Aerosmith: injustiçado por poucas bobeiras

Resenha - Just Push Play - Aerosmith

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Augusto Silighini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Just Push Play foi, sempre será, o álbum mais injustiçado do Aerosmith. Com músicas "POP" demais, fugindo muito da época "Blues" dos primeiros CDs. Sim realmente fugiu, mas somente em 3 ou 4 músicas, e continua sendo um ótimo álbum.
339 acessosLoja de Discos do Cassio: Aerosmith no Rock in Rio5000 acessosCretin: transexual rompe barreiras no metal extremo

Lançado em 2001, foi o retorno do Aerosmith. Depois de quatro anos sem lançar nada de inédito, eles voltaram com esse CD. Pra mim, um disco que marcou minha adolescência, onde cresci rodeado pelo "emos" e "funks".

O disco começa com "Beyond Beautiful". Uma música cativante, não tão rápida, mas muito legal de se ouvir. Ela abre bem o disco. Um ótimo refrão, bem parecido com os melhores tempos do Aerosmith, mas o que mais me chama atenção nessa música é o solo de guitarra, excelente, combina muito bem.

Just Push Play é realmente uma parte fraca no disco, pois a música é muito Hip-Hop, muito remixada, mas é interessante, pois gosto muito do refrão. "Just Push Play - Fucking YEAH!!".
Ela não tem solos de guitarra, mas é muito legal de ser ouvida, uma ótima continuação de "Beyond Beautiful".

"Jaded" é uma música realmente maravilhosa, com uma bela melodia, uma letra trabalhada com a melodia na medida certa, uma das melhores músicas desse CD.

Continuando com o romantismo, "Fly Away From Here" é uma outra é outra maravilhosa balada, podendo ser melhor que "Jaded", mas eu acho meio enjoativa, embora continue sendo maravilhosa.

"Trip Hoppin" me lembra muito "Falling in love" do Nine Lives (a obra prima do Aerosmith) é uma música muito divertida, com uma ótima guitarra pra acompanhar os vocais de Steven. Ela começa bem pra acompanhar a melhor música do CD.

"Sunshine" é a melhor, começa com riff cativante, o refrão é muito colante, mas o mais impressionante nessa música é o solo de guitarra de Joe Perry. Incrível! Na minha opinião é a melhor música desse álbum.

"Under my Skin" é uma canção mais pesada, com ótimo riff de entrada, o refrão é muito legal também. Uma coisa boa dessa música é a gaita, uma coisa que não aparece nas outras faixas do disco.

"Luv Lies" é uma balada maravilhosa, com a continuação da gaita, outra música muito boa desse CD.

Não sei porque, mas "Outta Your Head" nem parece Aerosmith no começo, quando eu ouvi pensei que fosse um grupo de Rap cantando. O refrão é legalzinho mas depois a música volta ao Hip-Hop. Mas é legal pra se ouvir, se você realmente gosta de Aerosmith.

"Drop Dead Gorgeous" é uma música fraca, sem gosto de se ouvir inteira, com certeza a pior do álbum. Nem vou falar muito dela, pois tem outras faixas mais especiais para se falar.

"Light Inside" é bacana pois foge bastante de "Drop Dead Gorgeous" que acaba com o álbum. Não é a melhor do disco, mas é gostosa pra se ouvir.

"Avant Garden" me lembra um pouco de country no começo, muito legal. Mas quando o Steven começa a cantar, a música fica incrível, com um violão muito bom, é uma balada super legal. Uma música legal pra se ouvir envolta de uma fogueira, rs.

Então, esse CD merece mais atenção dos fãs e da critica, pois tem ótimas músicas. Tem sua parte fraca, mas é minoria, pois a maior parte são de músicas boas. E com esse CD, o Aerosmith colocou no topo uma música, depois de 20 anos, uma coisa que só eles fizeram.

Track List:

1-Beyond Beautiful
2-Just Push Play
3-Jaded
4-Fly Away From Here
5-Trip Hoppin
6-Sunshine
7-Under My Skin
8-Luv Lies
9-Outta Your Head
10-Drop Dead Gorgeous
11-Light Inside
12-Avant Garden

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Top 20Top 20
Os discos e singles mais odiados do rock, segundo o UCR

339 acessosLoja de Discos do Cassio: Aerosmith no Rock in Rio549 acessosAerosmith: tres vídeos retrospectivos de shows recentes460 acessosSteven Tyler: de volta ao American Idol?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Aerosmith"

Steven TylerSteven Tyler
Melhor em usar drogas do que em fazer música

AerosmithAerosmith
"Walk This Way" surgiu enquanto esperavam cocaína

Alice CooperAlice Cooper
Como ele montou a banda com Johnny Depp e Joe Perry

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Aerosmith"

CretinCretin
Transexual rompe barreiras no metal extremo

VocalistasVocalistas
Três grandes erros na história de três grandes bandas

HistóricasHistóricas
Fotos de encontros inusitados entre rockstars

5000 acessosPorn Metal: Filmes para inspirar os headbangers solitários5000 acessosRock in Rio: algumas das maiores vaias em edições nacionais5000 acessosCover: 15 bandas que são quase tão boas quanto o original5000 acessosInstrumentos: algumas das guitarras mais doidas já feitas5000 acessosRockstars: as filhas mais lindas dos astros do rock2056 acessosIron Maiden: veja Nicko McBrain tocando com Pat Travers em 1976

Sobre Vitor Augusto Silighini

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online