Linkin Park: Todas as fases da carreira no show em São Paulo

Resenha - Linkin Park (Anhembi, São Paulo, 07/10/2012)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Jorge A. Silva Junior
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.








O LINKIN PARK abriu sua turnê brasileira neste domingo (7) em São Paulo, na Arena Anhembi. Durante uma hora e meia, a banda californiana apresentou canções de seu novo álbum, 'Living Things', e hits que emplacaram nas rádios e na MTV no início do novo milênio.

Fotos: Rafael Koch Rossi/TF4 (divulgação)

Assim como aconteceu na primeira passagem do LINKIN PARK pela capital paulista, em 2004, a abertura ficou a cargo do CHARLIE BROWN JR, que atualmente conta com 80% de sua formação original - Chorão, Marcão, Thiago e Champignon. O grupo fundado em Santos no começo dos anos 90 tocou por uma hora e escolheu um repertório recheado de antigos sucessos, entre eles "Te Levar", "Zóio De Lula" e "Proibida Pra Mim". O público, grande parte dele formado por adolescentes, entrou no clima de festa e com muita histeria fez uma prévia do que viria a seguir.

Momentos antes da entrada do LINKIN PARK no palco, a Arena Anhembi estava cheia, mas não lotada. Nos dois setores de Pista (Premium e Comum), quase não havia aglomerações e os fãs circulavam sem qualquer problema. Mas quando "Tinfoil" serviu como entrada para Mike Shinoda, Chester Bennigton e companhia, gritos dos mais ensandecidos davam a impressão de muito mais gente no local.

Com o hit "Faint", do álbum 'Meteora' (2003), a banda deu início ao show que passaria por todas as fases de sua carreira: do debut 'Hybrid Theory' (2000) até 'Living Things', lançado em junho deste ano e que chegou ao topo da Billboard.

Nas poucas vezes que falou com o público, Chester se limitou a agradecer pela oportunidade de tocar novamente no Brasil - a última vez havia sido em 2010, no festival SWU.

Do recente trabalho estiveram presentes "In My Remains", "Vicmitized", "Lies Greed Misery", "Lost The Echo" e "Burn It Down", todas com suas doses características de rock, hip-hop, pop e eletrônico. Também marcaram presença as famosas "Somewhere I Belong", "Numb" e "One Step Closer", que fechou a primeira parte da apresentação ovacionada pelos fãs.

No retorno da banda ao palco, o destaque ficou por conta de "In The End", responsável por colocar o LINKIN PARK no mainstream. "Bleed It Out", do álbum "Minutes To Midnight" (2007), finalizou a apresentação que, mesmo com sua pitada de energia mecânica, agradou um público pouco exigente.

A banda ainda passa pelo Rio de Janeiro (8/10 e 10/10, Citibank Hall) e por Porto Alegre (12/10, Gigantinho)

Set List CHARLIE BROWN JR
Duração: 1h

Chorão - vocal
Marcão - guitarra
Thiago - guitarra
Champignon - baixo
Bruno Graveto - bateria

1. Rubão
2. Só Por Uma Noite
3. Tudo O Que Ela Gosta De Escutar
4. Te Levar
5. Zóio De Lula
6. Descubra O Que Há De Errado Com Você
7. Pontes Indestrutíveis
8. Ela Vai Voltar
9. Hoje Eu Acordei Feliz
10. Proibida Pra Mim
11. Só Os Loucos Sabem
12. Dias De Luta, Dias De Glória
13. Céu Azul
14. Chegou Quem Faltava
15. Papo Reto

Set List LINKIN PARK
Duração: 1h30

Chester Bennigton - vocal
Mike Shinoda - vocal, guitarra e teclado
Brad Delson - guitarra
Dave Farrel - baixo
Rob Bourdon - bateria
Joe Hahn - DJ

1. Intro/Tinfoil
2. Faint
3. Papercut
4. Given Up
5. With You
6. Somewhere I Belong
7. In My Remains
8. New Divide
9. Victimized
10. Points Of Authority
11. Lies Greed Misery
12. Waiting For The End
13. Breaking The Habit
14. Medley: Leave Out All The Rest/Shadow Of The Day/Iridescent
15. The Catalyst
16. Lost The Echo
17. Numb
18. What I've Done
19. One Step Closer

Bis

20. Burn It Down
21. In The End
22. Bleed It Out



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Linkin Park"


Linkin Park: viúva de Chester Bennington, Talinda anuncia que está noiva

Linkin Park: a fortuna que vale o direito musical de Chester BenningtonLinkin Park
A fortuna que vale o direito musical de Chester Bennington

Linkin Park: mulher recita letra da banda para salvar homem de suicídioLinkin Park
Mulher recita letra da banda para salvar homem de suicídio

Chester Bennington: mãe, viúva e banda o relembram dois anos após morteChester Bennington
Mãe, viúva e banda o relembram dois anos após morte

Spotify: as bandas de hard rock e metal mais ouvidas no último mêsSpotify
As bandas de hard rock e metal mais ouvidas no último mês

Linkin Park: Chester Bennington puto da vidaLinkin Park
Chester Bennington puto da vida

Corey Taylor: pelo menos eles têm coragem, diz sobre Linkin ParkCorey Taylor
"pelo menos eles têm coragem", diz sobre Linkin Park

Corey Taylor: Chester Bennington e Chris Cornell não eram covardes!Corey Taylor
Chester Bennington e Chris Cornell não eram covardes!

A7X, Metallica, Dragonforce: e se eles tocassem fora do tempo?A7X, Metallica, Dragonforce
E se eles tocassem fora do tempo?


Rock Progressivo: as 25 melhores músicas de todos os temposRock Progressivo
As 25 melhores músicas de todos os tempos

Separados no nascimento: Ozzy Osbourne e Jim CarreySeparados no nascimento
Ozzy Osbourne e Jim Carrey

Em vídeo: A diferença entre ser músico e ser rockstarEm vídeo
A diferença entre ser músico e ser rockstar

Oito razões pra dormir com um bateristaPunk: 10 músicos que são mais ricos do que você pensaMyles Kennedy: de início, ele se negou a cantar com o Guns no Rock HallSkank: muitos que vestem camiseta preta e se tatuam têm pouco de rock

Sobre Jorge A. Silva Junior

Jorge Junior é paulistano, jornalista diplomado e colaborador do Whiplash.Net desde 2009. Tem mais de 400 matérias e notas publicadas, que somam aproximadamente um milhão e meio de acessos. Também realizou a cobertura de shows de grande porte, entre eles Ringo Starr, Eric Clapton, Deep Purple, System Of A Down, Red Hot Chili Peppers e Ozzy Osbourne. O autor pode ser seguido no Twitter: @jorgejunior85.

Mais matérias de Jorge A. Silva Junior no Whiplash.Net.