Matérias Mais Lidas

imagemBill Hudson diz que tatuagem pode ter sido entrave para entrar no Megadeth

imagemO que mais impede Kiko Loureiro de voltar ao Angra? (Não tem nada a ver com o Megadeth)

imagemRage Against The Machine vem ao Brasil em dezembro, diz José Noberto Flesch

imagemHumberto Gessinger faz símbolo do "L" do Lula com a mão em show e fãs vibram

imagemMarcos Mion conta história de encontro (e manjada) com Bon Jovi no banheiro

imagemBeatles: Paul McCartney conta a história por trás de "Ob-La-Di, Ob-La-Da"

imagemCameron diz que falas sobre saída de Hawkins do Foo Fighters foram tiradas do contexto

imagemA curiosa opinião de Ozzy sobre cover do Metallica para "Sabbra Cadabra"

imagemBruce Dickinson diz o que o surpreendeu quando retornou ao Iron Maiden

imagemAutor de "God Save The Queen", Johnny Rotten diz que sente orgulho da Rainha Elizabeth

imagemOzzy Osbourne revela o único integrante de sua banda que saiu "do jeito certo"

imagemO erro geográfico na letra de "All Star", música que Nando Reis fez para Cássia Eller

imagemSimone Simons compartilha foto inusitada; "Caminhoneira de dia e cantora à noite"

imagemEdgard Scandurra, do Ira!, explica atual sumiço do rock nas rádios brasileiras

imagemDavid Gilmour surpreende ao responder se o Pink Floyd pode voltar a fazer shows


PRB

Andreas Kisser: "O fim do Guitar Hero e o preço da música"

Por Emanuel Seagal
Fonte: Yahoo!
Em 17/02/11

Andreas Kisser, guitarrista do SEPULTURA, escreveu um novo texto em sua coluna no Yahoo!. Confira alguns trechos abaixo.

Incrível acreditar que o grande fenômeno dos últimos tempos no ramo dos videogames, o Guitar Hero, está saindo do mercado. Eu que acreditava que o jogo seria uma nova maneira de distribuir e armazenar música. Infelizmente não foi bem assim. A Activision, empresa responsável pelo jogo, anunciou esta semana o fechamento da divisão que cuidava especificamente do game musical. Pra mim, foi uma grande surpresa, pois bandas como Aerosmith e Metallica tinham acabado de lançar os seus jogos e tudo parecia ir muito bem.

O custo alto da produção, dos equipamentos necessários para se jogar, junto com a aparição de novos jogos com tecnologias diferentes, que usam sensores para captar o movimento do corpo, sem a necessidade de controles, e que causaram uma sensível queda nas vendas, foram citados como justificativas para este súbito fim. Mas o que realmente pesou foram os altos royalties que as bandas e as gravadoras pediam para o uso das músicas no jogo, ou seja, a própria música e sua ala gananciosa fundamentalista, ajudou a acabar com esta pequena revolução na indústria musical.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O Guitar Hero surgiu em 2005 e logo virou uma febre no mundo dos games. Não importava a idade, todo mundo estava jogando. Verdadeiros virtuoses surgiram no "instrumento", campeonatos aconteciam pelo mundo e novos "artistas" foram descobertos. A sensação de se sentir um rock star, tocando as guitarras no último volume, é irresistível, principalmente para os que não são músicos e nunca chegaram perto de um palco. O GH é realmente uma experiência e tanto. Sem falar na biblioteca musical riquíssima e que constitui uma escola musical do rock para as novas gerações. No GH é possível experimentar um cardápio vasto, de vários estilos, dentro do que é considerado rock and roll. É uma maneira não preconceituosa de se apresentar a música, uma verdadeira aula.

Confira a matéria na íntegra no link abaixo.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

imagemAndreas Kisser explica como time do coração tem lugar especial na história do Sepultura

imagemAndreas Kisser, orgulhoso do Sepultura, conta como se diferenciam de outras bandas

imagemAndreas Kisser toca e canta "I Love It Loud" e "I Was Made For Lovin' You", do Kiss

imagemAndreas Kisser conta como Max Cavalera fez Sepultura ter destaque fora do Brasil

imagemAndreas Kisser homenageia ex-jogador Freddy Rincón, que faleceu aos 55 anos

imagemAndreas Kisser sente-se orgulhoso pelo Sepultura ser relevante até hoje

imagemAndreas Kisser detona Bolsonaro: "Temos o pior presidente de todos os tempos"

imagemAndreas Kisser critica youtuber que sugeriu criação de partido nazista

imagemSepultura: Andreas Kisser conta como o Testament e Alex Skolnick influenciaram a banda

imagemApós treta com Max Cavalera, Marc Rizzo elogia Andreas Kisser e novo disco do Sepultura




Sobre Emanuel Seagal

Descobriu o metal com Iron Maiden e Black Sabbath até chegar ao metal extremo e se apaixonar pelo doom metal. Considera Empyrium e X Japan as melhores bandas do mundo, Foi um dos coordenadores do finado SkyHell Webzine, escreveu para outros veículos no Brasil e exterior, e sempre esteve envolvido com metal, seja com eventos, bandas, gravadoras ou imprensa. Escreve para o Whiplash! desde 2005 mas ainda não entendeu a birra dos leitores com as notícias do Metallica. @emanuel_seagal no Instagram.

Mais informações sobre

Mais matérias de Emanuel Seagal.