescence - 06:01
02-Glory Pain - 04:47
03-Chameleon - 06:42
04-Roadblock - 03:31
05-Animalia - 05:01
06-Hourglass - 05:12
07-Take It As It Comes - 06:13
08-Trick Up Your Sleeve - 04:27
09-Squamata - 07:14
10-Matador - 05:32

Referências: Appalooza, Spirit Of Metal




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Appalooza"


Lemmy: Lemmy
"as pessoas se tornam melhores quando morrem"

Dimebag Darrell: namorada fala sobre a vida e a morte do músicoDimebag Darrell
Namorada fala sobre a vida e a morte do músico

Rachel Sheherazade: cantando Iron Maiden com o Ultraje A Rigor no The NoiteRachel Sheherazade
Cantando Iron Maiden com o Ultraje A Rigor no The Noite

Separados no nascimento: Ritchie Blackmore e Mr. BeanMegadeth: fã tem siricutico ao encontrar Mustaine; veja vídeoQueen: os músicos filhos dos integrantesTop 10: Os mais influentes álbuns de Metal Tradicional

Sobre Ricardo Cunha

Apaixonado por música e estudante de Filosofia, juntou os interesses para escrever principalmente sobre rock e metal.

Mais matérias de Ricardo Cunha no Whiplash.Net.

adClioIL