Resenha - Say Yeah - Aquila

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Anderson Guimarães de Carvalho
Enviar correções  |  Ver Acessos


"Say Yeah" é o primeiro álbum do grupo holandês Aquila, cujo principal compositor, produtor e líder é Fred Hendrix (ex-Terra Nova). Com o fim do Terra Nova, que era bastante famoso na Europa, Fred Hendrix montou o Aquila em meados de 2000. Eis que agora chegam a seu debute, esbanjando talento nas composições e na produção.

Jared Leto: a reação ao se ver no papel do CoringaGuitar Hero: veja como o jogo desgraçou uma geração inteira

É um álbum difícil de ser rotulado, pois algumas faixas soam bem pop-rock, outras mais hard-rock e outras bastante glam, como Bon Jovi no início de carreira. O talento deste jovem grupo é tão grande, que antes mesmos do lançamento de "Say Yeah", já tinham bastantes fãs no Japão, tanto que abriram a turnê do Ten por lá.

A influência do Ten, por sinal, é forte no som da banda. O grupo busca influencia também em grupos como Bon Jovi e Fair Warning. Músicas como "Say Yeah" (um hard rock de alta qualidade), "Everyday" , "Sometimes" e "Busted" demonstram toda a energia do grupo. Assim como "The Kids Wanna Rock", que é rock n' roll a lá Beatles.

Mas as baladas são o ponto forte do cd. "Wide Open" é o primeiro single e sem dúvida a melhor canção deste trabalho. Sua letra é muito bonita e fala sobre amor, como a maioria das faixas. A pegada do batera Eric Derix também é destaque, ele é bastante preciso e correto, não tentando fazer muitas viradas nem colocar muita técnica nas faixas mais simples.

As outras baladas de destaques são "The End", a bela "Cecilia" e a triste "Nothing's Impossible Now", que tem o teclado como destaque, dando o clima triste da música.

Em suma: "Say Yeah" é um cd para quem gosta do bom hard rock. De negativo, só algumas faixas mais pop e a capa. De resto pode colocar pra tocar e dizer "yeah"!




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Aquila"


Jared Leto: a reação ao se ver no papel do CoringaJared Leto
A reação ao se ver no papel do Coringa

Guitar Hero: veja como o jogo desgraçou uma geração inteiraGuitar Hero
Veja como o jogo desgraçou uma geração inteira

Ultimate Classic Rock: os 100 maiores clássicos do rockUltimate Classic Rock
Os 100 maiores clássicos do rock

Pantera: o surreal e constrangedor funeral de Dimebag DarrellPantera
O surreal e constrangedor funeral de Dimebag Darrell

Poeira: Rockstars e as bandas que eles sonhavam fazer partePoeira
Rockstars e as bandas que eles sonhavam fazer parte

John Lennon: ele não foi um bom pai, diz filhoJohn Lennon
"ele não foi um bom pai", diz filho

Malmsteen: Slash, Vai, Satriani e Wylde falam do guitarristaMalmsteen
Slash, Vai, Satriani e Wylde falam do guitarrista


Sobre Anderson Guimarães de Carvalho

Fotógrafo do site, também finaliza o bacharelado e licenciatura em História na PUC-Rio. É uma figura conhecida na cena carioca, mais odiado do que amado. Gosta de incomodar, assim como também gosta de HammerFall, Rammstein, Ivory Tower, Accept, Soilwork,Scorpions e Grave Digger.

Mais matérias de Anderson Guimarães de Carvalho no Whiplash.Net.