Deadliness: tiveram a sorte grande e souberam aproveitar

Resenha - Deadliness (Triumph Of Metal, Pouso Alegre, 10/11/2012)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Willba Dissidente
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

O segundo dia da sexta jornada do tradicinal festival mineiro Triumph Of Metal contava com nove bandas cast, incluindo os mainstream KRISIUM e VULCANO. O grupo de Itaúna, Minas Gerais, DEADLINESS, não obstante sua tragetória que remonta desde 1989, iria tocar no pior horário da noite, programando originalmente para ser o show de encerramento. Entretanto, um imprevisto fez com o DEADLINESS tocasse na hora do primeiro headliner. Sorte grande tirada e o DEADLINESS soube aproveitar estar no lugar certo na hora certa.

Metal Alemão: as 10 melhores bandas segundo o About.comDave Mustaine: "Kiko é o primeiro que me intimida desde Friedman"

Nesse ano eu fui o ceremonialista do evento e parte da minha função era apresentar todas as bandas que tocaram (só não o fiz com o KRISIUM). Após introduzir o DEADLINESS ao público, enfatizei que o baixista e o guitarrista são filhos do vocalista que eles têm a proposta "acabar com o marasamo na cena metal", acrescentando, "será que eles conseguem? Eu acho que sim". Quando me dirigia a saída lateral do palco, o vocalista, guitarrista e membro original Roberto Antunes, sorriu e me disse "vamos fazer uma abertura que eles não vão ficar parados".

Ele não estava brincando, pois eu ainda não tinha alcançado a área do público (de onde assisti os shows) e os primeiros acordes de "South Of Heaven" (SLAYER) começaram a ser ouvidos. Nesse momento, legiões de headbangers se amontoaram em frente ao palco e já começaram a agitar. Ainda que seja uma banda antiga e que desde 2000 grava constantemente, o DEADLINESS ainda é bem underground e relativamente desconhecido do grande público; por isso abrir o show com um cover de um dos grupos favoritos da moçada em Minas Gerais foi uma decisão super acertada. Pelo horário de headliner, a "casa estava cheia" e todos se interessaram pela "banda desconhecida" que estava detonando no palco.

A sequência do show se deu com "Inferno", música em português que estará no próximo disco da banda. Como ninguém conhecia essa canção, sua recepção foi mais fraca que anterior, porém a galera aprovou a novidade e muitos continuaram agitando.

Outra em inglês, "Hate" deu prosseguimento à apresentação, sempre com uma parcela fiel do público agitando com a banda. Aqui é importante fazer uma ressalva quanto ao som do DEADLINESS, que é um Heavy Metal com uma pegada Thrash, sendo que em vários momentos a sonoridade puxa mais para o estilo Bay Area, que consagrou MEGADETH, TESTAMENT, EXODUS e outros. As letras do grupo variam entre o português e o inlgês. A postura da banda é mais centrada no instrumental, com pouca movimentação de palco. Como Ícaro (baixo) e Igor (guitarra) não fazem background vocals, eles ficam nos seus respectivos lados do palco com roberto tocando e cantando no meio e Moisés acertando com força sua bateria.

Sem deixar o público esfriar, o DEADLINESS tocou "Sanguinários do Poder", de 2011, cujo vídeo oficial está no youtube e foi usado como divulgação na página oficial do festival, sendo bem recebida pelos headbangers. Sem pausa veio "Attila" do primeiro disco e "Terra dos Anjos Caídos", essa mais recente. Neste momento o show se dividia em um público fiel, que continuava agitando e a maior parte que assistia a apresentação parada. Nesse momento, o vocalista/guitarrista Roberto grita "Overdose" para introduzir a próxima canção e houve muitos que correram pensando que se tratava de um cover da seminal banda de Belo Horizonte e não outra composição cheia de pegada e energia do DEADLINESS.

