MacDonough retruca David Ellefson

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por João Vitor Hatum de Mendonça, Fonte: Rust In Page
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 19/10/04. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O novo baixista do MEGADETH, James MacDonough, postou a seguinte mensagem no site oficial da banda:

"Eu conheci vários do vocês durante minhas viagens e certamente irei conhecer muito mais, cada um de vocês irá respeitar minha opinião ou não. Eu estou no ataque e falo o que penso o que não algo totalmente bom."

3017 acessosMegadeth: cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica5000 acessosMulheres no Rock: as mais importantes segundo rádio inglesa

"A respeito de tudo que foi dito na entrevista com Jr. (David Ellefson), eu preciso declarar algumas coisas em uma folha em branco. Eu sou o baixista do Megadeth, na última linha. Não haverá jamais outro Dave na banda. Eu trabalhei muito para conseguir este lugar, literalmente, eu tive que me adaptar em um estilo completamente diferente de tocar e eu tenho colocado 200% do meu coração e da minha alma desntro deste trabalho, se isto é totalmente possível de se imaginar. Apenas após morrer eu desistirei do meu posto, o qual não irá acontecer de maneira alguma com todos os comentários que eu tenho recebido do 'General' [Dave Mustaine]."

"Muitos de vocês não irão entender o que aconteceu nos trabalhos íntimos desta banda, mas você vê de onde a música vem... ninguém esteve envolvido neste novo álbum exceto Mustaine e veja como o álbum é autêntico. Não houve nenhuma influência negativa ou outros para sujar a música. Muitas das bases de baixo vocês imaginam que vieram com, claro, Mustaine."

"Eu não sinto que estou explicando muito bem o que há por trás do motivo pelo qual Jr. está processando Dave, não é essa minha função, mas eu direi a vocês uma coisa, alguns dos comentários e mensagens [dos fãs no fórum do Megadeth] no geral não estão muito longe da verdade. Jr. está expondo tudo isto porque ele percebeu o grande erro que cometeu com o processo. Pense sobre isto, por que ele insinuaria relações futuras com Mustaine no meio de uma grande provação legal que é notícia mundial? Isto também traria seu nome de volta às manchetes."

"Eu pessoalmente não tenho nada contra ele, ele sempre foi cordial comigo no passado mas este é o presente e coisas acontecem por alguma razão. O novo Megadeth é de longe a melhor formação, muito dedicada e isto será mostrado em cada apresentação ao vivo, aguardem."

"Eu espero não estar sendo visto como arrogante. Vocês só têm que acreditar em mim sobre isto, você ganhará mais do que pagou e não sairá desapontado."

Por outro lado, foram anunciadas mais datas da "Blackmail The Universe Tour". Todos os shows terão como banda de abertura as bandas Earshot e Exodus, exceto nos dias 23 e 24 (apenas Earshot abrirá) e nos dias 25 a 31 de Outubro (apenas Exodus abrirá). Veja abaixo as novas datas confirmadas:

21 de Novembro - Winnipeg, MB
22 de Novembro - Regina, Sask
23 de Novembro - Edmonton, AB
26 de Novembro - Vancouver, BC
27 de Novembro - Seattle,
28 de Novembro - Spokane, WA
29 de Novembro - Portland, OR
01 de Dezembro - Mexico City, MX.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MegadethMegadeth
Cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica

2803 acessosHeavy Metal: os 10 melhores riffs dos anos noventa496 acessosMarty Friedman: ouça "Miracle", single do novo álbum solo3487 acessosMetallica: e se James Hetfield cantasse no Megadeth?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Megadeth"

MegadethMegadeth
Vídeo mostra "Dystopia" pela primeira vez ao vivo

MegadethMegadeth
"Gar Samuelson tornou Peace Sells um clássico"

CoversCovers
Alguns dos mais legais feitos por bandas de Metal

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Megadeth"

Mulheres no RockMulheres no Rock
As mais importantes segundo rádio inglesa

Yngwie MalmsteenYngwie Malmsteen
Slash, Vai, Satriani e Wylde falam do guitarrista

GóticasGóticas
10 grandes bandas do gênero dos anos 80

5000 acessosGarimpeiro das Galáxias: Beldades globais e sua paixão pelo rock5000 acessosIron Maiden: uma releitura de "The Trooper" pelo Cine5000 acessosMick Jagger: em cerimônia na escola do filho em São Paulo5000 acessosMetallica: a incrível guitarra limitada inspirada em Master Of Puppets5000 acessosBlaze Bayley aprova técnica de implante capilar5000 acessosGuns N' Roses: DJ Ashba só conheceu Axl Rose em seu 1° show

Sobre João Vitor Hatum de Mendonça

Nascido no interior de São Paulo em 1988, hoje graduado no curso de Bacharelado em Ciência da Computação, fanático por Rock e Heavy Metal desde pirralho, sendo, hoje, um dos responsáveis pelo site Rust In Page e criador do blog Inside Loud. A paixão pelo Rock surgiu lá pelos 10 anos de idade com um álbum do Aerosmith e, desde então, teve (e ainda tem) entre seus músicos e bandas favoritas nomes como Iron Maiden, Judas Priest, Megadeth, Rush e Van Halen. Mas, independente de rótulos e conceitos pré-definidos, seu gosto musical viaja desde o som mais pesado de um Carcass, até os experimentalismos de um Mr. Bungle e o som mais moderno de um Stone Sour, apenas ouvindo o que lhe agrada e soa bem aos ouvidos. Hoje, além de trabalhar na área de Computação e ser um 'músico' casual, despende parte de seu tempo no blog Inside Loud, em homenagem a uma de suas maiores paixões: a boa e velha música.

Mais matérias de João Vitor Hatum de Mendonça no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online