Brutal Exuberância: Thrash, Crossover e algo de Heavy

Resenha - Guerra dos Mundos - Brutal Exuberância

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Considerando as dimensões continentais de um país como o Brasil, é bem complicado que alguns estados venham a ter acesso aos registros produzidos por bandas oriundas da nossa região norte. Formado no início de 2004, o Brutal Exuberância vem de Manaus (AM) e já teve a oportunidade de abrir para nomes como Torture Squad, Violator, Claustrofobia, etc.
5000 acessosMotörhead: em 1995, Lemmy comenta versão do Sepultura5000 acessosMetallica: NME elege as 10 melhores músicas do grupo

Em 2008 os amazonenses apresentaram seu segundo CD-Demo, “Guerra dos Mundos”. Como o próprio logotipo e ilustração da capa já indicam, sua proposta segue uma linha tipicamente oitentista e geralmente veloz ao abordar de forma bem direta o Thrash, Crossover e algo de Heavy Metal Tradicional, e todo cantado em português.

Naldo (voz e guitarra), Afrânio Pires (baixo) e Adriano Monge (bateria) fazem uso daquela ficção científica com direito a alienígenas invadindo a Terra como a força central de seu tema, mas não falta a abordagem dos problemas sociais e políticos de nosso país (será que se os ETs soubessem de todos essas picuinhas, iriam querer invadir essa complicada bolinha azul?).

A gravação é meio tosca, característica típica das demos, mas mostra aonde o Brutal Exuberância quer chegar com sua música. Os melhores momentos podem ser encontrados na feroz abertura “Guerra dos Mundos”, “O Escolhido” e na excelente “Covardes”, onde nem é necessário que Naldo cante, pois os digníssimos representantes eleitos pelo povo já dizem tudo – para a vergonha da nação, é claro.

Contato:
http://www.myspace.com/brutalexuberancia
brutalexuberancia@gmail.com

Brutal Exuberância - Guerra dos Mundos
(2008 / CD-Demo – nacional)

01. Guerra dos Mundos
02. Cotidiano
03. Covardes
04. Madrugada
05. O Contato
06. O Escolhido

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Brutal Exuberância"

MotörheadMotörhead
Em 1995, Lemmy comenta versão do Sepultura

MetallicaMetallica
New Music Express elege as melhores músicas do grupo

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Dani Filth antes de virar... Dani Filth

5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha5000 acessosTotal Guitar: os melhores e piores covers da história5000 acessosPaulo de Castro: Baixos, guitarras, calcinhas, e pinball do Kiss?5000 acessosDimmu Borgir: não faz sentido usar jeans e camiseta branca5000 acessosIron Maiden: "O que você precisa saber está no palco!"5000 acessosHard Rock e Metal: os vinte discos mais vendidos nos EUA

Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online