Heaven & Hell: Bill Ward explica sua ausência da banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Diego Camara, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 25/04/09. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Uma nova entrevista com Bill Ward, baterista do BLACK SABBATH, foi conduzida pela Rock Radio da Grã-Bretanha e está disponível para audição no site da rádio.

860 acessosBlack Sabbath: projeto Home of Metal chega a São Paulo5000 acessosPitty: Segundo a cantora, 2013 foi o pior ano de sua vida

Conversando com o DJ Tom Russell, Ward revelou o motivo dele ter deixado o HEAVEN & HELL antes da banda gravar as três novas músicas para a compilação do BLACK SABBATH "The Dio Years".

Ward declarou: "Havia uma música em que fiquei desconfortável. Tentei acomodar os desejos de vários dos membros da banda, e eu não sou muito bom nisto - não sou este tipo de baterista. A maneira que os rapazes queriam que fosse as batidas, eu não era capaz de ver daquela maneira.

Durante todo o caminho por aquele projeto, todos tiveram uma mente aberta - nós não sabíamos se isso daria certo. Eu queria fazer a melhor música que eu podia, mas foi uma daquelas coisas musicais que eu não pude fazer.

Eu nunca falei publicamente sobre isto - na época foi dito que eu teria outros compromissos para cumprir. Não era o caso. Foi um desentendimento com a música, eu estava desconfortável com algumas coisas em torno do projeto, e foi isso, eu saí fora.

Penso que Vinny Appice foi uma escolha muito melhor - ele é habilitado a acomodar o tipo de coisas que estavam sendo feitas, e eu não. Eu reflito, Vinny toca bateria, há uma grande diferença".

Iommi concordou em grande parte com os sentimentos de Ward, embora de um ângulo diferente. Em uma entrevista com a Rock Radio, ele explicou: "A gravadora estava pedindo pelas músicas, e Bill queria mais tempo para fazê-las. Nós pensamos, provavelmente será melhor que não façamos elas com Bill - ele estava se sentindo desconfortável. Se sentiu ainda mais desconfortável quando nós falamos com ele sobre a possibilidade de excursionar por um ano - ele quase teve um ataque! Ele não faz isso há um bom tempo, então disse 'Eu não acho que ficarei bem excursionando por tanto tempo'".

Falando sobre o retorno de Appice, Iommi disse: "Vinny tocou mais álbuns com Ronnie do que Bill, que somente fez o 'Heaven and Hell', enquanto Vinny fez todas os trabalhos ao vivo".

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Black SabbathBlack Sabbath
"Podemos fazer alguns shows pontuais", diz Iommi

860 acessosBlack Sabbath: projeto Home of Metal chega a São Paulo1871 acessosBlack Sabbath: veja unboxing da "The Ten Year War"1256 acessosDoom Metal: os 25 maiores álbuns do gênero0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
"Eu detesto a expressão Heavy Metal!"

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
"Eu não me lembro de nada dos anos 90"

Black SabbathBlack Sabbath
Tony Iommi conta como surgiu a canção "Changes"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Heaven And Hell"0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"0 acessosTodas as matérias sobre "Dio"

PittyPitty
Segundo a cantora, 2013 foi o pior ano de sua vida

MegadethMegadeth
A canção que Dave Mustaine menos gosta

HumorHumor
Os roqueiros mais chatos das redes sociais

5000 acessosSeparados no nascimento: Bruce Dickinson e Leopoldo Pacheco5000 acessosBrian May: "eu não sabia que Freddie era Gay"5000 acessosEm 10/08/1993: Euronymous é assassinado por Varg Vikernes3677 acessosGhost: como é ser orientado por Metallica e Iron Maiden5000 acessosAntes do Black Sabbath: as 50 músicas mais pesadas do rock4053 acessosMetallica: as 10 melhores músicas da banda, segundo a Metal Hammer

Sobre Diego Camara

Nascido em São Paulo em 1987, Diego Camara é jornalista, radialista e blogueiro. Seu amor pelo metal e rock começou há 6 anos. Um amante da nova geração, é um grande fã de Arjen Lucassen, Andre Matos e bandas como Nightwish, Hammerfall, Sonata Arctica, Edguy e Kamelot. Também não deixa de ter amor pelos clássicos, como Helloween, Gamma Ray e Iron Maiden e do Rock de bandas como Oasis, Queen e Kings of Leon. Atualmente seus textos podem ser lidos no blog OCrepusculo.com sobre assuntos diversos, além de planos para criação de um projeto totalmente voltado aos blogs de Rock e Metal.

Mais informações sobre Diego Camara

Mais matérias de Diego Camara no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online