RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de "Gita"

imagemVeja o que esperar da turnê do Mayhem no Brasil

imagemQuem ganhou e quem devia ter ganhado o Grammy de metal desde 1989, segundo Loudwire

imagemRodinha de mosh gigantesca em show do System of a Down viraliza e impressiona

imagemJimmy Page diz não haver gênio no rock - mas um gênio fez ele se contradizer

imagemMegadeth é processado por artista que criou capa do último disco da banda

imagemO show do Engenheiros do Hawaii sem Humberto, que eles achavam que havia sido sequestrado

imagemO ponto fraco de Yngwie Malmsteen segundo Ronnie James Dio, em 1985

imagemAs 20 melhores músicas do Nightwish, em lista da Metal Hammer

imagemA reação de King Diamond ao ouvir Metallica tocando músicas do Mercyful Fate

imagemRússia pede para que Roger Waters fale com a ONU sobre a situação da Ucrânia

imagemPor que Herbert Vianna gosta muito do riff de “Eu Quero Ver o Oco” do Raimundos?

imagemBruce Dickinson explica como cuida de sua voz

imagemRoger Waters ataca a Ucrânia e é ofendido por esposa de David Gilmour


Def Leppard Motley Crue 2

Bruce Dickinson: "Skunkworks", seu terceiro álbum de estúdio

Resenha - Skunkworks - Bruce Dickinson

Por Ivan Carlos Miranda
Postado em 18 de outubro de 2013

Em 19 de fevereiro de 1996, chegava às lojas o controverso Skunkworks, terceiro álbum de estúdio de BRUCE DICKINSON. Trazendo uma proposta nova e completamente estranha aos fãs, é até hoje motivo de muita discussão, tendo quem o aceite bem e quem o ache simplesmente horrível. A atmosfera desse álbum é bem diferente do esperado e em nada lembra Tattooed Millionaire e Balls to Picasso, seus dois trabalhos anteriores. Bom, SKUNKWORKS é um álbum indubitavelmente único, sem referência passada nem futura, não remete seus ouvintes nem à discografia de BRUCE DICKINSON, que contém álbuns muito melhores, nem aos clássicos do Iron Maiden. Sendo assim, é natural que ele passe um tanto despercebido, não sendo uma peça indispensável a um fã de Heavy Metal.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uma outra característica marcante desse álbum e que também acentua sua dissonância na discografia do vocalista, é a intenção de não apenas lançar um disco, mas sim uma banda. Logo após gravarem um duplo ao vivo, lançado em 1995, BRUCE DICKINSON e o guitarrista ALEX DICKSON, compuseram as faixas que fizeram parte desse álbum. Os demais integrantes eram: ALESSANDRO ELENA, baterista italiano, ao qual se refere a insana "I'm in a band with an Italian Drummer" primeira faixa do CD 2 dois da versão com o bônus, e CHRIS DALE que também participou da composição de "Innerspace". Este era o projeto SKUNKWORKS, uma banda Grunge.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

SKUNKWORKS é um álbum que dificilmente chama a atenção nas primeiras audições, sendo necessária uma certa familiarização com sua sonoridade e ambientação. Uma dica é ouvi-lo sem pensar nos demais discos de BRUCE DICKINSON e IRON MAIDEN. Apesar de não atender às expectativas em um modo geral, o álbum tem alguns pontos fortes como refrões muito marcantes e o vocal um vocal cantado com muita garra e agressividade, grandes virtudes de uma obra mediana. As composições são curtas, em média 4:00, a menor "Octavia" - 3:17. Destaque do álbum: "Back from the Edge", "Faith", "Inside the Machine" e a longa "Strange Death in Paradise" com 6:17.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Um abraço a todos e viva o Metal!!!

Track listing:

1. Space Race
2. Back from the Edge
3. Inertia
4. Faith
5. Solar Confinement
6. Dreamstate
7. I Will Not Accept the Truth
8. Inside the Machine
9. Headswitch
10. Meltdown
11. Octavia
12. Innerspace
13. Strange Death in Paradise

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Iron Maiden: chega ao Brasil o livro "Empire Of The Clouds - Iron Maiden Nos Anos 2000"


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Ivan Carlos Miranda

Nascido em 81, meu primeiro contato com o mundo do Rock foi ainda na década de 80. Uma década em que tocavam no rádio bandas como Queen, Scorpions, The Police e etc. Sem falar em Tom Sawyer (Rush) cujo riff inicial era executado na abertura do seriado MacGyver. Outra grande influência foi o Rock Nacional, que viveu nesse período seu melhor momento. Mas foi em meados de 95 que a coisa ficou séria... Foi neste ano que conheci o Iron Maiden, banda pela qual fui influenciado em vários sentidos e que me despertou um interesse mais profundo pela música. Hoje sou músico amador e amante de Heavy Metal! Um abraço a todos, viva o Metal!
Mais matérias de Ivan Carlos Miranda.