Matérias Mais Lidas

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemJohn Bonham, Keith Moon ou Charlie Watts, quem era o melhor segundo Ginger Baker?

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemProdutor de "Temple of Shadows" conta problemas que teve com voz de Edu Falaschi

imagemZakk Wylde relembra ídolo: "tão relevante quanto Bach, Beethoven e Mozart"

imagemSteven Tyler dá entrada em clínica de reabilitação após sofrer recaída

imagemA dura crítica de Angus Young a Led Zeppelin, Jeff Beck e Rolling Stones em 1977

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagemComo foi 1º encontro de Nando Reis e Cássia Eller, ocorrido na casa de Marisa Monte

imagemÁlbum histórico do Iron Maiden estampa capa da revista Metal Hammer

imagemKiko Loureiro explica efeito colateral da saída de Andre Matos que o fez crescer

imagemLuciana Gimenez tentou aprender com Mick Jagger algo que não funcionou para ela

imagemRitchie Blackmore comenta o instrumental que lançou como homenagem a Jon Lord

imagemA definição de rock n roll segundo quem melhor entende do assunto: Mick Jagger

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal


Stamp

Resenha - Reason - Shaaman

Por Rafael Carnovale
Em 04/05/05

Nota: 9

Taí um disco que vai gerar reações distintas entre os fãs. Depois de mais de 150 shows promovendo seu "debut" "Ritual" e o lançamento do CD/DVD ao vivo "Ritualive", o Shaman passou por uma re-estruturação que incluiu a saída da gravadora Universal e a entrada na Deckdisc, a mudança do nome de Shaman para Shaaman por questões administrativas, e finalmente, após uma longa espera, o lançamento do novo cd, "Reason".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O que eu afirmei acima se explica da seguinte maneira: muitos fãs ficarão felizes e outros frustrados. Achou estranho? Os fãs ficarão felizes porque a banda continuou a proposta iniciada em "Ritual": um som mais básico, mais voltado para o metal oitentista e fugindo do metal melódico. E muitos ficarão frustrados porque se em "Ritual" o Shaaman já dava sinais de desligamento com o metal melódico, em "Reason" a coisa é bem mais profunda, quase uma ruptura. Se "Ritual" foi um tapa na cara dos fãs de metal melódico, "Reason" é um soco no estômago. A questão que fica é... o resultado compensa?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Turn Away" (apresentada ao vivo já há algum tempo) mostra que sim: "riffs" mais diretos, afinação mais baixa, e um André Matos cantando de forma mais rasgada e contida. "Reason" já flerta com o hard-rock de maneira explícita, e soa agradabilíssima aos ouvidos.

Lembra que eles iriam gravar um "cover" dos anos 80? Pois é... só que não espere Deep Purple, Sabbath, Led ou Iron. A escolhida foi "More" do (!) Sisters of Mercy, cujo começo assusta pelos efeitos eletrônicos, porém a música cresce, e se torna um rock de respeito, embalado pelas guitarras de Hugo Mariutti (que neste cd mostra uma evolução impressionante). Já "Innocence" é uma bela balada, escolhida para ser o primeiro single.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O cd nos traz um Shaaman maduro e consciente, apostando na fusão do hard com o metal oitentista em "Scarred Forever" (cujo andamento é excepcional) e na boa "In the Night" (com teclados e orquestrações muito bem executados). "Iron Soul" já traz alguns elementos percussivos, enquanto que "Iron Soul" é o elo de ligação com o que sobrou de metal melódico no som da banda. "Trail of Tears" e "Born to Be" (outra linda semi-balada) trazem um Shaaman mais "Dark", apostando inclusive na incorporação de momentos góticos para ajudar nos climas atmosféricos. A destacar a competência de Luís no baixo e de Ricardo Confessori na bateria.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Porém um fato é preocupante: o vocalista André Matos demonstra uma mudança crítica em seu modo de cantar, apostando nos tons mais baixos e na agressividade. Para um vocal que se caracterizou nos timbres agudos como ele, tal mudança é um forte desafio, por isso considero que ele ainda pode evoluir mais, embora tenha feito um grande trabalho. Porém, espero muito mais do grande músico que é André Matos no próximo cd da banda.

Um bom CD. Não tão acessível quanto "Ritual", cheio de nuances e detalhes, e um tanto complicado para escutar. Vai desagradar a vários fãs que esperavam um Shaaman mais ligado ao passado de seus integrantes, mas uma obra que merece destaque, pela ousadia e pela competência. Antes de criticar, ouça o CD.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Material Cedido Por:
Deckdisc Prod. Art. Ltda
http://www.deckdisc.com.br
São Paulo (SP)


Outras resenhas de Reason - Shaaman

Resenha - Reason - Shaaman

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp



Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale.