Matérias Mais Lidas

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemIron Maiden e o Rock in Rio: em detalhes, o que exatamente a banda pediu para o evento

imagemO clássico dos Paralamas do Sucesso que Lobão acusou de plágio

imagemRob Halford compartilha a foto mais metal da semana; "O Rei e Eu"

imagemGuitarrista do Skid Row diz que não fala com Sebastian Bach e não pensa em fazer pazes

imagemDavid Ellefson diz que você conhece seus amigos quando a m*rda bate no ventilador

imagemGordo diz que atualizou termos politicamente incorretos após puxão de orelha de filha

imagemFãs de Stranger Things do Tik Tok querem cancelar o Metallica

imagemPrika Amaral diz que fica feliz com o sucesso alcançado banda Crypta

imagemFloor Jansen diz que achou que não fosse conseguir cantar nova música do Avantasia

imagemResenha - Max e Iggor Cavalera (Audio, São Paulo, 07/08/2022)

imagemBlack Sabbath: Ozzy e Iommi sobem ao palco para tocar clássicos na final do Commonwealth

imagemArtigo na Far Out Magazine aponta James Hetfield como pior letrista da história do metal

imagemIngressos para o Wacken 2023 se esgotam em tempo recorde

imagemNova Fã que descobriu Metallica por Stranger Things quer cancelar banda e reúne provas


Stamp

Raconteurs: menos um projeto e mais uma grande banda

Resenha - Consolers of the Lonely - Raconteurs

Por ms
Fonte: The Raconteurs Brasil
Em 15/12/08

O que diferencia as lendas do blues? Uma boa história, Jack White sabe como dizer a um. Em 2005 Jack White se une à Brendan Benson (cantor/compositor), Jack Lawrence (baixista) e Patrick Keeler (baterista) para formar "THE RACONTEURS".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O review abaixo foi publicado na revista Rolling Stone.

"Consolers of the Lonely" vem como uma conversa entre Jack White e Brendan Benson, com influências de suas bandas favoritas, tais como: Led Zeppelin, The Who, Badfinger. Cada um dos riffs, a harmonia entre versos e violão leva uma série de histórias incontestáveis.

Um clássico ocidental em "The Switch and the Spur", uma parábola bíblica em "These Stones Will Shout", a lenta e épica "Carolina Drama". Jack White e Benson se "ligam" à uma harmonia de piano-led em "Pull This Blanket Off". "Salute Your Solution" uma inspiração dos velhos tempos, garageiros. Juntam seus estilos em "Consoler of the Lonely", que coloca todos os possíveis pontos de exclamação com: guitarras explosivas, mudanças bruscas de tempo, ritmo e um ponto culminante quando o conjunto inicia.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A principal música (do título e do álbum) vem de uma inscrição em um posto de correio em Washington: "Mensageiro da simpatia e do amor, servo de partida para amigos, "consoler of the lonely", o vínculo de famílias espalhadas, enlarguecer a vida comum". Se isso é um carteiro do serviço - para ligar as pessoas -, então isso é o que essas canções são destinadas a fazer também.

Este sistema bipartidário de compor as músicas não funciona bem em "Broken Boy Soldiers". A fim de não ofuscar Benson, White tornou-se quase anônimo, abandonando seus acordes clássico. Como resultado, o Raconteurs tornou-se o primeiro projeto secundário na história que realmente soa fortemente. Mas em "Consoler of the Lonely" White abre espaço para sua grande personalidade. Isso é uma boa, pois para todos os pontos fortes de Benson (guitarra brilhantes, melodias, etc..), personalidade não é o que falta à um deles. A matéria-prima da guitarra começa em "Five on the Five".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Benson e White da liberdade e da obsessão com o controle. Nada menos que três canções - "Hold Up", "The Switch and the Spur" e "Attention" - que mencionam a ser preso ou em local fechado à chaves. Em "Old Enough" é várias influências de folk e blues. (Para terminar, Benson adverte: "Vocês não falam, então eu tenho que adivinhar, você não estiá livre" - você ouviu isso, Meg?)

Consolers soa menos como um projeto e mais como uma grande banda. É divertido assistir White fazer as coisas como ele faz. Em destaque do álbum, "Carolina Drama", White canta a lenda de um menino chamado Billy, que tem uma vingança contra o namorado de sua mãe, White conclui que: Billy mata o namorado com uma garrafa de leite. Mas nada está resolvido - no fim uma trapalhada de inexplicável detalhes (quem é este pastor que entregou a garrafa?).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Não se incomode" - White avisa que no início ele não iria empurrar tudo para cima. "Não tenho certeza de que há um ponto para a história/ Mas eu vou dizer a ele outra vez", ele canta. "Tantas outras pessoas tentam dizer o conto/ Nem um deles sabe o final." Adivinhe, o ponto da história é o expressivo!

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Ultimate Classic Rock: os 100 maiores clássicos do rock

Supergrupos: Os melhores e piores na opinião da Metal Hammer