69 Chambers: Para quem curte bandas com vocais femininos

Resenha - Torque - 69 Chambers

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruno Roberto Massoli
Enviar Correções  


Algumas vezes nos deparamos com algumas bandas que jamais tivemos a oportunidade de conhecer. Quando escutei os suíços do 69 Chambers o que me chamou a atenção foi a sonoridade da banda com instrumental pesado e voltado para as tendências mais atuais com um vocal feminino bastante limpo, dinâmico e suave que se encaixa de forma perfeita a cada música executada pela banda.

Dinheiro não é tudo mas ajuda: 5 Rock Stars que nasceram ricosKiss: "Rock and roll é um trabalho para otários!"

Neste segundo trabalho intitulado Torque a banda mantém a mesma linha do álbum anterior War On The Inside que é do ano de 2010, deixando a sonoridade uma pouco mais pesada que o seu antecessor, porém a banda teve uma mudança na sua line up com a saída da baixista Maddy fazendo com que Nina Vetterli Treml deixasse o posto de guitarrista para assumir o baixo em definitivo e deixando o posto de guitarrista para Tommy Vetterli (Coroner), fazendo com que a própria banda deixasse de ser um quarteto para voltar a ser trio novamente.

Neste novo registro alguns momentos podem ser destacados como em Cause And Effect que conta com a participação do vocalista Chrigel Glanzmann da banda Eluveitie. Já no mesmo podem ser destacadas outras faixas mais interessantes como Pepe Hole, And Then Theres Was Silence, Temple Down, The Doom Of Her Power, Naughty Naughty Naughty, Grace (Cover de Jeff Buckley) que ficou bem pesada e mais Bring On The Flood.

O toque final deste trabalho da banda é ótimo trabalho de composições e arregimentação, além do ótimo trabalho vocal desempenhado por Nina, uma ótima indicação para aqueles que curtem bandas com vocais femininos que não sejam forçados e pretensiosos.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Dinheiro não é tudo mas ajuda: 5 Rock Stars que nasceram ricosDinheiro não é tudo mas ajuda
5 Rock Stars que nasceram ricos

Kiss: Rock and roll é um trabalho para otários!Kiss
"Rock and roll é um trabalho para otários!"


Sobre Bruno Roberto Massoli

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

adWhipDin adWhipDin