RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemFatboy Slim confessa ter se arrependido de conhecer David Bowie pessoalmente

imagemA influente banda que acabou causando a "separação" do Guns N' Roses

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemO megahit dos Beatles inspirado em desenho de amiguinha do filho de John Lennon

imagemOzzy Osbourne é contemplado com dois Grammy na edição de 2023 do evento

imagemO grande amor de Renato Russo que durou pouco mas marcou sua vida para sempre

imagemAs polêmicas escolhas do Nirvana para o "MTV Unplugged in New York"

imagemAs 5 bandas confirmadas no Summer Breeze Brasil que não tocarão em outras cidades

imagemO hit da Legião Urbana que Renato Russo considerava "pretensioso e babaca"

imagemA única música tocada no Festival de Woodstock que atingiu o primeiro lugar nas paradas

imagemQuando o Lynyrd Skynyrd irritou Mick Jagger ao abrir o show dos Rolling Stones

imagemNovo álbum do Angra será o melhor da era Fabio Lione, segundo Felipe Andreoli

imagemLendário empresário do Kiss se manifesta sobre acusações de playback de Paul Stanley

imagemKiss: Segundo Gene Simmons, Ace Frehley votou pela demissão de Peter Criss, em 1980

imagemMax Cavalera escolhe seus álbuns "não metal" preferidos


Stamp

3 Doors Down: show bastante empolgado em São Paulo

Resenha - 3 Doors Down (Credicard Hall, São Paulo, 12/04/2012)

Por Eduardo Contro
Postado em 13 de abril de 2012

O Credicard Hall não estava cheio para receber o grupo norte-americano do Mississipi, 3 Doors Down. Talvez pelo Lollapalooza, que atraiu boa parte dos rockeiros da cidade poucos dias antes, ou ainda pela banda já não estar mais no auge.

Formado inicialmente por três amigos que cresceram juntos em Escatawp (o baterista Brad Arnold, o guitarrista Matt Roberts e o baixista Todd Harrell) e que tinham interesses musicais em comum, obviamente, a banda iniciou sua carreira com shows pela cidade, tocando mix de músicas covers e sons que foram eventualmente gravadas para o primeiro álbum "3 Doors Down", de 1997.

Mas foi no ano 2000 que a banda chegaria ao estrelato, com o lançamento do disco "The Better Life". O CD projetou a carreira do grupo mundialmente ao vender 11 milhões de cópias e ser considerado um dos principais discos daquele ano pelas revistas especializadas.

O grupo continua com praticamente a mesma formação desde sua concepção, o que mudou para a turnê brasileira foi apenas a entrada de Greg Upchurch na banda para assumir as baquetas.

Famosos por seus hits de novela que fizeram sucesso nos anos 2000, como "Here Without You" e "When I’m Gone", o 3DD fez uma apresentação bem empolgante e pesada, o que surpreendeu o público, que esperava uma noite tranquila e em clima ameno.

Brad, aliás, continua mandado muito bem. Além de ter ótima presença de palco, o vocalista foi bastante simpático com o público brasileiro e mostrou talento ao cantar músicas a capella. Destaque para "Let Me Go" que foi cantada na íntegra dessa forma e que promoveu uma verdadeira ovação pelo público.

Em sua primeira passagem por aqui, o 3DD mesclou alguns de seus principais hits com as músicas do seu último trabalho, "Time of My Life". A música que dá nome ao disco foi a que abriu a chuvosa noite paulista de quinta no Credicard Hall, seguida por "Duck and Run" e "Better Life".

A produção do show foi bastante simples, sequer uma bandeira da banda de fundo foi usada pelo grupo, porém a qualidade do som compensou. E fica aqui o registro de um dos primeiros elogios que faço ao sistema de som da casa, que realmente estava excelente.

As músicas que mais agitaram foram "Changes", em que o vocalista sentou próximo ao público e cantou junto com a galera, "Loser" e "Believer". Esta última muito interessante por ser fechada com uma versão de Breaking the Law, do Judas Priest.

O grupo parecia bastante empolgado em tocar por aqui, mesmo sem a grande adesão dos fãs. O baixista agitava bastante e tentava puxar a galera durante praticamente toda a apresentação. O baterista da banda foi uma excelente contratação e mandou demais, Greg Upchurch é um fera, destruiu nas baquetas e colocou muito peso às canções do 3 Doors Down ao vivo, algo que fazia muita falta para a banda em suas formações antigas.

O guitarrista Chris Henderson, apesar de ser bem mais recluso do que os demais músicos, fez a festa de muita gente ao jogar palhetas para a galera. Foram dezenas arremessadas para a plateia levar de suvenir para casa durante toda a noite.

Consistente, a apresentação da banda teve 1h30, terminando às 23h20. O 3 Doors Down fechou a noite com "When I’m Gone", música escolhida a dedo, já que a frase que conclui a música é "miss me when i’m gone", em tradução livre (sinta minha falta quando eu não estiver mais por perto), o que realmente reproduz com fidelidade a sensação do público que viu seus ídolos deixarem o palco para, quem sabe, nunca mais voltarem.

Set List
Time of my life
Duck and run
Better life
Away from the sun
It's not me
What's left
Citzen-Soldier
Changes
When you’re young
Loser
Round
Heaven
Behind These
Here without you
I'ts not my life

BIS
Let me go (a capella)
Kryptonite
Believer (final de Breaking the Law do Judas Priest)
When I'm Gone

[an error occurred while processing this directive]

Mais fotos no Flickr da T4F:
http://www.flickr.com/photos/t4fbr/7072619015/in/set-72157629804615555/

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Def Leppard Motley Crue 2


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal