Resenha - Kiko Loureiro (Workshop, Cine Teatro, Contagem, 08/11/2005)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Julio Di Buccio
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.








Na terça-feira, dia 8 de Novembro, foi realizado no antigo prédio do Cine Teatro de Contagem (MG) um workshop com a participação do guitarrista de maior renome atualmente no país, Kiko Loureiro. Teve também a participação especial de Wanderson Rodrigues, guitarrista e produtor do evento. Como já era de se esperar, o público foi composto majoritariamente de adolescentes, e, em sua maioria, fãs da banda de heavy metal Angra.

Fotos: Suelen Pessoa

As apresentações foram iniciadas pelo guitarrista Wanderson Rodrigues, que é um nome de destaque na cena da cidade e que anteriormente se apresentou também com outro renomado guitarrista, Eduardo Ardanuy. Executando alguns covers de artistas já consagrados, mostrou muita técnica e habilidade na execução de músicas como “Technical Difficulties”, de Paul Gilbert, que, talvez por ironia do título, teve que ser interrompida e re-executada por falha no equipamento. Após, tocou “Erotomania” do Dream Theater e, em seguida “Searching for Ligth” de Edu Ardanuy. Wanderson mostrou-se bastante seguro e desenvolto em sua performance, que ia desde simples bases até solos virtuosos.

O workshop foi seguido pelo guitarrista que, segundo as maiores revistas do ramo, é um dos maiores/melhores do país, e dispensa maiores apresentações. Kiko Loureiro sobe ao palco empunhando a guitarra e vai ao microfone para conversar com a platéia. Após algumas palavras diz: “Posso tocar um pouquinho?” e a platéia cai aos seus pés. Começou executando as músicas “Escaping” e “Pau-de-Arara”, de seu CD solo intitulado “No Gravity”. Na seqüência, abriu-se a primeira sessão de perguntas do público. Respondeu muito polidamente desde as clássicas perguntas de fãs, como “Por que o Angra se separou?”, “Quantas horas por dia você treina?”, até as curiosas como “Quanto custa uma Tagima K1?”, “Por que largou a faculdade de Biologia pra tocar numa banda?”, passando pelas polêmicas “É verdade que você e André Matos brigaram?” e “Por que o DVD do Angra não será gravado em BH se ganhamos a enquete do site?”.

O workshop seguiu com mais músicas do álbum solo executadas pelo guitarrista, entre elas “Enfermo” e ”Endangered Especies”, sempre com espaços para perguntas do público. Ensinou superficialmente como faz sua técnica de two-hands com os quatro dedos das duas mãos e seguiu exemplificando outras técnicas que utiliza em suas composições. Deu ainda toques de como funciona a indústria fonográfica brasileira e mundial, e mostrou mais uma vez que seu forte é o virtuosismo mesclado com o suingue da música brasileira e muito feeling.

Após mais essa pausa interativa com os fãs, tocou a faixa quatro de seu CD solo, a homônima “No Gravity” e convidou Wanderson Rodrigues para subir ao palco e participar com ele em uma Jam Session. Os dois tocaram um bom e velho blues, com muitas improvisações das duas partes, mostrando muito pique nas frases rápidas.

O Gran Finale foi Kiko Loureiro fazendo um grande medley de várias músicas consagradas da carreira do Angra. Atendendo aos pedidos dos fãs, tocou trechos de “Nova Era”, “Speed”, “Angels and Deamons”, “Acid Rain”, “Temple of Hate” e “Spread Your Fire”.

A noite terminou com Kiko Loureiro atendendo os fãs numa sessão de autógrafos e fotos, na qual se mostrou bastante atencioso com os mesmos.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

AngraAngra
Banda reage à tragédia com Adrenaline Mob

1719 acessosAngra: Os primórdios de Angel's Cry antes da Demo Reaching Horizons896 acessosAngra: mais um vídeo das gravações do novo álbum1864 acessosBlind Guardian e Rhapsody: Como seria Hansi e Lione cantando juntos?2603 acessosAngra: Uma rara versão acústica de "Carry On" com Andre Matos0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

Felipe AndreoliFelipe Andreoli
Louvado por homônimo do CQC no programa do Huck

Nicko McBrainNicko McBrain
Pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester

AngraAngra
Aquiles ou Confessori? Em vídeo, Bruno Valverde responde

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Shows0 acessosTodas as matérias sobre "Kiko Loureiro"0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"

Raul SeixasRaul Seixas
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Axl RoseAxl Rose
Sugerindo prática oral sexual a Paul Stanley

Aleister CrowleyAleister Crowley
Um dos pensadores que inspiraram o Heavy Metal

5000 acessosLed Zeppelin: Perguntas e Respostas sobre a banda5000 acessosEdu Falaschi: os dez vocalistas brasileiros preferidos dele5000 acessosO verdadeiro motivo para a saída de Rodolfo dos Raimundos2736 acessosBeatles: Capivaras catarinenses recriam foto histórica de Abbey Road5000 acessosEm 28/12/2009: Morre Jimmy "The Rev" Sullivan, do Avenged Sevenfold5000 acessosTrouble: cena americana, religião, e Candlemass

Sobre Julio Di Buccio

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online