RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemOzzy Osbourne revela qual foi o melhor guitarrista de sua carreira solo

imagemO ponto fraco de Yngwie Malmsteen segundo Ronnie James Dio, em 1985

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de "Gita"

imagemRoger Waters atende a Rússia e faz discurso para o Conselho de Segurança da ONU

imagemA reação de King Diamond ao ouvir Metallica tocando músicas do Mercyful Fate

imagemPor que Herbert Vianna gosta muito do riff de "Eu Quero Ver o Oco" do Raimundos?

imagemQuem ganhou e quem devia ter ganhado o Grammy de metal desde 1989, segundo Loudwire

imagemVeja o que esperar da turnê do Mayhem no Brasil

imagemRodinha de mosh gigantesca em show do System of a Down viraliza e impressiona

imagemO triste motivo pelo qual o Pink Floyd não podia fazer contato com Syd Barrett

imagemVeja Dave Grohl cantando e agitando em show do Mercyful Fate

imagemAs 20 melhores músicas do Nightwish, em lista da Metal Hammer

imagemO show do Engenheiros do Hawaii sem Humberto, que eles achavam que havia sido sequestrado

imagemRitchie Blackmore avalia os guitarristas que o substituíram no Deep Purple


Stamp

Caliban: Cada vez mais pesada e agressiva

Resenha - I Am Nemesis - Caliban

Por Junior Frascá
Postado em 27 de fevereiro de 2012

Nota: 8

Realmente os alemães do CALIBAN estão numa ascensão tremenda no meio metálico, conseguindo, a cada lançamento, atrair mais e mais fãs. E o mais legal de tudo é que a banda, ao invés de buscar algo mais comercial e mais leve, cada vez se torna mais pesada e agressiva, indo contra a maré do que o mercado musical prega como passível de sucesso comercial.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E comemorando os 15 anos de carreira, a banda acaba de colocar no mercada este "I Am Nemesis", um de seus melhores registros, mostrando toda a maturidade que alcançaram. E desde a perturbadora capa do trabalho, bem como da arte gráfica em geral, já é possível se perceber, como já mencionado, que a banda esta cada vez mais agressiva com seu metalcore fortemente influenciado por death metal melódico e thrash metal, lembrando bastante o som que o CHIMAIRA tem feito.

Como já dito, o grande destaque o trabalho é o peso absurdo das composições, principalmente nos riffs de guitarra e no timbre escolhido para o baixo, que deixaram tudo muito vibrante e energético, com muita agressividade. Alias, a produção do disco esta fantástica, tendo ficado a cargo de Benny Richter e Marc Görtz (guitarrista e líder da banda), deixando transbordar toda a fúria emanada pelo som da banda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Além disso, embora ainda presente em algumas faixas (como na excelente "Memorial" e em "Davy Jones", por exemplo), os vocais limpos e melodiosos foram deixados um pouco de lado, o que ressalta ainda mais o peso e a agressividade do disco.

Como destaques, além da já mencionada "Memorial", podemos citar a pesadíssima "We Are Many", que conta com a participação de Marcus Bischoff do HEAVEN SHALL BURN e Mitch Lucker, do SUICIDE SILENCE; "No Tomorrow", com um refrão bem marcante; "Deadly Dream", uma das melhores do disco, com um nível de agressividade absurdo; e "This Oath", a mais variada do álbum, com um clima soturno e agonizante.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"I Am Nemesis" é realmente um grande disco, mostrando uma banda em grande ascensão, e que merece todo o sucesso que vem obtendo. Inclusive, o disco já alcançou lugares de destaque em várias paradas da Europa. Por isso, amigo leitor, mesmo que você não seja fã do chamado metalcore, mas goste do lado mais extremo do metal, escute este disco, pois dificilmente irá se arrepender.

Clipe da faixa "Memorial"

Nota 8

I Am Nemesis - Caliban
(2012 - Importado)

Track List:

1. We Are the Many (feat. Marcus Bischoff of Heaven Shall Burn and Mitch Lucker of Suicide Silence)
2. The Bogeyman
3. Memorial
4. No Tomorrow
5. Edge of Black
6. Davy Jones
7. Deadly Dream
8. Open Letter
9. Dein R3.ich
10. Broadcast to Damnation
11. This Oath
12. Modern Warfare


Outras resenhas de I Am Nemesis - Caliban

Resenha - I Am Nemesis - Caliban

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Def Leppard Motley Crue 2

Slayer: a trágica e não revelada história do fim de Jeff Hanneman


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.
Mais matérias de Junior Frascá.