Dancing Flame: Hard/Heavy empolgante e com ótimas linhas vocais

Resenha - Carnival of Flames - Dancing Flame

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Tendo iniciado sua carreira no ano de 1995, com o nome de DIRTY WOMAN, em Niterói/RJ, o DANCING FLAME já é um veterano do underground nacional, e chega agora a seu segundo disco completo, sucessor do álbum autointitulado, de 2009.

Linkin Park: Qual a relação da morte de Chester Bennington com Chris Cornell?Journey: o famoso erro geográfico em "Don't Stop Believin'"

Com um estilo que valia entre o hard rock e heavy metal tradicional, com algumas pitadas de melódica, a banda traz aqui 14 faixas (sendo duas bônus tracks) energéticas, diretas, e cheia de momentos empolgantes que cativam o ouvinte com facilidade.

E o grande destaque fica para o ótimo vocalista Adriano Oliveira, com um timbre agradabilíssimo, e conseguindo alcançar notas altas sem maiores dificuldades, inclusive em alguns momento lembrando o monstro Geoff Tate (ex-QUEENSRYCHE), como no começo da variada "Don't Let Me Down", a melhor faixa do álbum.

Destacam-se ainda as vibrantes "Dreamweaver" e "Follow The Sun", está última com a participação do vocalista Mark Boals, conhecido por seus trabalhos ao lado do guitarrista Yngwie Malmsteen e o ROYAL HUNT, e com riffs que remetem aos bons tempos do KISS; e a balada "Fortress of Belief", que mostra toda a versatilidade do quinteto.

A produção do álbum é apenas mediana, com os timbres de guitarra abafados demais em alguns momentos, e a bateria muito artificial, mas nada que comprometa o ótimo trabalho criado pela banda, que tem tudo para agradar facilmente os fãs do estilo. Confiram.

Carnival of Flames - Dancing Flame
(2014 - Voice Nacional)

Formação:

Adriano Oliveira (vocalista/singer)
Emerson Mello (guitarrista/guitarist)
Glaydson Moreira (guitarrista/guitarist)
Rafael Muniz (baixista/bass player)
Bruno Martini (baterista/drummer)


Outras resenhas de Carnival of Flames - Dancing Flame

null




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Dancing Flame"


Capas: confira 10 das mais belas do Rock/Metal NacionalCapas
Confira 10 das mais belas do Rock/Metal Nacional

Capas: as 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blogCapas
As 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blog


Linkin Park: Qual a relação da morte de Chester Bennington com Chris Cornell?Linkin Park
Qual a relação da morte de Chester Bennington com Chris Cornell?

Journey: o famoso erro geográfico em Don't Stop Believin'Journey
O famoso erro geográfico em "Don't Stop Believin'"

Velocidade: Top 10 de músicas de Metal para ser multadoVelocidade
Top 10 de músicas de Metal para ser multado

Galeria - Tatuagens em homenagem a artistas e bandas - Parte 1Bob Daisley: baixista dá detalhes de sua briga com OsbourneOlavo de Carvalho: Segundo ele, o Heavy Metal emburreceMetallica e Megadeth: músicas de uma com o vocal de outra

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336