Reviolence: Para os devotos do Heavy Metal tradicional

Resenha - Modern Beast - Reviolence

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

8


Surgido das cinzas do extinto Panzer, o paulistano Reviolence vêm desde 2003 recebendo considerável apreço da mídia especializada, e com ótima resposta do público da Europa. Após os EPs "In Pieces" (03) e "Violent Phoenix" (08), e os sempre desagradáveis ajustes em sua formação, o pessoal assinou com a Marquee Records e liberou o tão aguardado debut, "Modern Beast", um prato cheio para os devotos de todo o tradicionalismo do Heavy Metal.

Considerando a experiência destes músicos, não é de se admirar a segurança e maturidade alcançada logo no disco de estreia. Ainda que "Modern Beast" obedeça à maioria dos dispositivos reconhecidos no gênero, sua mescla de Heavy Tradicional e Thrash Metal está muito bem estruturada, comprovando definitivamente sua qualidade com guitarras trabalhando entre bases harmoniosas, riffs de impacto e solos (muito) talentosos, além de um vocalista que, se não é maravilhoso, mostra-se correto e consciente de seu potencial.

publicidade

Com timbres que se revelarão irresistíveis a qualquer headbanger, além de bom senso na aplicação de velocidade e cadência, o repertório prima por grande linearidade. Ainda que "Warning Hell" e a própria "Modern Beast" sejam composições espetaculares, todo o álbum merece uma atenção cuidadosa, pois é furioso, pesado – nada de baladas por aqui! – e, acima de tudo, esbanja um feeling de tirar o fôlego. E ponto positivo pela iniciativa em regravar "Zero Of Me", uma bela faixa do EP "In Pieces".

publicidade

Com distribuição garantida na Alemanha, Japão, EUA e Canadá, "Modern Beast" foi elogiado até mesmo pelo etílico vocalista alemão Gerre (Tankard). Apesar de tudo, novamente o Reviolence é flagelado pela troca de músicos... Quem saiu foi o próprio vocalista Rod, mas o pessoal não se deixou abater: contatou Raphael Wiltemburg e não só continua divulgando seu disco, como também liberaram a inédita "King Of The Night" e o cover para a clássica "Allied Forces" (Triumph), disponíveis para download em seu MySpace. Passem por lá e confiram!

publicidade

Formação:
Rod Starscream - voz
Guilherme Spilack - guitarra
Maurício Cliff - baixo
Edson Graseffi - bateria

Contato: www.myspace.com/reviolence

Reviolence - Modern Beast
(2010 / Marquee Records - nacional)

01. Intro
02. Trail Of Tears
03. Warning Hell
04. Saint And Sinners
05. Violent Phoenix
06. Modern Beast
07. The Metal Church
08. Virtual Hero
09. Zero Of Me
10. The Annunciation
11. About Angels And Demons
12. Abduction
13. Quattro

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Iron Maiden: pastor evangélico tem 172 tatuagens da bandaIron Maiden
Pastor evangélico tem 172 tatuagens da banda

Ultimate Classic Rock: os 100 maiores clássicos do rockUltimate Classic Rock
Os 100 maiores clássicos do rock


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin