Edu Falaschi: "se o Glória é emo, então eu curto emo...!"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Samuel Coutinho, Fonte: twitter.com
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 27/09/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Com toda essa repercussão envolvendo Rock in Rio, ANGRA, som com péssima qualidade, boatos, e tudo mais... nada melhor do que deixar isso tudo de lado e apenas se preocupar com a boa música.

1940 acessosAngra: Os primórdios de Angel's Cry antes da Demo Reaching Horizons5000 acessosMegadeth: as 10 maiores tretas de Dave Mustaine

Enquanto uns ficam dando valor à mesmice de sempre, outros tentam dar uma chance as bandas novas, que não coseguem o devido respeito que merecem.

Assim é o caso de algumas bandas, que só porque acrescentam um pouco de "modernidade" em suas músicas, muitos acham que é EMO. De fato, algumas bandas realmente não levam o espírito rock and roll em suas veias, deixando muito a desejar.

Mas no caso do GLÓRIA, a história é outra. Para quem não sabe o Glória é uma banda de hardcore melódico, que mesmo assim deixa muito neguinho com a pulga atrás da orelha.

A banda tem destaque nacional pelo seu som pesado, ritmo ainda periférico no Brasil. O Gloria, formado atualmente por Mauricio Vieira "Mi" (vocal) Elias Reis "Elliot"(guitarra/ vocal) Alexandre Peres "Peres Kenji" (guitarra) João "Jhonny" (baixo) e Eloy Casagrande "Eloy" (bateria), faz shows em todo o país, um deles nesta edição do Rock in Rio.

Não é a toa que até músicos da cena metal elogiam a banda, assim foi Edu Falaschi, vocalista do Angra, que recentemente postou em seu twitter um comentário a Eloy Casagrande (baterista), elogiando a banda:

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 27 de setembro de 2011

AngraAngra
Banda reage à tragédia com Adrenaline Mob

1940 acessosAngra: Os primórdios de Angel's Cry antes da Demo Reaching Horizons961 acessosAngra: mais um vídeo das gravações do novo álbum1923 acessosBlind Guardian e Rhapsody: Como seria Hansi e Lione cantando juntos?2693 acessosAngra: Uma rara versão acústica de "Carry On" com Andre Matos0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

SuplaSupla
"Papai é petista, mamãe é golpista e eu sou anarquista!"

Kiko LoureiroKiko Loureiro
Guitarrista comenta a morte de William Lee

Kiko LoureiroKiko Loureiro
Guitarrista fala sobre suas influências e música brasileira

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Edu Falaschi"0 acessosTodas as matérias sobre "Gloria"0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"

MegadethMegadeth
As 10 maiores tretas da história de Dave Mustaine

IntrigasIntrigas
Bandas em família que terminaram mal

SlayerSlayer
Kerry King comenta Grammy, Venom, Dimebag, e mais...

5000 acessosAlfabeto do Rock: as 15 melhores músicas de Metal5000 acessosMax Cavalera: A opinião de Lemmy, Kiko Loureiro, Vinnie Paul e outros5000 acessosOzzy Osbourne: "Eu detesto a expressão Heavy Metal!"5000 acessosDimebag: mensagem do além em anúncio de série britânica4763 acessosHeavy Metal: a história do estilo em uma única música5000 acessosAndreas Kisser: "Eloy Casagrande talvez não seja humano"

Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online