Roger Waters: prometendo álbum sobre extremismo religioso

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nathália Plá, Fonte: classicrockmagazine.com, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 07/11/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


920 acessosRoger Waters: organização judaica acusa músico de ser antissemita5000 acessosLed Zeppelin: a inspiração por trás de "Kashmir"

Roger Waters prometeu fazer mais um álbum após ter começado a compor durante os intervalos em sua turnê mundial The Wall.

O ex-integrante do Pink Floyd esteve flertando com a idéia de se aposentar desde que anunciou a ambiciosa jornada pelo globo, que incluiu uma emotiva reunião no palco com os antigos colegas de banda David Gilmour e Nick Mason.

Waters planeja chamar o álbum Heartland e o trabalho irá explorar conceitos do extremismo religioso.

Ele disse à Rolling Stone: “A idéia do Heartland veio de uma música que compus há 15 anos, ou mais, que foi uma música que compus para um filme. Um filme bem ruim chamado Michael que era sobre um anjo.”

Ele vem trabalhando em uma faixa que ele ainda não intitulou. “Não sei como ela deve se chamar, mas lhe digo qual a primeira estrofe: ‘Se eu fosse Deus...’”

Waters continua: “Estou absolutamente determinado a fazer mais um álbum. Acho que essa nova música pode me dar a chance de fazer isso.”

“Ela me dá uma pedra angular e uma idéia central para eu compor a respeito. Eu estou meio que obcecado com a idéia de que o extremismo religioso é um fator maligno na maior parte de nossas vidas.”

Ele disse que Gilmour e Mason não estarão no álbum, com quem ele trabalhou pela última vez em no disco anti-guerra de 1983, The Final Cut.

Ele crê que muitas das mensagens dele ainda são válidas, explicando: “Estamos determinados a continuar a lutar contra a opressão, por assim dizer, de uma sociedade enlouquecida pela corrida desenfreada pela maximização do lucro.”

A turnê The Wall de Water foi o espetáculo itinerante mais rentável de 2012, levando 131.4 milhões de dólares em seis meses até o fim de maio. Quando ele lançou o projeto em 2010 ele disse que seria seu último, mas posteriormente explicou: “Ainda não me decidi – eu fiquei muito apaixonado pelo show ao ar livre. É tão divertido de se fazer que acho que ainda tenho mais em mim.”

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

David GilmourDavid Gilmour
Trecho inédito do show histórico em Pompeia

920 acessosRoger Waters: organização judaica acusa músico de ser antissemita2690 acessosPink Floyd: Idosos reagem a músicas da banda114 acessosDoom Side of the Moon: versões para "Time" e "Money"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Pink Floyd"

Andreas KisserAndreas Kisser
A política de Israel não mudou por causa do Roger Waters

FrontmenFrontmen
Quando os originais não eram as melhores opções

Rock e MetalRock e Metal
5 músicas que melhor criaram suas "atmosferas"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Roger Waters"0 acessosTodas as matérias sobre "Pink Floyd"

Led ZeppelinLed Zeppelin
A inspiração por trás de "Kashmir"

SinceridadeSinceridade
E se as capas de discos dissessem a verdade?

Tarja TurunenTarja Turunen
A agressão de um fã durante show no México em 2000

5000 acessosAnos 90: bandas de hard rock e metal que decepcionaram os fãs5000 acessosLegião Urbana: Eduardo e Mônica, uma análise psico-neurótica5000 acessosO Whiplash.Net protege quem anuncia no site?4561 acessosJames Hetfield: ele se mudou da Bay Area para poder caçar em paz1450 acessosThe Beatles: liderando lista de artistas mais pirateados do mundo5000 acessosBruno Sutter: tocando música do Death no baixo

Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online