Resenha - One Day Remains - Alter Bridge

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Priscila Roque
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9


O Alter Bridge é nova banda dos ex-integrantes do Creed (Mark Tremonti - guitarra, Scott Phillips - bateria e Brian Marshall - baixo). Para situar os leitores, o Creed terminou suas atividades em junho. O vocalista Scott Stapp seguiu em carreira solo e os demais integrantes convidaram um novo vocalista, Myles Kennedy, e fundaram o Alter Bridge.

Myles Kennedy: quais as semelhanças e diferenças entre Slash e Mark TremontiMusas do Metal Nacional: combo de talento e sensualidade

Este primeiro álbum da banda, intitulado One Day Remains, tem lançamento mundial previsto para o dia 10 de agosto. Ao ouví-lo na integra, têm-se a impressão de que esse é um disco muito bem estruturado, com boas composições e um instrumental que não deixa nada a desejar. Nesse tempo que o Creed não esteve mais na ativa, Tremonti e sua turma aproveitaram para trabalhar pesado nesse novo projeto. Com o fim da banda, o tempo disponível aumentou e o trabalho rendeu muito.

As composições fogem um pouco da temática do Creed, porém uma "vaga" lembrança da ex-banda está presente em algumas faixas do disco. Porém, essas faixas que se aproximam mais da cozinha do Creed já eram esperadas, até porque o instrumental completo é composto pelos próprios ex-integrantes da banda. Um "estilo" Creed com vocal novo? Não... está bem distante disso. A banda mostra peso, as guitarras do Tremonti passeiam por outro caminho.

Falando na melodia, o disco já começa com duas "porradas". Find the Real e One Day Remains mostram postura e impõe respeito ao ouvinte. Open Your Eyes é a faixa mais comercial do disco. O instrumental lembra muito o Creed, mas fica claro que a posição da banda perante esse som não é de ser uma lembrança e sim uma influência da antiga banda e ponto final. O vocal é redondinho e bem trabalhado.

Na seqüência, Burn It Down, Broken Wings e Metalingus, mostram que o disco segue uma risca, que trabalha em apenas um segmento. Talvez essa seja a identidade da banda. As baladas são boas, porém as porradas parecem tornar-se marca registrada do Alter Bridge. Mesmo nas ditas "baladas", o vocal demonstra muita força - longe de ser algo meloso.

Tá, tá... de meloso tem In Loving Memory. Inegável que essa não seja uma balada melosa. Mas no bom sentido. Uma faixa cheia de sentimento e que pede um vocal talvez, digamos, mais delicado.

O disco fecha com uma faixa nada curiosa intitulada The End Is Here. Acho que o pecado está aí. É uma boa música, mas, particularmente, não gostei do trocadilho...

Depois da audição completa do disco, pude perceber que o vocal do Myles tem uma leve influência do Chris Cornell no auge do Soundgarden - ponto chave para traduzir o disco "One Day Remains" num ótimo começo de carreira para essa banda que promete não só tomar o lugar vazio deixado pelo Creed, como também conquistar muitos outros novos ouvintes.

Site oficial: www.alterbridge.com




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Alter Bridge"


Myles Kennedy: quais as semelhanças e diferenças entre Slash e Mark TremontiMyles Kennedy
Quais as semelhanças e diferenças entre Slash e Mark Tremonti

Myles Kennedy: ele diz que não atuou nada ao participar do filme Rock StarMyles Kennedy
Ele diz que não atuou nada ao participar do filme "Rock Star"

Alter Bridge: "Não acredito na religião organizada", diz Mark Tremonti

Alter Bridge: sonoridade exótica em novo álbum?Alter Bridge
Sonoridade exótica em novo álbum?

Alter Bridge: a permanência em destaque não é sem motivoAlter Bridge: lançado Walk The Sky, sexto álbum de estúdio da bandaPop Reverso: crítica do novo álbum do Alter Bridge (vídeo)Alter Bridge: assista ao videoclipe da música inédita "Dying Light"

Led Zeppelin: Myles Kennedy conta de seu teste para vocalistaLed Zeppelin
Myles Kennedy conta de seu teste para vocalista

Myles Kennedy: para ele, Guns N' Roses prova que Gene Simmons está erradoMyles Kennedy
Para ele, Guns N' Roses prova que Gene Simmons está errado


Musas do Metal Nacional: combo de talento e sensualidadeMusas do Metal Nacional
Combo de talento e sensualidade

Gorgoroth: As orientações sexuais e políticas de GaahlGorgoroth
As orientações sexuais e políticas de Gaahl


Sobre Priscila Roque

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336