Matérias Mais Lidas

Guns N' Roses: falta de planejamento fez Gilby ter que aprender a tocar tudo rapidinhoGuns N' Roses
Falta de planejamento fez Gilby ter que aprender a tocar tudo rapidinho

Whitesnake: David Coverdale se manifesta sobre a morte de Tawny KitaenWhitesnake
David Coverdale se manifesta sobre a morte de Tawny Kitaen

Skid Row: ex- vocalista está hospitalizado há um mês por insuficiência hepáticaSkid Row
Ex- vocalista está hospitalizado há um mês por insuficiência hepática

Anos 90: bandas de hard rock e metal que decepcionaram os fãsAnos 90
Bandas de hard rock e metal que decepcionaram os fãs

Mauricio Weimar: o que eu penso sobre o Eloy Casagrande?Mauricio Weimar
"o que eu penso sobre o Eloy Casagrande?"

Nirvana: FBI torna público documento relacionado à investigação da morte de KurtNirvana
FBI torna público documento relacionado à investigação da morte de Kurt

Gene Simmons: o segredo de sua boa forma está no nomeGene Simmons
O segredo de sua boa forma está no nome

Motörhead: 10 músicas menos conhecidas que todos precisam ouvir, segundo a Kerrang!Motörhead
10 músicas menos conhecidas que todos precisam ouvir, segundo a Kerrang!

Raimundos: Canisso reforça que Digão surtou pois chama até João Gordo de pela sacoRaimundos
Canisso reforça que Digão surtou pois "chama até João Gordo de pela saco"

Dire Straits: Mark Knopfler revela pra Brian Johnson quem são os Sultões do SwingDire Straits
Mark Knopfler revela pra Brian Johnson quem são os "Sultões do Swing"

Raimundos: Digão chama Santa Cruz, João Gordo e outros de pela sacoRaimundos
Digão chama Santa Cruz, João Gordo e outros de "pela saco"

Religião: Top 10 citações sobre Deus e o DiaboReligião
Top 10 citações sobre Deus e o Diabo

Legião Urbana: Será uma vingança pessoal contra o pai?, pergunta Dado Villa-LobosLegião Urbana
"Será uma vingança pessoal contra o pai?", pergunta Dado Villa-Lobos

Champions League do Rock: bandas de Manchester e Londres, cidades dos clubes finalistasChampions League do Rock
Bandas de Manchester e Londres, cidades dos clubes finalistas

Rolling Stones: show histórico de Copacabana será lançado; confira capa e tracklistRolling Stones
Show histórico de Copacabana será lançado; confira capa e tracklist


MOPD
Arte Musical
Stamp

Resenha - Metal Discharge - Destruction

Por Raphael Crespo
Em 28/12/03

Texto originalmente publicado no
JB Online e no Blog Reviews & Textos.

Em 1999, exatos dez anos após sua separação, o Destruction protagonizou um dos retornos mais esperados dentro do cenário do heavy metal, com shows gloriosos nos festivais europeus Bang Your Head, With Full Force e Wacken Open Air. Hoje, depois dos ótimos All hell breaks loose (2000) e The Antichrist (2001), os cultuados alemães lançam Metal discharge, o melhor álbum da banda depois da retomada. Thrash metal na veia e sem firulas, com um petardo atrás do outro.

O Destruction surgiu na época mais fértil para o som pesado nos anos 80, quando algumas bandas começaram a misturar o heavy metal com elementos do punk e do hardcore, dando forma ao thrash, um estilo bem mais rápido e pesado. Os dois principais expoentes eram os Estados Unidos - com bandas como Metallica, Exodus, Testament, Anthrax e Slayer - e a Alemanha, com a trinca Kreator, Sodom e o Destruction. Criado em 1983, na cidade alemã de Weil am Rhein, o grupo era formada por Schmier (baixo e vocal), Mike (guitarra) e Tommy (bateria). Apenas três membros, mas que faziam uma barulheira dos infernos. Com essa formação, foram gravados os discos Sentence Of death (1984), Infernal overkill (1985) e Eternal devastation (1986).

No trabalho seguinte, o clássico Mad Butcher (1987), Tommy deu lugar a Olly na bateria e a banda virou um quarteto, com a entrada do guitarrista Harry. Depois do discutido Release from agony (1988) e do ''ao vivo'' Live without sense, do mesmo ano, o líder Schmier deixou a banda durante as gravações de Cracked brain (1989), que tem os vocais de André (Poltergeist). Mike e Olly seguiram com o Destruction e lançaram três trabalhos que sequer entram na discografia oficial, que pula de Cracked brain para All hell breaks loose.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Metal discharge marca a volta do Destruction às origens, com músicas que poderiam fazer parte dos discos clássicos dos anos 80, honrando o thrash metal alemão daquela longínqua época. Os dois primeiros álbuns depois da volta são muito bons, mas, em comparação ao novo trabalho, parecem uma espécie de aquecimento para a retomada da pancadaria pura e explícita de Metal discharge, que tem músicas mais curtas, riffs e mais riffs e o vocal rasgado de Schmier. A banda, novamente um trio, conta ainda com Mike na guitarra e Marc Reign na bateria.

As faixas que mais se destacam são Desecrators of the new age, Mortal remains, Savage symphony of terror, além da faixa-título. Made to be broken tem uns toques de modernidade que, em muitos momentos, principalmente no riff de guitarra, lembram o Pantera, o que não chega a ser ''traição'' nenhuma aos fãs mais radicais, que esperam o thrash do início ao fim, estilo que consagrou o Destruction.


Outras resenhas de Metal Discharge - Destruction

Resenha - Metal Discharge - Destruction

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

💬 Ler e postar comentários


Korzus
Edu Falaschi - Vera Cruz
Pentral
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Metal Hammer: de Scorpions até Rammstein, os 10 melhores álbuns do metal alemãoMetal Hammer
De Scorpions até Rammstein, os 10 melhores álbuns do metal alemão

Nervosa: banda brasileira lança single com participação de Schmier, do DestructionNervosa
Banda brasileira lança single com participação de Schmier, do Destruction

Destruction: Ingressos já à venda na América Latina para Live Stream Attack 2021


Destruction: os anos noventa e a história não contada da bandaDestruction
Os anos noventa e a história não contada da banda

1986: O ano definitivo da música pesada1986
O ano definitivo da música pesada

Metal: dez álbuns provam que 1986 foi o ano do ThrashMetal
Dez álbuns provam que 1986 foi o ano do Thrash


Slayer: quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanistaSlayer
Quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanista

Guitarristas e vocalistas: os 10 melhores casamentosGuitarristas e vocalistas
Os 10 melhores "casamentos"


Sobre Raphael Crespo

Raphael Crespo é jornalista, carioca, tem 25 anos, e sempre trabalhou na área esportiva, com passagens pelo jornal LANCE! e pelo LANCENET!. Atualmente, é editor de esportes do JB Online, mas seu gosto por heavy metal o levou a colaborar com a seção de musicalidade do site do Jornal do Brasil, com críticas de CDs e algumas matérias especiais, que também estão reunidas em seu blog (http://www.reviews.blogger.com.br). Sua preferência é pelo thrash metal oitentista, mas qualquer coisa em termos de som pesado é só levantar na área que ele mata no peito e chuta. Gosta também de outros tipos de som, como MPB, jazz e blues, mas só se atreve a escrever sobre o que conhece melhor: o metal.

Mais matérias de Raphael Crespo no Whiplash.Net.