Resenha - Hellracing - Rawmania

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Pedro Bomfim
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


A Suécia é bastante conhecida pela sua cena de death metal. Mas não é só disso e de ABBA que vive o país nórdico. O Rawmania é um bom exemplo.

Gosto duvidoso: As piores capas da história do Rock e Heavy MetalSlash: Comentários sobre Guns, pornstars e Michael Jackson

Fazendo um punk/hc melódico (e com influências do grande Motörhead) de ótima qualidade, eles se destacam pelas ótimas composições e performance. O timbre do vocalista Martin Gustafsson (que também toca guitarra) se encaixa perfeitamente no som da banda. O também guitarrista Andreas Alexandersson manda alguns solos bem cool em certas músicas, o que diferencia o Rawmania da maioria das bandas do estilo. A cozinha de Rikard Haggren (bateria) e Anders Jacobsson (baixo e vocais) não deixa o pique cair em nenhum momento.

O álbum começa muito bem com "Bore Yourself To Death", seguida de "I'm Back" e "Me, Myself and I" (essa um dos pontos altos do disco).
Aí vem "Choke", uma música bem agitada, que tem um espírito Motörhead, com refrão em coro bem legal, lembrando as grandes bandas de hc-melódico.

"Fuck The Commercial Radio" entra - um hino ao amor ao rock'n'roll - com um solo de guitarra bem legal. "Attitude" não deixa a peteca cair, cantada em dueto por Martin e Anders. "Shoot 'Em Down" tem um refrão muito bacana, típico daqueles que a galera gosta de cantar em uníssono ao vivo.

Temos ainda as boas mid-tempo "Believer" e "Love Song", as rápidas "Entertain Me" e "Some People Say" , "Silverspoon" (mais solinhos rock'n'roll) e fecha aos 33 minutos com "Boiled, Fried And Dead", outra com dueto de vocais e um dos destaques do álbum (o trabalho de vocais e backing da banda é super bem feito).

Esse Rawmania é o tipo de disco onde não dá para achar defeito, devido a qualidade do trabalho e a sinceridade da banda. O que nos resta é mostrar aos amigos como a banda é bacana e ver se os caras se tornam mais conhecidos na cena mundial.

Site Oficial: http://www.rawmania.com




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Raw Mania"


Gosto duvidoso: As piores capas da história do Rock e Heavy MetalGosto duvidoso
As piores capas da história do Rock e Heavy Metal

Slash: Comentários sobre Guns, pornstars e Michael JacksonSlash
Comentários sobre Guns, pornstars e Michael Jackson

Nightwish: Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãsNightwish
Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãs

WatchMojo: os 10 guitarristas mais subestimados de todos os temposWatchMojo
Os 10 guitarristas mais subestimados de todos os tempos

Slash: Sweet Child é a coisa mais gay que alguém poderia comporSlash
"Sweet Child" é a coisa mais gay que alguém poderia compor

Dave Grohl: culpa não é da pirataria, é da falta de talentoDave Grohl
Culpa não é da pirataria, é da falta de talento

System of a Down: os álbuns que marcaram a vida de Daron MalakianSystem of a Down
Os álbuns que marcaram a vida de Daron Malakian


Sobre Pedro Bomfim

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.