Chegamos na reta final da apresentação. Antes de começar a tocar a faixa "Guerreiros do Metal", Roberto dedica essa música ao seu amigo e parceiro Rudy Souza, com quem ele criou o CALVARY DEATH no final dos anos 80. Rudy faleceu no começo de 2012 e seu último show foi na 5º Jornada do Triumph of Metal, realizada no final de 2011, no mesmo Clube de Campo Fernão Dias. Tal fato emocionou os presentes e os headbangers agitaram "com gosto" a música em homenagem a um dos melhores shows do "Triumph do ano passado". Com o público ganho, o DEADLINESS se despediu com "Seek & Destroy", cover do METALLICA, que foi mais bem recebido que o do SLAYER, levando a formação de rodas e invasão do público para os tradicionais stave divings.

O DEADLINESS se despediu do público com a certeza de ter realizado um excelente show, sabendo aproveitar a oportunidade que tiveram de tocar num horário melhor e demonstrando que estavam aptos a encerrar a sexta jornada do Triumph com chave de ouro. A banda, que se apresentou também no Roça In Roll de 2012, soube encaixar estratégicamente os covers, garantindo público agitando suas composições próprias ao longo de toda apresentação. Méritos para o DEADLINESS!

DEADLNESS:

Roberto Antunes - Vocal e guitarra
Ígor Antunes - guitarra
Ícaro Antunes - baixo
Moisés Corradi - bateria

Discografia:
Dark Warriors (2000)
Living in the War (2001)
No Future (2006)
O Mau em você (2011)

Set List:

01 . South of Heaven (cover do SLAYER)
02 . Inferno
03 . Hate
04 . Sanguinários do Poder
05 . Attila
06 . Terra dos Anjos Caídos
07 . Overdose
08 . Guerreiros do Metal
09 . Seek & Destroy (cover do METALLICA)

Confira nos vídeos abaixo gravações da apresentação do DEADLINESS

"South Of Heaven" + "Inferno"

"Atilla"

"Guerreiros do Metal"

"Seek and Destroy"

Bandas que se apresentaram no Triumph Of Metal:

09/11/12 - Overture - Sexta-Feira:

KING BIRD (SP) - Hard/Heavy
ATACKE NUCLEAR (MG) - Thrash/Crossover
EVIL EYES (SP) - Heavy Metal/Dio Tribute
PENUMBRA (MG) - Gothic Metal
REBORN (MG) - Heavy Metal

10/11/12 - Sábado:

KRISIUN (RS) - Death Metal
VULCANO (SP) - Thrash/Black Metal
CARRO BOMBA (SP) - Rock/Heavy/Thrash
CORPSE GRINDER (MG) - Death Metal
COMANDO NUCLEAR (SP) - Heavy Metal 80's
UGANGA (MG) - Thrash/Hardcore
TRAY OF GIFT (MG) - Folk Metal
DEADLINESS (MG) - Heavy Metal
SLIPPERY (SP) - Hard Rock 80's

Sites relacionados:




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Deadliness"Todas as matérias sobre "Calvary Death"


Metal Alemão: as 10 melhores bandas segundo o About.comMetal Alemão
As 10 melhores bandas segundo o About.com

Dave Mustaine: Kiko é o primeiro que me intimida desde FriedmanDave Mustaine
"Kiko é o primeiro que me intimida desde Friedman"

Separados no nascimento: Paul Stanley e Ioná MagalhãesSeparados no nascimento
Paul Stanley e Ioná Magalhães

Guns N' Roses: melhores músicas segundo a Ultimate Classic RockMike Mangini: um dos bateristas mais rápidos do mundo?Bruce Dickinson: participação de Mr.Bean em vídeo clipe em 1990Deep Purple: Ian Gillan só experimentou maconha aos 38 anos

Sobre Willba Dissidente

Willba Dissidente é fã das bandas de hard rock dos anos 70 e 80 e de metal oitentista dos mais variados países. Quem quiser saber mais deve acessar seu canal no youtube. Obrigado! Stay Hard (True As Steel)!

Mais matérias de Willba Dissidente no Whiplash.Net.