Die Apokalyptischen Reiter: Som sujo e agressivo de sempre

Resenha - Moral & Wahnsinn - Die Apokalyptischen Reiter

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Renato Spacek, Fonte: ocaralhoa4.blogspot.com
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O gênero do DIE APOKALYPTISCHEN REITER é algo complicado de se dizer, chegando certas horas a ser um Avant Garde. A banda não engloba totalmente temáticas Folk pela falta de instrumentos típicos e a falta de letras sobre o tema. E também não é exatamente Death Metal pois suas letras não tem nada a ver com as letras de Death, guturais não são utilizados, mas palhetadas alternadas graves e peso são duas coisas indispensáveis na música deles, portanto podemos os rotular como Death/Folk Metal enquanto não inventam o Apokalyptischen Metal, risos.
5000 acessosSeparados no nascimento: Ozzy Osbourne e Renato Aragão5000 acessosQueen - Perguntas e Respostas

A banda não mudou muito desde seu último disco, "Adrenalin", de 2009. O grupo mantém sua identidade intacta, sem mudanças sonoras abruptas e afins, fazendo aquele som sujo e agressivo de sempre. Aqui, o Die não esbanja criatividade, mas também não peca nesse quesito, assim como em vários outros. "Moral & Wahnsinn" não é do tipo de álbum ruim, pelo contrário, mas também não é algo que te chame muita atenção a ponto de te cativar permanentemente, apesar de ser um bom disco.

Quem já conhece o grupo não tem muito o que esperar, pois a banda continua exatamente a mesma, e quem nunca escutou, espere um som totalmente singular, pois não existe banda que se assemelhe ao DIE APOKALYPTISCHEN REITER.

1. Die Boten - 03:28
2. Gib dich hin - 03:51
3. Hammer oder Amboß - 03:34
4. Dir gehört nichts - 03:03
5. Dr. Pest - 03:54
6. Moral & Wahnsinn - 03:12
7. Erwache - 03:33
8. Heimkehr - 01:45
9. Wir reiten - 03:57
10. Hört auf - 03:30
11. Ein liebes Lied - 3:14

Fuchs - Vocals
Ady - Guitars
Volk-Man - Bass, Vocals
Dr. Pest - Keyboards, Synths
Sir G. - Drums

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Die Apokalyptischen Reiter"

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Ozzy Osbourne e Renato Aragão

QueenQueen
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

MetallicaMetallica
Hammett e Ulrich escolhem álbuns e músicas da década

5000 acessosPlanet Rock: As músicas com os melhores solos de guitarra5000 acessosRafael Serrante: Ele invadiu o palco do Maiden no Rock In Rio5000 acessosRock And Roll: últimas fotos em vida de músicos famosos5000 acessosIron Maiden: conheça as versões de Eddie com o passar dos anos5000 acessosFutebol & Rock n' Roll: alguns jogadores que ouvem rock e metal5000 acessosHeavy Metal: 25 bandas que fizeram o gênero ser o que é

Sobre Renato Spacek

Brasiliense e amante do Metal, reside no exterior e tem preferência pelos subgêneros Folk, Power e Groove, mas não se limita a isso, pois também aprecia outros estilos tais como Thrash Metal, Hard Rock, Glam Metal, Death Metal e Black Metal, mas é bem seletivo com os dois últimos. É baixista e conheceu o Rock através do KISS, em 1999, entretanto sua banda preferida é o Dream Theater. Fã de Tolkien, adora os Estados Unidos e a Suécia.

Mais matérias de Renato Spacek no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online