Led Zeppelin: 45 anos de II, a síntese da visceralidade da banda

Resenha - II - Led Zeppelin

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Igor Miranda, Fonte: IgorMiranda.com.br
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O Led Zeppelin surgiu com a tentativa do guitarrista Jimmy Page de formar um novo Yardbirds. A proposta funcionaria apenas na teoria, pois o grupo realmente se chamaria "The New Yardbirds" só para cumprir um contrato de shows na Escandinávia.

1313 acessosRobert Plant: Aston Martin DB5 que foi do cantor está à venda5000 acessosNirvana: Grohl fala como se sentiu ao reencontrar Frances Cobain

Com Jimmy Page, estavam o baixista Chris Dreja, o vocalista Robert Plant e o baterista John Bonham. Mas logo Dreja deu lugar a John Paul Jones. Pronto: uma das bandas mais importantes do rock estava formada. O primeiro álbum, autointitulado e lançado em janeiro de 1969, foi um sucesso, e não poderia se esperar menos de seu sucessor.

"II" chegou às prateleiras há exatos 45 anos e foi gravado aos pedaços, em vários lugares diferentes, durante descansos de turnês, já que o quarteto fazia muitos shows. Mas isso não interferiu no processo de composição. Pelo contrário: chegou a ajudar, pois as jams e os improvisos que rolavam nos palcos tornaram-se novas composições.

Em comparação aos outros trabalhos do começo do Zeppelin, "II" é o mais pesado. Ainda que com as mesmas temáticas das letras e influência do blues e da música folk, seu antecessor e seus primeiros sucessores continham muitos momentos acústicos ou pouco distorcidos. Em "II", a crueza prevalece - dedo da engenharia de áudio do lendário Eddie Kramer, ao lado da produção visionária de Jimmy Page. O resultado é um álbum poderosíssimo do início ao fim.

A recepção, como sempre, foi calorosa: "II" chegou à primeira posição das paradas inglesas, canadenses e estadunidenses, onde o disco chutou "Abbey Road", dos Beatles, do topo dos charts. O Led Zeppelin se consolidava como o novo fenômeno mundial e, ao meu ver, especialmente com o visceral "II", eles conseguiram influenciar toda a geração roqueira seguinte.

Leia o faixa-a-faixa completo no link abaixo.

http://www.igormiranda.com.br/2014/10/os-45-anos-de-ii-sinte...

Robert Plant (vocal, gaita)
Jimmy Page (guitarra, violão)
John Paul Jones (baixo, órgão, teclados)
John Bonham (bateria, tímpano, percussão)

Led Zeppelin: "II"
Lançado em 22 de outubro de 1969

01. Whole Lotta Love
02. What Is And What Shoud Never Be
03. The Lemon Song
04. Thank You
05. Heartbreaker
06. Living Loving Maid (She's Just A Woman)
07. Ramble On
08. Moby Dick
09. Bring It On Home

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de II - Led Zeppelin

2764 acessosLed Zeppelin: Atingindo o cume do Hard Rock


Robert PlantRobert Plant
Parem de viver no passado, existe muita coisa boa nova

1313 acessosRobert Plant: Aston Martin DB5 que foi do cantor está à venda538 acessosRodrigo Y Gabriela: influência do Metal e Led no Danilo Gentili1426 acessosRobert Plant: no "Vozes Extraordinárias" do Marcio Guerra Canto0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Led Zeppelin"

Led ZeppelinLed Zeppelin
Jason Bonham acredita que a banda vai tocar de novo

Led ZeppelinLed Zeppelin
Tirando o pão da mesa dos covers

Led ZeppelinLed Zeppelin
Banda ainda reina entre os boots - conheça o Top 6

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"


NirvanaNirvana
Grohl fala como se sentiu ao reencontrar Frances Cobain

Heavy MetalHeavy Metal
Estressante, perturbador e faz mal ao coração

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Dave Mustaine e Mika Hakkinen

5000 acessosHeavy Metal: as 10 introduções mais matadoras do estilo5000 acessosAC/DC: as 10 melhores músicas da banda com Bon Scott5000 acessosIron Maiden: Steve Harris pensou em acabar com a banda em 19934037 acessosLed Zeppelin: o primeiro álbum em versões de outros artistas5000 acessosJimmy Bain: morre ex-baixista do Rainbow e da banda de Dio5000 acessosJason Newsted: ele nunca teve chance no Metallica

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 22 de outubro de 2014


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013 – apesar de ainda manter por lá uma coluna semanal, chamada Cabeçote.

Mais informações sobre Igor Miranda

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online