Matérias Mais Lidas

Marilyn Manson: Vou contar ao FBI tudo o que sei, diz atriz que se relacionou com eleMarilyn Manson
"Vou contar ao FBI tudo o que sei", diz atriz que se relacionou com ele

João Gordo: quando ele brigou com Sérgio Mallandro na TV e o Bozo teve que apaziguarJoão Gordo
Quando ele brigou com Sérgio Mallandro na TV e o Bozo teve que apaziguar

Steven Adler: por que ele não ligou por Axl transar com sua namorada em Rocket QueenSteven Adler
Por que ele não ligou por Axl transar com sua namorada em "Rocket Queen"

Metallica: a fortuna que Robert Trujillo recebeu só para se juntar à bandaMetallica
A fortuna que Robert Trujillo recebeu só para se juntar à banda

Metallica: papagaio metaleiro vai ao delírio ouvindo Enter SandmanMetallica
Papagaio metaleiro vai ao delírio ouvindo "Enter Sandman"

RATM: Tom Morello revela por que não corta as cordas de sua guitarraRATM
Tom Morello revela por que não corta as cordas de sua guitarra

Jon Schaffer: semanas após a prisão, ele ainda está vendo o Sol nascer quadradoJon Schaffer
Semanas após a prisão, ele ainda está vendo o Sol nascer quadrado

AC/DC: por que Angus Young usa uniforme escolar no palco - e de quem é a ideiaAC/DC
Por que Angus Young usa uniforme escolar no palco - e de quem é a ideia

Offspring: O retorno após 9 anos, traz novo som e maturidadeOffspring
O retorno após 9 anos, traz novo som e maturidade

Neil Peart: por que ele é melhor que John Bonham, segundo Mike PortnoyNeil Peart
Por que ele é melhor que John Bonham, segundo Mike Portnoy

Behemoth: Nergal lança campanha é hora dos artistas lutarem, após condenaçãoBehemoth
Nergal lança campanha "é hora dos artistas lutarem", após condenação

SOAD: Serj Tankian não gosta da palavra DeusSOAD
Serj Tankian não gosta da palavra "Deus"

Slash: fãs ficam surpresos por ele postar foto de mulher sem sangrar ou estar nuaSlash
Fãs ficam surpresos por ele postar foto de mulher sem sangrar ou estar nua

Black Sabbath: por que dificilmente teremos algo oficial com Dave Walker no vocalBlack Sabbath
Por que dificilmente teremos algo oficial com Dave Walker no vocal

Steve Vai: guitarrista rasga elogios a Zakk Wylde, no pessoal e no profissionalSteve Vai
Guitarrista rasga elogios a Zakk Wylde, no pessoal e no profissional


Death Destruction: Groove Metal com dois ex-Evergrey

Resenha - Death Destruction - Death Destruction

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Guilherme Rocha Thielen
Enviar Correções  

Nota: 7

DEATH DESTRUCTION foi fundado em 2004 como um despretensioso projeto do guitarrista Henrik Danhage e do baterista Jonas Ekdahl, ambos ex-membros da ótima banda de Metal Progressivo, EVERGREY. O projeto que também conta com o baixista, Fredrik Larsson (também ex-EVERGREY) e o regular vocalista Jimmie Strimell (ex- Nightrage), começou a ganhar força e conseqüentemente tomando tempo dos envolvidos, culminando na saída dos integrantes de suas respectivas bandas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E tendo todos os membros focados somente no DEATH DESTRUCTION, os caras conseguiram lançar enfim, o primeiro álbum em 2011, que leva o mesmo nome do grupo. Diria que esse projeto foi um erro para os membros que decidiram deixar o EVERGREY (que saíram por vontade própria, não houve nenhum atrito com os outros integrantes), pois nenhum deles desempenha um trabalho brilhante como desempenhavam na sua antiga banda, até porque o som dos caras limita-se a um Groove Metal feijão com arroz, bem simples.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Apesar de ter excelentes músicos, o álbum que contém 11 músicas, fica na mesmice, desda primeira música. Não existe riffs marcantes e o excepcional baterista (se o leitor ouviu o "Inner Circle" do EVERGREY sabe o quanto esse batera toca) parece aprisionado em uma fórmula nada criativa. Músicas boas? Existem sim! O riff inicial de "Mark my Words" é muito bom, assim como o resto da música que possui um bom clipe, e a cadenciada, "Day of Reckoning" é uma boa canção também, entretanto, somente essas duas faixas que se destacam.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

É uma pena ver talentos sendo desperdiçados, fazendo um som estagnado, sem muita criatividade. Enfim, o álbum vai agradar apreciadores de LAMB OF GOD, HELLYEAH e afins.

Line-Up:

Fredrik Larsson - Baixo
Jonas Ekdahl - Bateria
Henrik Danhage - Guitarras
Jimmie Strimell - Vocal

Death Destruction – Death Destruction

1.The Shredding March
2.Kill It!
3.Fuck Yeah
4.Silence
5.Mark Your Words
6.Hellfire
7.Day Of Reckoning
8.Purified
9.Chained In Thoughts
10.Sea Of Blood
11.Kingdom Come


Stamp
publicidade
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Como consegui viver de Rock e Heavy Metal


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metallica: ouça apenas o baixo de Cliff Burton em clássicosMetallica
Ouça apenas o baixo de Cliff Burton em clássicos

Runaways: Jackie Fox conta como foi estuprada por Kim FowleyRunaways
Jackie Fox conta como foi estuprada por Kim Fowley


Sobre Guilherme Rocha Thielen

Guilherme Rocha Thielen nasceu em 1991, em Ararangua, mas mora em Florianópolis. Fã de Legião Urbana, Metallica, Iced Earth e viciado em traduções curte Heavy Metal desde pequeno. Atualmente escuta varios estilos do Metal, principalmete Metalcore, Folk, e Melodic Death Metal. Quando sobra um tempo contribui para o Whiplash! com traduções de matérias.

Mais matérias de Guilherme Rocha Thielen no Whiplash.Net.