Vocalista do Linkin Park fala sobre novo álbum

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Thiago Coutinho, Fonte: Linkin' Park - site oficial
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 24/04/06. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O site oficial do LINKIN PARK acaba de disponibilizar uma curta entrevista com o vocalista Chester Bennington, que fala a respeito da gravação e sonoridade do novo trabalho de estúdio do grupo, que sai no ano que vem.
Confira o bate-papo logo a seguir:

468 acessosChester Bennington: mais reações de rockers à morte do cantor5000 acessosSlipknot: 10 vezes em que Joey Jordison foi um verdadeiro herói

Website — Como está indo o processo de composição?

Chester Bennington — Está divertido. Todos estamos tendo a chance de contribuir de forma criativa. Rick Rubin, o produtor do nosso novo álbum, está trabalhando conosco em um estilo que nunca tivemos antes, então, está sendo diferente para nós. Todos estamos vindo com idéias individuais diferentes, então chegamos juntos e começamos a trabalhar como banda. Decidimos juntos para onde as músicas devem ir. Mas este álbum será mais direcionado para os vocais do que os outros. Então, normalmente Mike [Shinoda] e eu compomos as letras, e o restante dos caras compõem suas partes sozinhos. Bread [Delson] está realmente estruturando bem as músicas. É, obviamente, muito trabalho, mas eu o amo, por isso está sendo divertido para nós.

Website — Você e Mike compõem juntos?

Bennington — Nós dois escrevemos as músicas e melodias, e nós dois temos nossos lances pessoais que escrevemos sobre, então, algumas faixas começam separadamente e só as juntamos quando nos encontramos. Mas também temos faixas que escrevemos sozinhos. Geralmente misturamos nossos materiais e começamos a partir deles.

Website — Há alguém responsável que determina a parte lírica?

Bennington — Não, apenas nós dois. Mike e eu. Mas o Mike é muito bom em criar as letras, ele aperfeiçoa o que fazemos juntos.

Website — A banda toda trabalha junta?

Bennington — Todas as semanas. Ainda estamos nos primeiros estágios, em que trabalhos de forma individual primeiro. Cada um dos caras compõe a sua parte em seu respectivo instrumento. Mas temos um encontro semanal com toda banda reunida. Nos encontramos no estúdio toda semana e vemos o material que cada um compôs. Então, decidimos o que vamos guardar, o que mudar e ajudar um ao outro com o que estávamos trabalhando.

Website — Suas composições refletem onde sua vida está no momento?

Bennington — Muita coisa mudou desde que lançamos ‘Meteora’. Eu me casei com Talinda, tive três filhos, então, acho que estou crescendo e envelhecendo, então a música também. Você não pode repetir as mesmas coisas na vida e não aprender. O mesmo vale para a música comigo.

Confira no link abaixo a a entrevista, em inglês, na íntegra.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Chester BenningtonChester Bennington
Mais reações de rockers à morte do cantor

618 acessosLinkin Park e a morte de Chester: memórias e desolação231 acessosLinkin Park: em vídeo, os dez melhores momentos de Chester0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Linkin Park"

MetalMetal
As bandas e sub-gêneros mais odiados pelos metalheads

Chris CornellChris Cornell
Veja Chester Bennington cantando em funeral

Corey TaylorCorey Taylor
"Agradeça pelo que tem", ele diz para Chester

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Linkin Park"

SlipknotSlipknot
10 vezes em que Joey Jordison foi um verdadeiro herói

Dave MustaineDave Mustaine
A bizarra semelhança com um Cocker Spaniel

Cê tá de brincadeira?Cê tá de brincadeira?
Quando grandes nomes vacilam

5000 acessosNightwish: Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãs5000 acessosSinceridade: e se as capas de discos dissessem a verdade?5000 acessosSons Of Anarchy: a obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!4247 acessosPhil Anselmo: "cantar afinado é como uma obrigação"5000 acessosLars Ulrich: quando conheci o Motorhead decidi montar o Metallica5000 acessosMustaine: A7X ou Trivium? Não, ouça Metallica, Megadeth, Slayer

Sobre Thiago Coutinho

Formado em Jornalismo, 23 anos, fanático por Bruce Dickinson e seus comparsas no Maiden. O heavy metal surgiu na minha vida quando ouvi o vocalista da Donzela de Ferro em "Tears of the Dragon", em meados de 1994. Mas também aprecio a voz de pato bêbado do controverso Dave Mustaine, a simplicidade do Ramones, as melodias intrincadas do Helloween, a belíssima voz de Dio ou os gritos escabrosos de Rob Halford. A Whiplash apareceu em minha vida sem querer, acho que seus criadores são uns loucos amantes de rock e acredito que este seja o melhor site de rock do país, sem qualquer demagogia!

Mais matérias de Thiago Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online