Van Halen: "me diverti, mas me sentia estranho", diz Gary

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Mateus Tozzi, Fonte: Brave Words & Bloody Knuckles, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

David Carr, do KNAC.com, bateu um papo em 2009 com o frontman do EXTREME Gary Cherone, e a conversa girou sobre a volta da banda, assim como a breve passagem de Cherone pelo VAN HALEN. Um trecho está disponível abaixo.

1364 acessosVan Halen: Simplesmente "FUCK"5000 acessosAC/DC: a história do nome e a idéia do uniforme de Angus

O que você aprendeu da sua experiência com o Van Halen?

Cherone: "Bem, olhando para trás nos três anos que eu estive com o Van Halen, eu acho, se eu tivesse que fazer isso tudo de novo eu acho que eu iria preferir fazer uma turnê com eles e então fazer um disco... seria uma idéia melhor eu me estabilizar primeiro e então entrar no estúdio com a banda. Naquela época isso poderia ter parecido esquisito no papel, mas realmente funcionou ao vivo. Eu fiz um esforço para cuidar das músicas velhas do VH que Sammy não estava cuidando. Eu queria fazer as músicas mais velhas... ao vivo tocamos músicas que os fãs deles não ouviam em anos! Porém, eu não acho que fizemos um grande disco. Eu acredito que tinha algumas ótimas idéias e algumas pequenas pérolas, mas não foi um grande disco. Na época eu me diverti, mas me sentia como se fosse um estranho numa terra desconhecida".

O quão intimidante foi estar na banda?

Cherone: "Foi muito. Na maioria do tempo a crítica acabava comigo, mas se eu tivesse uma noite ruim ou minha garganta doesse... às vezes acontecia mas o que você vai fazer? Vou dizer, cada noite quando chegávamos na cidade eu escutava os DJs de rádio detonando a mim e à banda, mas ao final da maioria das noites os mesmos DJs estavam no backstage e quase pediam desculpas a mim ou pelo menos admitiam que o show tinha sido bem melhor do que eles pensavam".

Leia a matéria completa (em inglês) neste link.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 20 de setembro de 2012

Van HalenVan Halen
Em "5150", uma banda mais compacta e divertida

1364 acessosVan Halen: Simplesmente "FUCK"474 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Van Halen"

BurnnBurnn
Os maiores guitarristas Hard & Heavy da história

Sammy HagarSammy Hagar
"O Van Halen deu um grande salto comigo"

Poder e excentricidadePoder e excentricidade
Ferrari, a paixão de estrelas do rock

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Van Halen"0 acessosTodas as matérias sobre "Extreme"

ACDCACDC
A história do nome e a idéia do uniforme de Angus

MMAMMA
Os lutadores que curtem Rock e Heavy Metal

Blasfêmias?Blasfêmias?
Rockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e Deus

5000 acessosNightwish: Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãs5000 acessosSinceridade: e se as capas de discos dissessem a verdade?5000 acessosSons Of Anarchy: a obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!5000 acessosMarco Malagolli: Um dos maiores conhecedores da obra dos Beatles5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19895000 acessosVan Halen: Hagar detona o vocal de Roth em novos comentários

Sobre Mateus Tozzi

Mateus Tozzi nasceu em 1988 em Sorocaba-SP e vive até hoje nessa cidade do interior paulista. Começou a se interessar por Heavy Metal em 2001 assistindo a apresentação do Iron Maiden no Rock In Rio III, e desde então, leva consigo uma enorme paixão pela música pesada. Suas bandas preferidas São Dio, Iron Maiden, Judas Priest, Sepultura, Slayer e Deep Purple. Atualmente faz o curso de Processamento de Dados e pratica guitarra.

Mais matérias de Mateus Tozzi no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online