Rock em Análise: o costume de comprar discos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fábio Cavalcanti, Fonte: Rock em Análise
Enviar correções  |  Ver Acessos

A recente polêmica em torno do Megaupload, SOPA e PIPA continua bombando em diversos meios, embora sempre traga os mesmos discursos, de ambos os lados. Afinal, estamos no meio de uma guerra iniciada há mais de 10 anos, e sem previsão quanto ao seu fim. No meio disso tudo, um mercado bem interessante está morrendo aos poucos...

Tico Santa Cruz: um comovente texto sobre suicídio de ChampignonDeath On Two Legs: a declaração de ódio de Freddie Mercury

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Falo aqui do quase extinto costume de comprar discos, uma atividade que fazia parte da vida de qualquer apreciador "veterano" de música, há muito tempo atrás. Pra piorar, as novas gerações já "nasceram" em um mundo no qual "não precisam" gastar um centavo sequer com a música. Isso pode não estar "matando a música", como as gravadoras gostam de alardear, mas com certeza não contribui com a melhoria da situação instável na qual a maioria dos artistas se encontra hoje.

É verdade que o artista realmente não ganha quase nada com a venda de cds, e que o preço do "disquinho" poderia ser bem mais baixo (por diversos motivos), mas tal pensamento nos desvia também de excelentes promoções de bons discos - algumas delas alternando entre 10 e 15 reais, por exemplo -, e elimina nosso velho hábito de consumir de verdade a música que merece ser devidamente adquirida.

E já que estamos falando de qualidade musical, devo dizer que aquele papo de "hoje não se faz boa música como antigamente" não cola, pois diversos artistas - novos e veteranos - conseguem mostrar todo o seu talento através de lançamentos que realmente merecem ser comprados.

Aproveito para indicar alguns destes bons álbuns, disponíveis em catálogo nacional:

Wasting Light (Foo Fighters)
Noel Gallagher's High Flying Birds (Noel Gallagher)
2 (Black Country Communion)
All You Need Is Now (Duran Duran)
Suck It and See (Arctic Monkeys)
Forevermore (Whitesnake)
Mylo Xyloto (Coldplay)
The King Is Dead (The Decemberists)
Thirteen (Megadeth)
The Hunter (Mastodon)

Destaco ainda alguns ótimos lançamentos nacionais:

Kairos (Sepultura)
Música Crocante (Autoramas)
Animal (Dr. Sin)
Carcaça (Carro Bomba)
Odiosa Natureza Humana (Matanza)

Por fim, alguns clássicos - ou "quase clássicos" - do rock, que podem ser encontrados por preços bem modestos em qualquer loja (ainda existente) da esquina:

Elvis Presley (Elvis Presley)
Pearl (Janis Joplin)
Toys in the Attic (Aerosmith)
Blow by Blow (Jeff Beck)
Coleção do AC/DC em Digipack
Reign in Blood (Slayer)
Trash (Alice Cooper)
Badmotorfinger (Soundgarden)
Blood Sugar Sex Magic (Red Hot Chili Peppers)
Definitely Maybe (Oasis)

Se você deseja fazer o melhor pela música, em primeiro lugar, continue baixando arquivos em mp3 à vontade, pois a música digital continua sendo uma ótima forma de conhecer artistas, ou de armazenar material que não é lançado a preços acessíveis por aqui. Apenas faça um favor aos artistas e aos seus próprios ouvidos: compre um "cdzinho" de vez em quando. Não é necessário se render ao preço abusivo de alguns discos, basta não ignorar completamente esse agradável mercado. Pense nisso.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Opiniões

Tico Santa Cruz: um comovente texto sobre suicídio de ChampignonTico Santa Cruz
Um comovente texto sobre suicídio de Champignon

Death On Two Legs: a declaração de ódio de Freddie MercuryDeath On Two Legs
A declaração de ódio de Freddie Mercury


Sobre Fábio Cavalcanti

Baiano, sempre morou em Salvador. Trabalha na área de Informática e ¨brinca¨ na bateria em momentos vagos, sem maiores pretensões. Além disso, procura conhecer novas - e antigas - bandas dos mais variados subgêneros do rock. Por fim, luta para divulgar, sempre que possível, o pouco conhecido cenário rocker da tão sofrida ¨Terra do Axé¨.

Mais matérias de Fábio Cavalcanti no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL