Black Country Communion: atrito leva a cancelamento de show

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: classicrockmagazine.com, Tradução
Enviar Correções  

O guitarrista do Black Country Communion, Joe Bonamassa, revelou sua raiva pela tentativa de Glenn Hughes de forçá-lo a fazer coisas que ele já disse não poder fazer.

E ele recusou a se apresentar no show único deles em Wolverhampton porque ele receou que Hughes viesse "a fazer algum anúncio idiota no palco" relacionado ao futuro da banda.

publicidade

O desentendimento entre a dupla tornou-se pública após Hughes dizer que ele achava que o próximo álbum, Afterglow, talvez fosse o último deles porque ele precisava estar em uma banda que fizesse turnês e a ativa carreira solo de Bonamassa torna isso impossível.

Após uma publicação irritada no Twitter, o frontman tentou acalmar a situação voltando atrás em suas declarações – mas o guitarrista diz que o estrago já tinha sido feito.

publicidade

Bonamassa falou ao Music Radar: "Ao fazer o disco eu abri muito em jogo. Todos sabiam qual era o meu lance. Eu pus todas as cartas na mesa. E nós nos divertimos muito fazendo o disco."

"Fiquei sabendo desse disparate por vias indiretas. Eu li num blog, ou em qualquer outro lugar. E pensei comigo ‘Por que de repente a culpa é minha? Eu estou fazendo o que disse que faria pelos próximos três anos – e agora, porque alguém mudou de idéia, isso é culpa minha?’"

publicidade

"O que mais me incomodou foi receber email de garotos do Brasil dizendo, ‘Era o sonho da minha vida ver o Black Country Communion, e como o Glenn Hughes diz que você não quer estar na banda, agora você é o anticristo do blues.’"

"Eu não faria isso a ninguém. Por pior que a situação esteja internamente, você jamais lava roupa suja em público. Telefona para mim, sabe? E ele jamais fez isso."

publicidade

Os fãs do BCC foram supreendidos pelo cancelamento do show em Wolverhampton, marcado para janeiro, poucos dias após os ingressos terem sido colocados à venda.

Bonamassa explica: "Eu jamais farei um show por obrigação para extorquir fãs tendo esse grande problema a ser resolvido, e todos dizendo, ‘Bem, esse pode ser o último show’ e ficar na expectativa do Glenn fazer algum anúncio idiota no palco. O povo vai jogar ovos em nós".

publicidade

"Quando chegou o momento eu disse, ‘provavelmente é melhor que eu fique de fora disso e esfrie a cabeça. Sem acabar com a banda, sem dizer que acabou e sem dizer nada além de ‘prefiro não participar desse evento nesse momento em particular.’"

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Kiss: Derek Sherinian diz que foi meio humilhante tocar com eles, mas aprendeu muitoKiss
Derek Sherinian diz que foi "meio humilhante" tocar com eles, mas aprendeu muito


Kiss: Derek Sherinian diz que foi meio humilhante tocar com eles, mas aprendeu muitoKiss
Derek Sherinian diz que foi "meio humilhante" tocar com eles, mas aprendeu muito

Glenn Hughes: ele ama o Brasil pelas pessoas, comida e futebolGlenn Hughes
Ele ama o Brasil pelas pessoas, comida e futebol


Sabaton: Exército brasileiro retribuiu homenagem da banda suecaSabaton
Exército brasileiro retribuiu homenagem da banda sueca

Whiplash.Net: Como enviar conteúdo ou se tornar um colaborador do siteWhiplash.Net
Como enviar conteúdo ou se tornar um colaborador do site


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin