Megadeth: cobertura completa da tour no Brasil

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Paulo Nesso & Alex Silva de Chico, Fonte: Megadeth World
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 12/06/08. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O MEGADETH chegou no Brasil no início do mês logo após tocarem na Argentina e Chile. No dia 03 de junho aconteceu o primeiro show em terras brasileiras, Goiânia sacudiu com o som pesado da banda de Dave Mustaine & Cia e presenciou um show preciso com um bom set list, porém sem algumas músicas que vinham sendo tocadas em outros países sul-americanos como o hit “Trust”, “Mechanix” do primeiro álbum da banda e “Gears Of War”, do último trabalho “United Abominations.”

3343 acessosMegadeth: cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica5000 acessosMetallica: Jason explica o baixo apagado de And Justice For All

Logo depois no dia 05 foi a vez de Curitiba que viu um MEGADETH tão bom quanto o de Goiânia, porém Dave Mustaine estava mais “falante” e interagiu mais do que o costume com o público, brincando e fazendo poses para fotos. O set foi o mesmo de Goiânia o que já dava a impressão de que este se fixaria como o set a ser tocado no Brasil. Infelizmente houve um instante em que alguém atirou uma lata de cerveja em Dave, sorte não ter pego e Mustaine simplesmente disse “Por favor, não faça isso”. Quem esteve lá pode presenciar cenas cômicas produzido pelo líder da banda como por exemplo ele brincando com as baquetas no ar enquanto Shawn Drover na bateria o acompanhava até que Dave “batucou” na bunda, beijou as baquetas e as arremessou pra galera.

Em São Paulo no dia seguinte cerca de 4.500 pessoas acompanharam um show atípico para uma banda do porte do MEGADETH, logo no início do show, na primeira música notava-se que o som estava excessivamente alto e quase não se podia escutar Dave Mustaine cantando, após alguns “esporros” no operador da mesa de som sem obter sucesso, Mustaine se retirou de seu posto na introdução da música “Kick the Chair”. (Destaque para o extremo profissionalismo da banda neste momento). Enquanto Mustaine conversava com o técnico de som, a banda continuava a introdução da música, e a mesma continuou mesmo quando Mustaine saiu do palco. A banda tocou sua parte da introdução como se nada estivesse acontecendo, e ao término da introdução saíram do palco.

Aproximadamente 25 minutos se passaram até que a banda voltou de onde haviam parado na música, daí em diante com o som já bem melhor a banda seguiu sem problemas. Destaque para a grande interação do público no início do show, porém após a parada a multidão já não tinha mais o mesmo pique. Ponto negativo para algumas pessoas que jogavam tênis e outros objetos na galera e no palco bem como o fato de muitos dos presentes ficarem perdidos em músicas como “Burnt Ice”, do último álbum. O set foi o mesmo dos outros shows no Brasil.

07 de junho, Rio de Janeiro. Talvez esse tenha sido o show em que a galera mais agitou e cantou as músicas junto com a banda, pequenos problemas técnicos com o áudio voltaram se repetir, mas desta vez foram quase imperceptíveis e Dave saiu do palco discreta e rapidamente algumas poucas vezes entre uma musica e outra para resolver este problema. O set ficou menor, “Ashes In Your Mouth” e “Burnt Ice” não foram executadas. Mas há quem diga que isso foi compensado pela presença da banda no palco (com destaques pra James Lomenzo no baixo e Chris Broderick na guitarra) e a animação do público com o show.

E com um show atrás do outro, no dia 08, Mustaine e sua equipe desembarcaram na capital mineira Belo Horizonte, onde encontraram um público extremamente ansioso e otimista, no entanto problemas técnicos no som voltaram a se repetir, após a terceira música Mustaine saiu do palco para que o problema pudesse ser resolvido. O set foi ainda menor que o do Rio de Janeiro, desta vez eles não tocaram “Sweating Bullets”, um clássico da banda considerado por muitos uma música essencial em qualquer show do MEGADETH. Houve ainda um caso de invasão de palco, no fim da música “A Tout Le Monde” uma pessoa correu para agarrar Dave Mustaine, mas acabou sendo agarrado pelos seguranças que o arrastaram para o backstage, Dave foi atrás enquanto Broderick permaneceu no palco realizando seu solo de guitarra posteriormente emendado pelo hit “Tornado of Souls”. A opinião é quase unânime entre os que acompanharam a banda em BH, o show com pouco mais de 1 hora de duração e com buracos no set-list ficou devendo.

Após cinco shows no Brasil a banda segue para Lima no Peru (11/06) e Quito no Equador (13/06) e depois voltam para o último show em Manaus no dia 15 de junho. Fica a expectativa de um show com um set mais extenso e sem problemas de som para que Dave Mustaine e Cia possam trazer abaixo a capital do estado amazonense!

Confira os sets, fotos e filmagens de todos os shows no portal megadethworld.com (link abaixo).

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MegadethMegadeth
Cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica

3049 acessosHeavy Metal: os 10 melhores riffs dos anos noventa505 acessosMarty Friedman: ouça "Miracle", single do novo álbum solo3510 acessosMetallica: e se James Hetfield cantasse no Megadeth?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Megadeth"

MegadethMegadeth
E se Lars Ulrich fosse o baterista de "Holy Wars"?

MetallicaMetallica
Dave Mustaine passou dias chorando após morte de Cliff Burton

Kiko LoureiroKiko Loureiro
Ele tem medo da "maldição do terceiro show"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Megadeth"

MetallicaMetallica
Jason explica o baixo apagado de And Justice For All

Rock ProgressivoRock Progressivo
As 25 melhores músicas de todos os tempos

Em 25/09/1980Em 25/09/1980
John Bonham, do Led Zeppelin, morre após intoxicação

5000 acessosAC/DC: a história do nome e a idéia do uniforme de Angus5000 acessosMMA: os lutadores que curtem Rock e Heavy Metal5000 acessosRockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e Deus4829 acessosJackdevil: Extremistas, homofóbicos e xenofóbicos deveriam largar o metal5000 acessosAll Shall Perish: a barbárie dos Wall Of Death mais truculentos5000 acessosPink Floyd: Rick Wright morre aos 65 anos de idade

Sobre Paulo Nesso & Alex Silva de Chico

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online