Resenha - Prison Of Desire - After Forever

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Dizer que o After Forever apresenta grandes idéias inovadoras e originalidade acima de tudo, não seria muito condizente com o real. Porém, da mesma forma, seria irreal falar que esses holandeses se limitam a ser uma cópia de uma determinada banda e/ou não têm competência.

Slayer: Gary Holt é realmente um cara mal-agradecidoOzzy Osbourne: 25 coisas que você não sabe sobre ele

Ouvindo este debute da banda, que havia lançado dois demos em 1999, podemos lembrar facilmente de The Gathering, Nightwish e outros conjuntos que chamam bastante atenção por suas excelentes vocalistas. E realmente estes seriam os maiores pontos de referência para aqueles que ainda não escutaram "Prison Of Desire".

Da primeira à última faixa, a banda alterna passagens mais lentas com momentos de grande velocidade, vocais técnicos e calmos com vocais mais extremos, de death. Além de partes "orquestradas", com harmonias riquíssimas, criando climas/ambientes, que com certeza têm tudo para enlouquecer qualquer fã de doom metal.

O grande destaque são as melodias que saem dos vocais de Floor Jansen e são enriquecidas pelos excepcionais Hans Cassa, Caspar De Jonge, Yvonne Rooda, Melissa 't Hart e também pela sensacional participação da convidada especial, Sharon Den Adel (Within Temptation), na última música, "Beyond Me", onde faz um duo com Floor.

Não há como se distanciar das belíssimas letras, que abordam contextos bem interessantes e que atraem a atenção do ouvinte.

A produção é ótima e todos os elementos que "rodeiam" o CD levam um capricho impressionante. A capa, o encarte e todos os mínimos detalhes imagináveis são realmente maravilhosos.

O debute destes holandeses é essencial para quem curte doom metal, Nightwish, The 3rd And The Mortal e outras bandas nessa mesma linha. Você não vai ouvir nada de inovador ou muito criativo, mas, adquirindo este álbum, terá acesso a um trabalho de altíssima qualidade.

Site Oficial - http://www.afterforever.com

Material cedido por:
Hellion Records - http://www.hellionrecords.com
Tel: (11) 223-8855 / (11) 3361-6488
Fax: (11) 3361-6505
Email: hellion@uol.com.br




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "After Forever"


Nightwish: Floor e a dificuldade em lidar com lado suave da bandaNightwish
Floor e a dificuldade em lidar com lado suave da banda

Nightwish: Encontros com fãs são luxo, não obrigação, diz FloorNightwish
"Encontros com fãs são luxo, não obrigação", diz Floor

Metal sinfônico: os 10 melhores segundo o TeamRockMetal sinfônico
Os 10 melhores segundo o TeamRock


Slayer: Gary Holt é realmente um cara mal-agradecidoSlayer
Gary Holt é realmente um cara mal-agradecido

Ozzy Osbourne: 25 coisas que você não sabe sobre eleOzzy Osbourne
25 coisas que você não sabe sobre ele

Notas altas: as dez mais impressionantes do Heavy MetalNotas altas
As dez mais impressionantes do Heavy Metal

Rob Halford: Ninguém escolhe ser GayRob Halford
"Ninguém escolhe ser Gay"

Motorhead: a gafe nazista de Lemmy em NurembergMotorhead
A gafe nazista de Lemmy em Nuremberg

Guns N' Roses: o incidente de Sacramento em 1993Guns N' Roses
O incidente de Sacramento em 1993

Ozzy Osbourne: produtor confessa trambicagem na gravação de disco ao vivoOzzy Osbourne
Produtor confessa trambicagem na gravação de disco ao vivo


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336