Resenha - Black Moon - Emerson, Lake & Palmer

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo
Enviar correções  |  Ver Acessos


Este é o retorno do consagradíssimo trio que sacudiu a todos com obras-primas como "Pictures At An Exhibition", "Tarkus", "Brain Sallad Surgery", "Trilogy" e outros clássicos do progressivo neoclássico. Os veteranos Keith Emerson, Greg Lake e Carl Palmer voltam em 1992 depois de longo tempo sem gravarem juntos e de um projeto mal sucedido com o baterista Colin Powel, com um disco que foi aclamado pela mídia e mais aceito pelo público em geral, por se tornar um material mais acessível ao grande público, o que despertou a angústia daqueles que queriam ver o trio de volta com outro "Pictures At An Exhibition".

Vinil: quais são os dez discos mais valiosos do mundo?Halloween: dez clássicos do Heavy Metal para curtir a data

Porém, apesar de não muito bem aceito pelos fãns antigos, esse disco não é nem um pouco ruim! Pode acreditar! Eu esperei muito tempo pra ir atrás dele devido às péssimas críticas ao novo material, mas quando eu ouvi pela primeira vez, minha primeira sensação foi de satisfação e pulos de alegria! Além da emoção que senti ao ouvir músicas que pareciam atingir o coração do cosmos (e o meu, claro)! Descobri o ELP através de uma coletânea, o "The Very Best of Emerson, Lake & Palmer", e após isso fui pegando o material antigo deles. Mas mesmo assim não fiquei nem um pouco desapontado com esse disco.

Já na primeira faixa, a título, "Black Moon" dá um safanão na orelha e brinda a todos com um excelente pop rock muito bem executado, com a maestria de costume do trio! Essa e a segunda e também ótima canção "Paper Blood" mostram o redirecionamento mais pop que o trio resolveu empregar. Destaque para a gaita de "Paper Blood", muito legal! O barco segue com a belissima balada "Affairs Of The Heart", acompanhada de um belíssimo número de violão de Lake e a colcha harmônica dos teclados, cortesia de Emerson.

Mas para aqueles que pensam que a veia clássica que os consagraram foi deixada de lado, eis que acontece o retorno do manticore! A instrumental "Romeo And Juliet", a maravilhosa "Farewell To Arms" e a épica "Changing States" mostram o trio de volta à forma, mostrando que ainda são capazes de retornarem aos seus gloriosos dias! Um trio primorosíssimo de canções! "Changing States" soa como uma daquelas canções de grandes orquestras, um épico maravilhoso que encaixaria bem em qualquer superprodução de Hollywood.

A aproximação do trio com uma sonoridade mais pop continua em "Burning Bridges", mas em seguida, Emerson impressiona novamente com um belíssimo impromptu de piano em "Close To Home", dando uma verdadeira aula de técnica e sentimento, como toca esse cara! Pena que sua disfunção na mão abortou um retorno do trio em 1997. O pop rock volta novamente com "Better Days", e para terminar um belíssimo número de violão de Lake, "Footprints In The Snow", uma belíssima balada.

Faça o seguinte: não dê ouvidos para as críticas! Eu dei, e quase ignorei um excelente disco! Já vi até gente escrevendo que esse disco é para os fãns do Michael Jackson!!!!! Pura besteira! Se você gosta de música bem tocada, com expoentes da música como esses caras, vá correndo atrás de Black Moon! Não é nenhum Pictures, muito menos um Trilogy, nem nada disso! É diferente, mas é igualmente maravilhoso! Um trabalho extra super primoroso desse trio de veteranos do prog rock neoclássico, agora em busca de outras facetas, em busca de evoluir cada vez mais seu som. Acredito que quando as pessoas largarem os preconceitos de lado, essa obra-prima do ELP será melhor apreciada.

C'EST LA VIE!




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por escolha do autor os comentários foram desativados nesta nota.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Emerson Lake And Palmer"


Keith Emerson: namorada relata possíveis motivos para suicídioKeith Emerson
Namorada relata possíveis motivos para suicídio

H. R. Giger: Veja algumas das capas clássicas do designerH. R. Giger
Veja algumas das capas clássicas do designer


Vinil: quais são os dez discos mais valiosos do mundo?Vinil
Quais são os dez discos mais valiosos do mundo?

Halloween: dez clássicos do Heavy Metal para curtir a dataHalloween
Dez clássicos do Heavy Metal para curtir a data


Sobre Ricardo

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adClio336|adClio336