RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemDeep Purple: David Coverdale revela quem quis como substituto de Ritchie Blackmore

imagemAndi Deris tem problemas de saúde e shows do Helloween são adiados

imagemO brasileiro com a voz parecida com a de Axl Rose que viralizou no TikTok

imagemProdutor da turnê de Paul Di'Anno explica problemas no primeiro show

imagemVocalista do Fleshgod Apocalypse é pedida em casamento durante show da banda

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical

imagemTony Iommi conta quais são os riffs preferidos que ele escreveu

imagemO motivo nada musical que fez Bruce Dickinson querer se juntar aos hippies

imagemZelador viraliza após incrível semelhança com voz de Steve Perry em "Don't Stop Believin'"

imagemEm disputa acirrada, fãs batem recorde e elegem melhores discos de metal de 2022

imagemEloy Casagrande repete o feito sendo eleito melhor baterista de metal do mundo

imagemO hit dos Beatles que talvez seja sobre drogas e que "Jesus" acompanhou gravação

imagemShane Hawkins, filho de Taylor Hawkins, ganha prêmio de melhor performance do ano

imagemOs 20 melhores álbuns lançados em 1993, segundo a Revolver Magazine


Stamp

Aerosmith: Algumas boas músicas, porém, não foi desta vez

Resenha - Music From Another Dimension! - Aerosmith

Por Matheus Cavalheiro
Postado em 28 de janeiro de 2013

Nota: 6

Em 6 de Novembro de 2012, eis que o Aerosmith finalmente lança um disco de inéditas desde 'Just Push Play' - (2001), o aguardado 'Music From Another Dimension!'. Notícia boa? Pois é, não é o que parece segundo algumas resenhas e críticas que lia por aí nos sites. Confesso que fiquei um pouco desanimado com o que li na tela do meu computador, e parecia que era unânime: o Aerosmith após anos sem um álbum de inéditas, lançara um disco mediano... Mas ainda assim, não larguei o osso e resolvi ouvir o disco para poder falar algo concreto a respeito. Assim que terminei de ouvir o álbum com a saideira "Another Last Goodbye" cheguei a uma conclusão: as reviews que li estão e não estão certas. Estão certas por realmente citar a palavra "mediano", mas estão erradas em pisar em cima da banda cruelmente com as palavras. 'Music From Another Dimension!' não foi "o" disco, mas o Aerosmith merece nosso respeito.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sabemos que o Aerosmith não precisa lançar mais um clássico absoluto na sua carreira, uma vez que esta banda já é consagradíssima. Mesmo sendo consagradíssima, acho que faltou um pouco de atenção na hora de gravar esse disco, faltou criatividade e brilho. Sério gente, não é nariz torto com os álbuns recentes do Aerosmith não. Por exemplo, acho 'Nine Lives' - (1997) maravilhoso, pois este soube dosar e muito bem as baladas com algumas canções mais safadas, e isso não ocorre em 'Music From Another Dimension!'. O que ocorre é um exagero de baladas. Temos 7 delas no total sendo que apenas 3 delas brilham de fato, são elas "Tell Me", "What Could Have Been Love" e "Another Last Goodbye". As baladas restantes aparecem mais para preencher espaço do que outra coisa com letras bobas e sem muita inspiração como as fraquíssimas "Beautiful", "Closer" e "We All Fall Down".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mas tem músicas boas? Com certeza! "Out Go The Lights" é de longe a melhor de todo disco. Riff maravilhoso que me remeteu um pouco a "Get The Lead Out" de 'Rocks' - (1976), back-vocals sensacionais e metais ao longo de quase 7 minutos de canção. Se o disco fosse feito nesses moldes, com certeza teríamos um discaço. Para ajudar, também temos a maravilhosa "Street Jesus" com 6 minutos e meio de puro Rock N' Roll alternando com umas levadas aceleradas e outras mais suaves, mantendo o pique em um ótimo refrão. Se tivéssemos mais canções assim, e menos baladas sem muito oque falar, a opinião dos fãs poderia ter sido outra, mas não foi bem assim... Ainda para salvar, posso dizer que "LUV XXX", "Something" e "Freedom Fighter" (estas 2 últimas cantadas por Joe Perry) ajudam a manter o fôlego do disco, mas é só. Depois disto, são músicas sem brilho e inspiração, como por exemplo "Legendary Child" que em minha opinião foi muito fraca para ser lançada como single. "Lover Alot" e "Oh Yeah" não surpreendem nem um pouco, mas infelizmente são as que estão nos setlist da banda recentemente e nem sinal de "Street Jesus" e "Out Go The Lights" nos shows...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Para concluir, digo que 'Music From Another Dimension!' pelo menos foi bem melhor que 'Just Push Play' - (2001), sendo brilhante demais em uns momentos e totalmente apagado e sem inspiração em outros. Minha nota é 6 e é oque tem para hoje... Confiram a minha resenha em vídeo no meu canal do YouTube, o Café Cavalheiro. Inscreva-se e dê sua opinião. Valeu galera!

TRACKLIST:

01. "LUV XXX" - (5:17)
02. "Oh Yeah" - (3:41)
03. "Beautiful' - (3:05)
04. "Tell Me" - (3:45)
05. "Out Go The Lights" - (6:56)
06. "Legendary Child" - (4:15)
07. "What Could Have Been Love" - (3:44)
08. "Street Jesus" - (6:43)
09. "Can't Stop Lovin' You" - (4:04)
10. "Lover Alot" - (3:35)
11. "We All Fall Down" - (5:14)
12. "Freedom Fighter" - (3:19)
13. "Closer" - (4:04)
14. "Something" - (4:37)
15. "Another Last Goodbye" - (5:47)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de Music From Another Dimension! - Aerosmith

Resenha - Music From Another Dimension! - Aerosmith

Resenha - Music From Another Dimension! - Aerosmith

Resenha - Music From Another Dimension! - Aerosmith

Resenha - Music From Another Dimension! - Aerosmith

Resenha - Music from Another Dimension! - Aerosmith

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Matheus Cavalheiro

Matheus Cavalheiro é mega-fanzaço não só de Rock N' Roll mas da boa música em geral. Curte desde Marvin Gaye e Miles Davis até Slayer e Alice In Chains, afinal a música é excelente em diversos aspectos! É o dono do canal Café Cavalheiro no YouTube.
Mais matérias de Matheus Cavalheiro.