Raimundos: Roda Viva ou Roda da Fortuna?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Lincoln Gonçalves
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

RAIMUNDOS foi sem dúvida uma das maiores bandas que o Rock n’ Roll Brasileiro já produziu. Dominaram os anos 90 com seu “forró-core” cheio de sacanagem, lançaram ótimos álbuns, fizeram shows grandiosos e conquistaram underground e mainstream sem perder a identidade. Em 1999 lançaram “Só no Forévis” (seu álbum mais popular) e se tornaram gigantes da música nacional. Após uma longa turnê de shows lotados e um disco ao vivo, sofreram uma perda irreparável com a saída do vocalista Rodolfo Abrantes. E embora a banda nunca tenha pendurado as chuteiras, durante a última década pouco se ouviu falar dela.

699 acessosRock Comédia: em vídeo, as dez melhores bandas brasileiras5000 acessosCristina Scabbia: "Símbolo sexual? Fico surpresa com isto!"

Com a queda da popularidade do RAIMUNDOS o Rock Nacional também definhou. CHARLIE BROWN JR lançou um hit ou outro ao longo dos anos. CPM 22 e PITTY apareceram junto a Emos e Indies. E uma febre de música bunda-mole cheia de Rock Stars fofinhos, acabou predominando. Seria justo então que o RAIMUNDOS retomasse seu lugar na cena, pois mesmo que existam boas bandas tocando som pesado em português, infelizmente nenhuma delas consegue competir no cenário pop como o RAIMUNDOS fez no passado. E se isso importa? Bom, a história mostra que sempre foi preciso algo bom se destacar pra que o lixo fosse varrido pra fora, uma cena mais legal se fortalecesse e novas gerações se inspirassem a fazer boa música. E como ninguém novo aparece, às vezes colocamos nossas esperanças em velhos dinossauros.

O problema é que o RAIMUNDOS, como toda banda desse porte, teima em ser cover de si mesma. Cismam em fazer tudo grandioso. E dar espetáculo, muitas vezes parece mais importante do que fazer boa música - o que mais explica a intervenção de TICO SANTA CRUZ em tempos recentes, aparições no BIG BROTHER BRASIL e um DVD de antigos hits (com raríssimas novidades que pouco acrescenta) lançado em parceria com um canal vinculado a Rede Globo?

A questão é que o revival é sempre lucrativo e os egos muito grandes. Essa suposta “volta dos que não foram” (com o lançamento de “Roda Viva”) desrespeita o legado de uma banda que tinha tudo pra se tornar imortal. Pois por mais que os shows sejam legais, a arte é posta de lado pelo entretenimento sem sentido. E mesmo que uma banda da qualidade do RAIMUNDOS faça falta, o tempo deles já passou. É preciso dar seqüência ao Rock n’ Roll e não se prender a nostalgia, nem se preocupar só com fama e dinheiro. Eles deveriam saber à hora certa de parar ou ter dignidade pra começar algo novo. Imagine se Johnny Ramone em vida refizesse os RAMONES sem Joey. Ou se o NIRVANA renascesse sem Kurt Cobain. É como fizeram THE DOORS e QUEEN em um passado recente. E algo parecido com a atual situação do GUNS N’ ROSES. Acho que os fãs de RAIMUNDOS nunca precisaram disso, mas a banda parece ter contas a pagar...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

RaimundosRaimundos
Ficou aquele gostinho de que podia ser melhor

699 acessosRock Comédia: em vídeo, as dez melhores bandas brasileiras1788 acessosThe Noite: Semana de muito rock no programa de Danilo Gentili775 acessosRaimundos: nova visita à carreira, dessa vez em formato acústico.2833 acessosRaimundos Acústico: Identidade renovada0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Raimundos"

RaimundosRaimundos
O verdadeiro motivo para a saída de Rodolfo

RaimundosRaimundos
Ficou aquele gostinho de que podia ser melhor

Rock NacionalRock Nacional
Os 15 melhores riffs de guitarra

0 acessosTodas as matérias da seção Opiniões0 acessosTodas as matérias sobre "Raimundos"

Cristina ScabbiaCristina Scabbia
"Símbolo sexual? fico surpresa com isto!"

Iron MaidenIron Maiden
Rachel Sheherazade é uma grande fã da banda

Reb BeachReb Beach
"Não me importo de dizer, Kirk Hammet é um bosta!"

5000 acessosPower Metal: os dez álbuns essenciais do gênero5000 acessosDead Fish: A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo Facebook5000 acessosMegadeth: a canção que Dave Mustaine menos gosta2408 acessosBill Ward: "Os fanáticos por Jesus Cristo me incomodavam"5000 acessosIron Maiden: Bruce comete gafe ao esquecer microfone no Japão2243 acessosUltimate Classic Rock: os 40 maiores discos dos anos setenta

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Lincoln Gonçalves

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online