Resenha - Bruce Kulick (Woodstock Bar, São Paulo, 02/11/2011)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Jorge A. Silva Junior
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Um evento feito de fã para fã. Esta é a melhor definição para a 2ª edição do KISS Fest, realizado nesta quarta-feira (2), no Woodstock Bar, em São Paulo. O exército formado por amantes de KISS foi presenteado com o show do guitarrista Bruce Kulick - tocou na banda entre 1984 e 1996 - ao lado do vocalista argentino Sebastian Gava, que teve a tarefa de encarnar Paul Stanley. A maratona de tributos, que durou quase sete horas, ainda contou com as bandas Unholy Virgins, Rock Soldiers e Killers. Também marcou presença na festa Lydia Criss, ex-esposa do baterista Peter Criss, que veio ao país para divulgar o livro "Sealed with a KISS" e contar histórias curiosas dos bastidores da banda mais quente do mundo.

Hair metal: os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling StoneSeparados no nascimento: Dave Mustaine e Mika Hakkinen


Fotos: Filipe Rocha

Com capacidade para 700 pessoas, o Woodstock Bar foi o local ideal para receber o evento idealizado pelo KISS Army Brasil. Muitos pais com filhos pequenos tornaram o ambiente o mais agradável possível. Neste clima intimista, os fiéis da banda puderam ver de perto o talentoso guitarrista Bruce Kulick, que gravou importantes álbuns - entre eles 'Asylum', 'Revenge' e 'Alive III' - durante seus 12 anos no KISS. Ao lado dele esteve o argentino Sebastian Gava, conhecido por sua semelhança física e vocal com Paul Stanley. Durante as apresentações de abertura, ambos estiveram no mezanino do bar para tirar fotos e dar autógrafos aos fãs.


UNHOLY VIRGINS

A atração escolhida para abrir o KISS Fest foi a banda UNHOLY VIRGINS. As meninas devidamente caracterizadas como os integrantes do KISS fizeram uma apresentação recheada de clássicos, como "Strutter", que abriu o set, "Shout It Out Loud" e "I Was Made For Lovin' You". O destaque do show, que durou 40 minutos, foi a versão feminina do baterista Peter Criss, que deixou muitos marmanjos boqueabertos com a força de suas baquetas.


ROCK SOLDIERS

Tributos ao KISS são fáceis de encontrar. Afinal, a banda é uma das maiores referências do Rock And Roll em todos os tempos. Agora, representar exclusivamente a carreira solo de Ace Frehley, membro da formação original da banda, não é muito comum. Por este motivo, a apresentação da ROCK SOLDIERS foi tão interessante. O quarteto tocou na íntegra o álbum 'Ace Frehley', de 1978, além de finalizar a apresentação em grande estilo, com "Shock Me" e direito a guitarra com fumaça e muita pirotecnia.


LYDIA CRISS

Acompanhada de uma tradutora e de seu recém lançado livro "Sealed with a KISS" (esgotado nos Estados Unidos), Lydia Criss, casada com o baterista Peter Criss entre 1970 e 1978, contou histórias sobre a fase em que esteve próxima a banda e respondeu perguntas do público. O bate papo durou pouco mais de meia hora e foi proveitoso para os fãs mais assíduos de KISS, inclusive para saberem que ela ajudou o ex-marido a desenhar as primeiras fantasias de "Homem Gato".

KILLERS

Famosa no estado de São Paulo por ser um dos principais tributos ao KISS, a KILLERS inovou ao fazer um show completamente acústico, baseado no álbum 'Unplugged MTV' (1996). A banda contagiou o público, principalmente na versão de "I Still Love You", destacada pelo vocal de Simon Lira (Paul Stanley). Como não poderia ser diferente, "Rock And Roll All Nite" encerrou a apresentação de forma impecável.

ERIC CARR

O baterista, que tocou no KISS entre 1980 e 1991, também foi homenageado durante a festa. Um vídeo com fotos e frases dedicadas à "Raposa", falecido há 20 anos vítima de câncer, foi bastante aplaudido pelos fãs.

BRUCE KULICK & SEBASTIAN GAVA


Os dois são velhos amigos. Bruce Kulick, inclusive, participou do álbum solo de Sebastian Gava e esteve em turnê com o argentino no início deste ano. Mais uma vez juntos, a dupla fez a alegria dos fãs ao apresentarem clássicos e lados B do KISS. Logo de cara, durante "Detroit Rock City", os presentes puderam sentir o espírito que toma conta de qualquer show do KISS.

Gava tem um vocal tão agudo quanto o de Paul Stanley, e sua semelhança física ajuda bastante na hora de prestar um tributo fiel, fato comprovado durante a balada "Forever". Já o guitarrista continua técnico e carismático como nos tempos em que trabalhou com Gene Simmons e Cia. Interagindo bastante com o público, Kulick tocou com a mesma seriedade que teria numa arena para milhares de espectadores.

O repertório foi composto basicamente pela fase 1984-1992, que incluiu "Heaven' On Fire", "Crazy Crazy Nights" e "Heart Of Chrome". Da carreira solo de Bruce Kulick, deu as caras "And I Know", do álbum 'BK3', lançado no ano passado.


Após uma falsa saída do palco, os músicos retornaram acompanhados das duas surpresas da noite: o guitarrista Andreas Kisser (SEPULTURA) e o baterista Aquiles Priester (ex-ANGRA/HANGAR). A canção escolhida para esta reunião foi o petardo "Love Gun". Depois do digno tributo com músicos de alto nível, Bruce Kulick, Sebastian Gava e banda finalizaram o show com "Lick It Up", o primeiro sucesso do KISS na fase "cara limpa", seguida por "God Gave Rock N' Roll To You II".


O exército que compareceu ao KISS Fest 2 com certeza saiu do local torcendo para que a próxima edição do evento aconteça o quanto antes. "You wanted the best and you got the the best. The hottest band in the world... KISS!"

Bruce Kulick & Sebastian Gava (KISS Fest 2)
Woodstock Bar - 2 de novembro de 2011
Duração: 1h15

Set List

1. Detroit Rock City
2. Hide Your Heart
3. Tears Are Falling
4. (You Make Me) Rock Hard
5. I Love It Loud
6. Who Wants To Be Lonely
7. And I Know
8. Heart Of Chrome
9. Forever
10. Heaven's On Fire
11. Crazy Crazy Nights
12. Turn On The Night

Bis

13. Love Gun
14. Lick It Up
15. God Gave Rock N' Roll To You II




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Kiss"Todas as matérias sobre "Bruce Kulick"


Hair metal: os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling StoneHair metal
Os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling Stone

Kiss: as camisetas feitas a mão pelo jovem Gene SimmonsKiss
As camisetas feitas a mão pelo jovem Gene Simmons

Resenha - Alive II - Kiss

Kiss: Orações e empatia não são suficientes, diz Paul Stanley sobre tiroteiosKiss
"Orações e empatia não são suficientes", diz Paul Stanley sobre tiroteios

Kiss: camisetas vendidas em show estavam com o nome da cidade escrito erradoKiss
Camisetas vendidas em show estavam com o nome da cidade escrito errado

Rodz Online: 25 Anos de Philips Monsters of Rock 1994 (vídeo)

Kiss: Paul Stanley diz que Gene Simmons é seu irmão para sempreKiss
Paul Stanley diz que Gene Simmons é seu irmão para sempre

Kiss: esposa de Gene Simmons faz imitação hilária do músico em seu dia a diaKiss
Esposa de Gene Simmons faz imitação hilária do músico em seu dia a dia

Kiss: Gene Simmons é parabenizado no palco pelos seus 70 anos; veja vídeoKiss
Gene Simmons é parabenizado no palco pelos seus 70 anos; veja vídeo

Kiss: confira a capa do tributo brasileiro Brazil Rock CityKiss: assista show da banda realizado em Charlotte, nos EUAPokémon: novos personagens devem ter sido inspirados pelo Kiss

Kiss: Gene Simmons inspirou novo Pókemon?Kiss
Gene Simmons inspirou novo Pókemon?

Bruce Kulick: o guitar hero do Kiss fala sobre sua trajetóriaOs anos do Heavy Metal: A decadência e a renovação do estilo

Chris Impellitteri: mensagem desaforada para o KissChris Impellitteri
Mensagem desaforada para o Kiss

Gene Simmons: Defendendo direito a comentários racistas privadosGene Simmons
Defendendo direito a comentários racistas privados

Esquire: os setenta e cinco discos que todo homem deve terEsquire
Os setenta e cinco discos que todo homem deve ter


Separados no nascimento: Dave Mustaine e Mika HakkinenSeparados no nascimento
Dave Mustaine e Mika Hakkinen

Roadrunner: os dez melhores vídeo-clipes da gravadoraRoadrunner
Os dez melhores vídeo-clipes da gravadora

Dane-se Bruce Dickinson: Simone Simons no metrô é muito melhorDane-se Bruce Dickinson
Simone Simons no metrô é muito melhor

Slash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelidoHelter Skelter: a música que Charles Manson "roubou" dos BeatlesMetallica: banda faz batucada durante show - veja vídeoDream Theater: "Foi embora de vez, para sempre", diz Mangini sobre Portnoy

Sobre Jorge A. Silva Junior

Jorge Junior é paulistano, jornalista diplomado e colaborador do Whiplash.Net desde 2009. Tem mais de 400 matérias e notas publicadas, que somam aproximadamente um milhão e meio de acessos. Também realizou a cobertura de shows de grande porte, entre eles Ringo Starr, Eric Clapton, Deep Purple, System Of A Down, Red Hot Chili Peppers e Ozzy Osbourne. O autor pode ser seguido no Twitter: @jorgejunior85.

Mais matérias de Jorge A. Silva Junior no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336