Neil Young: YouTube trata as gravadoras de maneira desigual

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Diego Camara, Fonte: Rolling Stone, Tradução
Enviar Correções  

Enquanto os usuários do YouTube continuam nervosos pela retirada do áudio dos vídeos de todos os artistas da Warner Music Group pela disputa de royalties, um roqueiro vem em defesa da gravadora: Neil Young. A lenda do Rock argumentou em seu blog que a Warner é vitima de contratos ultrapassados e não pode ser demonizada por apertar o botão de mute de todas as suas músicas licenciadas no YouTube.

Neil Young: Novo EP The Times será lançado em 18 de setembro, ouça algumas faixas

Guns N' Roses: Qual o patrimônio dos músicos da banda?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"A Warner/Reprise foi uma das primeiras gravadoras a abraçar o YouTube. Quando ele ainda estava nascendo a Warner fez um acordo para trabalhar com eles. Hoje, outras gravadoras fizeram acordos lucrativos para seus artistas no YouTube", escreveu Young. "O YouTube é a nova rádio, mas não totalmente. As rádios são usadas para introduzir a música para as massas e foram cruciais para cada novo lançamento, com condições idênticas para cada artista e gravadora. Desde que o YouTube fez acordos melhores com algumas gravadoras e não outras, o Gigante da Mídia está tratando desigualmente os artistas dependendo das gravadoras nas quais eles se encontram".

Por que a Warner Music não disse isso no início? Há um mês e meio os vídeos da Warner estão sem som, e só agora que NEIL YOUNG assinou com a Warner Reprise Records, ele nos deu algumas perspectivas sobre o assunto. "É a hora da indústria musical conseguir compensar os artistas na web. Os artistas da Reprise e da Warner Bros desejam o que os artistas das outras gravadoras estão conseguindo". Young ainda concluiu: "Deixem as pessoas decidirem o que constitui o sucesso. A Warner Bros e a Reprise estão buscando um campo de jogo nivelado. Enquanto não conseguirem estes problemas não irão embora. Esta é a essência da disputa entre Warner Bros/Reprise e o YouTube".

Vídeos cujo som foram retirados, como o clipe do MY CHEMICAL ROMANCE, agora foram retirados do ar "due to copyright claim by WMG". Espera-se que esta disputa seja estabilizada pelo lançamento do novo álbum de NEIL YOUNG, "Fork in the Road", no dia 7 de abril.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Neil Young: Novo EP The Times será lançado em 18 de setembro, ouça algumas faixasNeil Young
Novo EP The Times será lançado em 18 de setembro, ouça algumas faixas

Neil Young: Músico divulga mais uma bordoada contra TrumpNeil Young
Músico divulga mais uma bordoada contra Trump

Neil Young: Planejamento para processar Trump, por usar sua músicaNeil Young
Planejamento para processar Trump, por usar sua música

Carta aberta: Artistas em apoio a casas de show independentes dos EUACarta aberta
Artistas em apoio a casas de show independentes dos EUA


Religião: Top 10 citações sobre Deus e o DiaboReligião
Top 10 citações sobre Deus e o Diabo

Sweet Home Alabama: o mito Lynyrd Skynyrd x Neil YoungSweet Home Alabama
O mito Lynyrd Skynyrd x Neil Young


Guns N' Roses: Qual o patrimônio dos músicos da banda?Guns N' Roses
Qual o patrimônio dos músicos da banda?

Quatro filhos: rockabilly, pop rock, prog rock e hard rockQuatro filhos
Rockabilly, pop rock, prog rock e hard rock


Sobre Diego Camara

Nascido em São Paulo em 1987, Diego Camara é jornalista, radialista e blogueiro. Seu amor pelo metal e rock começou há 6 anos. Um amante da nova geração, é um grande fã de Arjen Lucassen, Andre Matos e bandas como Nightwish, Hammerfall, Sonata Arctica, Edguy e Kamelot. Também não deixa de ter amor pelos clássicos, como Helloween, Gamma Ray e Iron Maiden e do Rock de bandas como Oasis, Queen e Kings of Leon. Atualmente seus textos podem ser lidos no blog OCrepusculo.com sobre assuntos diversos, além de planos para criação de um projeto totalmente voltado aos blogs de Rock e Metal.

Mais informações sobre Diego Camara

Mais matérias de Diego Camara no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL