Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu, em busca de emprego, pede ajuda a seguidores

imagemRegis Tadeu explica porque o vinil e o Spotify vão despencar e o CD vai bombar

imagemOzzy Osbourne revela o único integrante de sua banda que saiu "do jeito certo"

imagemEdgard Scandurra, do Ira!, explica atual sumiço do rock nas rádios brasileiras

imagemDavid Gilmour surpreende ao responder se o Pink Floyd pode voltar a fazer shows

imagemGene Simmons faz passagem de som antes de show do Kiss com roupa inusitada

imagemPaul McCartney lista os cinco músicos que formariam sua banda dos sonhos

imagemMax Cavalera e o conselho dado por Ozzy Osbourne: "ambos nos sentimos traídos"

imagemQuem Glenn Hughes considera digno de substituí-lo como "a voz do rock"

imagemBill Hudson comenta sobre falta de público de Angra e outras bandas nos EUA

imagemJames Hetfield se emociona profundamente no show de BH e é amparado pelos amigos e fãs

imagemBrian May revela o inesperado álbum do Queen que é o seu favorito

imagemPink Floyd: Em entrevista de 1984, David Gilmour falou sobre "The Final Cut"

imagemDez grandes músicas do Iron Maiden escritas pelo vocalista Bruce Dickinson

imagemConheça a "melhor banda com as melhores músicas" para Robert Smith, do The Cure


PRB

Severe Torture: Álbum direto, sem frescuras e sacanagem

Resenha - Slaughtered - Severe Torture

Por Flávio Mendes Santana
Em 03/12/11

Nota: 10

SEVERE TORTURE é uma banda sinônimo de orgulho no Death Metal Brutal. Cada álbum lançado é uma amostra do quanto os caras evoluíram tecnicamente e com personalidade, sem soar forçados e repetitivos. Desde o podraço "Feasting on Blood" até a técnica mais apurada que pode ser conferida no álbum atual de estúdio, "Slaughtered". Com vocais brutais, aliado aos instrumentais maduros e potentes, o SEVERE TORTURE, vai chegando aos poucos no patamar de respeito entre as grandes bandas do cenário, convenhamos, sem precisar se promover forçadamente.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Os holandeses foram mais além do que o álbum anterior "Sworn Vengeance" e conseguiram compor músicas em uma atmosfera bem mais brutal e que, certamente darão aos caras mais tranquilidade de promovê-lo em turnês por um bom tempo, dada a qualidade extrema das composições.

Logo de cara a faixa "Grave Condition" expõe a brutalidade com os urros do vocalista Dennis, acompanhados de blastbeats e riffs insanos, tendo até umas passagens mais Thrash Metal durante o andamento da música. "Unholy Misconception" dá continuidade, e já inicia e mantém a pegada Thrash, alternando entre os blastbeats no refrão, e aliás, que refrão carregado! "Deride Jesus" já expõe alguns elementos mais melódicos da banda, a partir do solo, bem executado por Marvin Vriesde, a bateria mantém o a pegada rápida, e chega a lembrar os blastbeats aplicados pelo Mike Smith do SUFFOCATION.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Para não esfriar o prato quente dos holandeses, já emendam a brutalíssima "Defective Fornication", que mantém a pegada extrema do início ao fim sem tempo de respirar, e mais um belo solo é aplicado no momento preciso. A próxima faixa "Slaughtered" em minha opinião, é a melhor do álbum, devido a dinâmica e técnica instrumental da banda e o solo que, sem palavras, tornou a composição mais que completa. "Feeding on Cadavers" possui riffs muito interessantes, mantendo uma levada mais dinâmica com bumbos duplos, blastbeats, e guitarras alternando em dois tons, cadenciando em uma levada mais melódica em sua metade. "Inferior Divinity" se inicia com uma introdução sinistra, faixa esta que é a mais lenta e cadenciada, e os riffs são mais groove, mas nada que soe apelativo ou comercial. "Incarnation of Impurity" retorna a brutalidade, alternando entre o Death Metal Brutal e o Thrash, dando mais uma cadenciada em sua metade.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

"To Relieve the Mortal Flesh of Pain", faixa apenas instrumental, curta por sinal, que não atrapalha o andamento do álbum, mais pode ser pulada sem problemas (hehehe). "Swallowing Decay" finaliza o álbum do mesmo modo que começou, brutal! Palhetadas precisas, blastbeats e viradas de bateria constantes, a faixa tem seu desfecho uma melodia muito boa, coisa de músicos que sabem o que fazem!

Álbum direto, sem frescuras e sacanagem de mudanças musicais, apenas algumas singelas passagens melódicas para adaptar aos solos e agregar a atmosfera sombria do Death Metal. Recomendado aos fãs de DEICIDE, CANNIBAL CORPSE, SUFFOCATION e outros ícones do Metal Extremo!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Slaughtered - Severe Torture
(2010 - Season of Mist)

Track list:
1 - Grave Condition
2 - Unholy Misconception
3 - Deride Jesus
4 - Defective Fornication
5 - Slaughtered
6 - Feeding on Cadavers
7 - Inferior Divinity
8 - Incarnation of Impurity
9 - To Relieve the Mortal Flesh of Pain
10 - Swallowing Decay

Line up:
Dennis Schreurs - Vocais
Marvin Vriesde - Guitarras
Thijs Van Laarhoven - Guitarras
Patrick Boleij - Baixo
Seth Van De Loo - Bateria

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Flávio Mendes Santana

Nascido e criado na capital paulista, descobriu e se identificou com o universo do Rock no início da adolescência. Atualmente, tem como preferência o Metal Extremo, mas também explora algumas outras vertentes do Rock. Está sempre de olho nos últimos lançamentos, shows e matérias de suas bandas favoritas.

Mais matérias de Flávio Mendes Santana.