Yoko Ono escreve mensagem para Lennon em muro de Praga

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Fonte: UOL Música
Enviar Correções  

PRAGA, 11 dez (AFP) - Yoko Ono, a viúva de John Lennon, deixou nesta quinta-feira em Praga uma mensagem para seu marido num grande muro consagrado ao ex-Beatle, que durante muito tempo representou para o país uma pequena ilha de liberdade artística, na época comunista.

Cinema: o melhor e o pior dos rockstars em filmes

Classic Rock: os 50 maiores álbuns de rock progressivo

Com uma caneta-tinteiro preta, a artista escreveu "Our hearts are one" e "John, I love you too, Y.O." no muro, no qual estava desenhado o rosto do cantor com seus famosos óculos redondos. Depois, Yoko se inclinou sobre o muro, suspirando: "It's beautiful" ("é lindo").

O muro, que faz parte de um prédio conhecido como o "Muro John Lennon", fica em frente à embaixada da França, uma das partes mais pitorescas da capital tcheca.

Nos anos 70, o muro foi dedicado ao culto dos Beatles, num país onde a música pop e o rock eram sinônimos de resistência pacífica ao regime comunista.

Depois do assassinato de John Lennon em 8 de dezembro de 1980, em Nova York, o muro foi totalmente coberto de retratos de músicos assassinados, de letras de suas canções de mensagens e poemas de seus admiradores.

A frase do grande filósofo chinês Confúcio "é melhor acender uma vela do que amaldiçoar a escuridão" era uma das mais apreciadas pelos dissidentes e a que mais incomodava as autoridades comunistas.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Cinema: o melhor e o pior dos rockstars em filmesCinema
O melhor e o pior dos rockstars em filmes

Classic Rock: os 50 maiores álbuns de rock progressivoClassic Rock
Os 50 maiores álbuns de rock progressivo


adWhipDin adWhipDin adWhipDin