Resenha - Amálgama - Amálgama

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por André Toral
Enviar Correções  

7


Natural de Brasília (DF), o Amálgama é uma banda formada por Marcus Vinicius (vocal/guitarra/violão), Michel Brasil (baixo), Nathan Brasil (guitarra), Tyago Manoel (teclados) e Rafael Dantas (bateria).

Tragédia e dor: O Blues, o Rock e o Diabo

Blender: as letras mais repulsivas do Heavy Metal

Contendo ótima produção, os temas tem conotação religiosa, sem serem enjoativos. Além disso, é possível encontrar vestígios de Legião Urbana e Ira!, mas com muito mais peso. É importante frisar que as letras são em português, o que seria um risco grande se o Amálgama tivesse mensagens fúteis. Como não tem...

Ao escutar "Cordeiros", percebemos um hard rock com violões mesclados às guitarras pesadas e refrão daqueles feitos para sair cantando por aí. "Cólera de Safira" é uma música mais ousada, ao ponto de estar entre o hard/heavy, com belos arranjos e melodia. "Quase Insano" se destaca pelo excelente trampo de bateria, além de "Amálgama", que soa como uma Legião Urbana um pouco mais pesada. Destaca-se, também, "Crucificação", que traz uma letra forte em um rock tradicional. Já "Chernobyl" é a mais pesada e longa, além de ter se mostrado um investimento musical bem direcionado, pois não é cansativa e tampouco voltada à progressividade. Diante disso, soma-se o fato de haver uma faixa ao vivo escondida no CD sem a identificação de qual música é, mas dá para perceber que o Amálgama possui bom desempenho nestas situações, visto que vocal e instrumental estão bem harmoniosos e seguros.

Se você se encaixa no perfil desta banda, não perca tempo. Vai valer a pena.

Para contactar a banda: [email protected]




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Tragédia e dor: O Blues, o Rock e o DiaboTragédia e dor
O Blues, o Rock e o Diabo

Blender: as letras mais repulsivas do Heavy MetalBlender
As letras mais repulsivas do Heavy Metal


Sobre André Toral

Formado em Administração de Empresas. Curte Hard clássico dos anos 70 e início dos 80; Heavy Metal é sua religião.

Mais matérias de André Toral no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin