RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de "Gita"

imagemO ponto fraco de Yngwie Malmsteen segundo Ronnie James Dio, em 1985

imagemA reação de King Diamond ao ouvir Metallica tocando músicas do Mercyful Fate

imagemRoger Waters atende a Rússia e faz discurso para o Conselho de Segurança da ONU

imagemQuem ganhou e quem devia ter ganhado o Grammy de metal desde 1989, segundo Loudwire

imagemVeja o que esperar da turnê do Mayhem no Brasil

imagemRodinha de mosh gigantesca em show do System of a Down viraliza e impressiona

imagemO triste motivo pelo qual o Pink Floyd não podia fazer contato com Syd Barrett

imagemVeja Dave Grohl cantando e agitando em show do Mercyful Fate

imagemPor que Herbert Vianna gosta muito do riff de "Eu Quero Ver o Oco" do Raimundos?

imagemRússia pede para que Roger Waters fale com a ONU sobre a situação da Ucrânia

imagemMegadeth é processado por artista que criou capa do último disco da banda

imagemA opinião de Humberto Gessinger sobre movimentos separatistas da região Sul do Brasil

imagemO show do Engenheiros do Hawaii sem Humberto, que eles achavam que havia sido sequestrado


Def Leppard Motley Crue 2

Attività Power Trio: Rock que rola sem firulas ou concessões

Resenha - Nos Caminhos da Noite - Attività Power Trio

Por Márcio de Aquino
Postado em 26 de fevereiro de 2014

Nota: 8

De Varre-Sai/RJ, terra de BADEN POWELL e do vinho vem o ATTIVITÀ POWER TRIO, que lança seu primeiro CD, "Nos Caminhos da Noite".

Conheci o ATTIVITÀ POWER TRIO no II Festival de Bandas de Garagem de Campos dos Goytacazes/RJ, em que fui um dos jurados, e já ali me chamaram a atenção a performance segura da banda e suas músicas autorais de ótima qualidade.

Formado por Fábio Pimentel (vocal e guitarra), Glaudiston Couto (baixo e vocais) e Douglas Dutra (bateria), o ATTIVITÀ POWER TRIO se lança no desafio de produzir um CD de músicas autorais, todas assinadas por Fábio Pimentel, e não decepciona os fãs que conquistaram em seus shows, inclusive eu.

Algumas bandas são ótimas no palco, mas em trabalhos gravados ficam devendo. Muitas vezes as composições não mantêm o nível da performance instrumental, outras vezes algumas falhas na produção e na gravação comprometem o trabalho, etc. Mas não é o caso deste "Nos Caminhos da Noite", do ATTIVITÀ. O CD é bem gravado e bem produzido, e representa bem o que é a banda no palco.

O disco abre com uma de suas melhores composições, "Cuide Bem do que Sobrar de Mim", uma boa letra e uma levada hard, que pontua todo o trabalho. Já de cara o ouvinte percebe o cuidado do trio quanto aos arranjos e introdução das faixas. A performance instrumental das músicas transporta para o cd o que eles são ao vivo – uma banda bem entrosada e segura.

A guitarra de Fábio, que já me havia chamado a atenção no festival é perfeita nos solos e na base, o baixo de Glaudiston é um dos pontos altos da banda, e na batera, Douglas tem um ótimo pique. Nos vocais, Fábio dá conta de seu recado, mesmo não sendo um vocalista excepcional, com interpretações seguras, que no CD conta com a participação de Léo Rossi na faixa "Enquanto Puder" e Kiko Anderson em "Vestido de Seda".

Algumas das faixas do CD eu já conhecia do festival, e é bom poder reouvi-las agora em gravação, é o caso de "Nos Caminhos da Noite", "A Sua Própria Sorte", "O Que Te Traz Aqui", "O Jogo", "Insônia", "Cuide Bem do que Sobrar De Mim" e "Vestido de Seda". Difícil destacar algumas, mas "Vestido de Seda", que tem uma letra bem interessante e um ótimo refrão, já havia me conquistado. "Insônia" é outra de minhas preferidas.

"Nos Caminhos da Noite" tem rolado direto no meu som, e eu recomendo a todos aqueles que apreciam um bom rock que rola solto, sem firulas ou concessões de mercado, como o verdadeiro rock tem que ser. Parabéns ao trio, e que venham outros trabalhos.

Track List:
1. Cuide bem do que sobrar de mim
2. A sua própria sorte
3. Nos caminhos da noite
4. Enquanto Puder
5. O que te traz aqui
6. Mais uma dose
7. Vestido de seda
8. O jogo
9. Insônia
10. Doce Brisa.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Márcio de Aquino

O escritor Márcio de Aquino nasceu em Campos dos Goytacazes em 1959. Fez os 1º e 2º graus no Liceu de Humanidades de Campos, onde descobriu o rock, uma de suas grandes paixões. Trabalhou de 1989 a 1997 na Rede Ferroviária Federal como agente de estação. Ainda na década de 90, fez parte do movimento de fanzines, publicando os zines Ligações On'Pidididíri, Tarati Taraguá e Sobrado, além de colaborar no zine Mão Única? Em 2003. Márcio de Aquino passou no concurso da Secretaria Municipal de Educação, onde trabalha atualmente como auxiliar de secretaria. Formado em Economia pela universidade Cândido Mendes, Aquino é contista, um dos autores do livro "Contos da Terra Plana", organizado pelos jornalistas Jorge Rocha e Vitor Menezes e publicado em 2007 pela FCJOL. Blogueiro - escreve no Blog "Tarati Taraguá". Também é colecionador de revistas e vinis e desenhista aficicionado por pop art e quadrinhos.
Mais matérias de Márcio de Aquino.