Tankard: mantém o pique dos seus últimos lançamentos

Resenha - Girl Called Cerveza - Tankard

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar Correções  

8


Trinta anos se passaram desde o início da carreira do TANKARD, que mesmo não tendo o mesmo reconhecimento que outros medalhões do thrash metal, é um dos maiores nomes da história do estilo. E para comemorar tal data especial, os alemães acabam de colocar no mercado seu 15º disco de estúdio, primeiro pela Nuclear Blast, trazendo tudo aquilo que os fãs sempre esperam destes beberrões.

No geral, "A Girl Called Cerveza" mantém o pique dos últimos lançamentos da banda, em especial do excelente "Thirst", e traz o famoso thrash metal alcoólico dos caras em sua melhor forma, e desde já pode facilmente figurar no top 5 da carreira do TANKARD.

publicidade

Com faixas rápidas e agressivas, mescladas com as conhecidas características de metal tradicional (em especial de NWOBHM) que os caras sempre trouxeram em sua sonoridade, o disco é uma verdadeira pedrada do começo ao fim, com riffs precisos, cozinha direta e vibrante, e os vocais característicos de Gerre, que são um dos grandes diferenciais da banda.

publicidade

Algumas faixas, como "Rapid Fire (A Tyrant's Elegy)" (a melhor do disco disparada, com um refrão matador, e uma linha de riffs espetacular), "Master of Farces", "The Metal Lady Boy" (com a participação de Doro) e "Running on Fummes" já surgem com cara de clássicas, mas todas as demais também são boas, e fazem da audição do disco pura diversão.

publicidade

As letras, como não poderiam deixar de ser, falam sobre farras e bebedeiras, além de amores não correspondidos, tudo de forma sarcástica e divertida.

Assim, "A Girl Called Cerveza" coroa com classe os 30 anos da carreira irrepreensível destes alemães, maníacos por álcool e metal. Portanto, meu amigo, abra sua garrafa de cerveja, aperte play, e prepare-se para ser intoxicado pelo que de melhor o thrash metal pode lhe proporcionar. E lembre-se: aprecie sem moderação!

publicidade

publicidade

A Girl Called Cerveza - Tankard
(Nuclear Blast - 2012 - Importado)

1. Rapid Fire (A Tyrant s Elegy)
2. A Girl Called Cerveza
3. Witchhunt 2.0
4. Masters of Farces
5. The Metal Lady Boy
6. Not One Day Dead (But One Day Mad)
7. Son of a Fridge
8. Fandom at Random
9. Metal Magnolia
10. Running on Fumes




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Tankard: Crystal é uma cerveja tão ruim quanto a HeinekenTankard
"Crystal é uma cerveja tão ruim quanto a Heineken"

Capas: as 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blogCapas
As 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blog


Danilo Gentili: O sertanejo tem mais atitude roqueira que o próprio roqueiroDanilo Gentili
O sertanejo tem mais atitude roqueira que o próprio roqueiro

Jared Leto: a reação ao se ver no papel do CoringaJared Leto
A reação ao se ver no papel do Coringa


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin