Izzy Stradlin: Axl é muito complicado, mas também talentoso

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marco Néo, Fonte: Gigwise.com, Tradução
Enviar Correções  

Izzy Stradlin, ex-guitarrista do GUNS N’ ROSES, falou sobre sua amarga separação da banda, ocorrida ao final da turnê européia em 1991.

Metal Up Your Ass: Os primórdios do Metallica

Tico Santa Cruz: um comovente texto sobre suicídio de Champignon

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Numa entrevista para o Pulse of Radio, o guitarrista descreveu o modo de vida do grupo na época de sua saída como "muito auto-destrutivo". "Eu estava vendo como os meus amigos estavam morrendo, e depois de algum tempo eu decidi que já tinha visto o suficiente", disse Izzy. "Eu não queria continuar a fazer parte daquilo. Agora estamos todos limpos, o que é ótimo".

Mas Stradlin, que continua amigo de seus ex-colegas de banda, não fala sobre o papel de Axl em sua saída. "Axl é um cara muito complicado, mas também muito talentoso", disse o guitarrista.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metal Up Your Ass: Os primórdios do MetallicaMetal Up Your Ass
Os primórdios do Metallica

Tico Santa Cruz: um comovente texto sobre suicídio de ChampignonTico Santa Cruz
Um comovente texto sobre suicídio de Champignon


Sobre Marco Néo

Nascido na primeira metade dos anos 70, teve seu primeiro contato com sons pesados quando o Kiss veio para o Brasil, em 83, mas não compreendeu bem o que era aquilo. A contaminação efetiva ocorreu um ano depois, quando conheceu Motörhead, Judas Priest, AC/DC, Iron Maiden. Desde então, tornou-se um apaixonado colecionador de tudo o que se refere a Metal e Rock'n'Roll, independentemente de subestilos.

Mais matérias de Marco Néo no Whiplash.Net.

Cli336x280