Velvet Revolver: Slash não quer saber de Scott Weilland

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Thiago Coutinho, Fonte: Blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 05/01/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


885 acessosGuns N' Roses: visita dos músicos a Jerusalém é cancelada5000 acessosRush: Um Adeus Aos Reis

Se você, fã do VELVET REVOLVER, tinha esperanças de que a banda se reuniria com seu antigo cantor Scott Weilland (que também cuida dos vocais do STONE TEMPLE PILOTS), é melhor desfazê-las.

Ainda que Weilland venha declarando a diversas publicações estadunidenses, como a Rolling Stones, que “este é o momento perfeito para o VELVET REVOLVER voltar à ativa”, Slash foi direto e sucinto quanto ao futuro do grupo junto a seu ex-vocalista: “não quero sequer me dar ao trabalho de lhe dar atenção, para dizer a verdade”, disse Slash em recente entrevista à revista inglesa Classic Rock.

E o guitarrista não parou por aí. “Acredito que, neste ponto, ele deve ter sido demitido do STONE TEMPLE PILOTS e quer tentar tirar algo daqui e dali dizendo que alguma coisa está acontecendo, e nós não vamos comprar essa ideia. A porta está fechada do lado de cá e deve estar do lado de lá também, então ele está sozinho. E ele merece isso”, afirmou Slash.
“Scott está simplesmente falando um monte de merda [a respeito do VELVET REVOLVER]. Ninguém, até aqui, tem conversado com ele sobre este assunto, exceto talvez Dave Kushner [guitarrista do VELVET], porque ele era o único na banda realmente próximo a Scott. Diante de todas essas considerações, nós realmente não temos uma boa relação profissional com ele”, continuou o músico.

Por fim, para Slash, trazer Scott de volta à banda seria como atrair energia negativa à sua vida e carreira. “Isso tudo me deixa puto, porque ele também colocou o STP diante de muita porcaria, e fez o mesmo conosco enquanto trabalhamos juntos. E, basicamente, desde que formei minha banda solo e parei de excursionar com ele, tudo tem sido demais. Mas mesmo que não tivesse minha banda, ainda assim não trabalharia com ele novamente”, vociferou o músico.

Os rumores de que Scott estaria se reunindo a Slash e cia. tomaram força em janeiro de 2011, quando o grupo se juntou para tocar quatro músicas em Los Angeles, num tributo ao finado compositor John O'Brien. Mas, desde então, a banda continuou inativa.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 05 de janeiro de 2013

Guns N RosesGuns N' Roses
Visita dos músicos a Jerusalém é cancelada após ataque terrorista

1429 acessosLoudwire: em vídeo, os 10 maiores riffs de metal dos 80's1574 acessosFabio Lima: 13 músicas pelo Guns N' Roses0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Guns N' Roses"

Guns N RosesGuns N' Roses
Como crianças reagem ao ouvir a banda?

GuitarristasGuitarristas
As melhores duplas segundo a Ultimate Classic Rock

"Falou!""Falou!"
5 músicos que já foram embora de seus shows

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Velvet Revolver"0 acessosTodas as matérias sobre "Slash"0 acessosTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"

RushRush
Um Adeus Aos Reis

CuriosidadesCuriosidades
As histórias por trás de 11 capas clássicas

Rock e metalRock e metal
O outro lado das capas de discos

5000 acessosContra-baixo: as melhores introduções do Heavy Metal5000 acessosBlack Sabbath: mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill Ward5000 acessosSlipknot: Ana Maria Braga surpreende em abertura do Mais Você5000 acessosPink Floyd: Nick Mason compara saída de Waters à morte de Stalin5000 acessosDave Mustaine: detratores são cruéis, mas não burros5000 acessosCopa do Mundo: Mojo elege as 15 canções mais incríveis do Brasil

Sobre Thiago Coutinho

Formado em Jornalismo, 23 anos, fanático por Bruce Dickinson e seus comparsas no Maiden. O heavy metal surgiu na minha vida quando ouvi o vocalista da Donzela de Ferro em "Tears of the Dragon", em meados de 1994. Mas também aprecio a voz de pato bêbado do controverso Dave Mustaine, a simplicidade do Ramones, as melodias intrincadas do Helloween, a belíssima voz de Dio ou os gritos escabrosos de Rob Halford. A Whiplash apareceu em minha vida sem querer, acho que seus criadores são uns loucos amantes de rock e acredito que este seja o melhor site de rock do país, sem qualquer demagogia!

Mais matérias de Thiago Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online